Concurso Alego: resultado final homologado. CONFIRA

Concurso Alego ofertou 80 vagas imediatas, além de formação de cadastro de reserva e iniciais de até R$ 29,1 mil

A Assembleia Legislativa do Estado de Goiás publicou três editais de concurso em 2018 (concurso ALEGO), destinados ao provimento de 80 vagas imediatas, além de 77 para formação de cadastro de reserva para os cargos de Assistente Legislativo, Analista Legislativo e Procurador de 2ª Classe.

O concurso foi homologado em julho de 2019 e terá dois anos de validade contados a partir da data de homologação, podendo ser prorrogado uma única vez por igual período.

Confira ao longo desta matéria mais informações sobre o concurso Alego, para facilitar a sua leitura, navegue utilizando o índice abaixo:

Concurso Alego: situação atual

O concurso foi homologado pelo Presidente da Assembleia Legisaltiva do Estado de Goiás, Deputado Lissauer Vieira, em julho de 2019. Confira:

Assistente Legislativo

Analista Legislativo

Procurador de 2ª Classe

Concurso Alego: remuneração e benefícios

As remunerações ofertadas foram de:

  • R$ 5.789,37 para o cargo de Assistente Legislativo;
  • R$ 7.931,53 para o cargo de Analista Legislativo; e
  • R$ 29.115,95 para o cargo de Procurador d 2ª Classe.

Concurso Alego: cargos e vagas

Na ocasião, os editais ofertaram vagas para:

Assistente Legislativo

Policial Legislativo
Vagas: 30 + 6 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Técnico em Enfermagem do Trabalho
Vagas: 2 + 4 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Técnico em Segurança do Trabalho
Vagas: 2 + 4 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Tradutor – Intérprete de Libras
Vagas: 2 + 4 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Analista Legislativo

Arquiteto
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Arquivologista
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Assistente Social
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Cirurgião-Dentista
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Comunicador Social
Vagas: 5 + 2 CR
Jornada de trabalho: 5 horas diárias

Contador
Vagas: 5 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Enfermeiro do Trabalho
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Engenheiro Civil
Vagas: 1 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Engenheiro do Trabalho
Vagas: 1 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Engenheiro Eletricista
Vagas: 1 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Fisioterapeuta
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Médico Cardiologista
Vagas: 1 + 4 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Médico Clínico
Vagas: 1 + 4 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Médico do Trabalho
Vagas: 2 + 4 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Médico Ginecologista
Vagas: 1 +4 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Médico Ortopedista
Vagas: 1 + 4 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Médico Psiquiatra
Vagas:  1 + 4 CR
Jornada de trabalho: 4 horas diárias

Psicólogo Organizacional
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Revisor Ortográfico
Vagas: 6 + 3 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Segurança da Informação
Vagas: 2 + 2 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Procurador de 2ª Classe
Vagas: 2 + 6 CR
Jornada de trabalho: 6 horas diárias

Concurso Alego: requisitos

Assistente Legislativo

Policial Legislativo: formação de nível médio; conhecimento das funções da Assembleia; ser aprovado em concurso público; ser aprovado em exame de aptidão física; ser aprovado em exame psicotécnico.

Técnico em Enfermagem do Trabalho: certificado, devidamente registrado, de conclusão do ensino médio de educação profissional de nível técnico (Técnico de Enfermagem ou Auxiliar de Enfermagem), fornecido por instituição oficial de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de qualificação específica em nível médio em Enfermagem do Trabalho; ser aprovado em concurso público.

Técnico de Segurança do Trabalho: certificado, devidamente registrado, de conclusão do ensino médio de educação profissional de nível técnico (antigo segundo grau profissionalizante) em Segurança do Trabalho, fornecido por instituição oficial de ensino, reconhecida pelo Ministério da Educação; ou certificado de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau), fornecido por instituição oficial de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, acrescido de curso de Supervisor de Segurança do Trabalho, em ambos os casos, com respectivo registro no Ministério do Trabalho e Emprego; ser aprovado em concurso público.

Intérprete de Libras: formação de nível médio e habilitação técnica específica; conhecimento das funções da Assembleia; ser aprovado em concurso público.

Analista Legislativo

Arquiteto: diploma devidamente registrado de conclusão de curso de graduação de nível superior em Arquitetura, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC; registro no respectivo órgão de fiscalização do exercício profissional; experiência de, no mínimo, 3 (três) anos em elaboração de projetos, acompanhamento e execução de obras; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Arquivologista: diploma devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Arquivologia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação – MEC; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Assistente Social: formação de nível superior em Serviço Social; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Cirurgião-Dentista: formação de nível superior em Odontologia e Registro Profissional; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Comunicador Social: formação de nível superior em Comunicação Social ou Jornalismo e Registro Profissional; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Contador: formação de nível superior em Ciências Contábeis e Registro Profissional; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Enfermeiro do Trabalho: certificado ou diploma de conclusão, devidamente registrado, de curso de graduação em Enfermagem, fornecido por instituição de ensino superior reconhecia pelo Ministério da Educação; registro no Conselho Regional de Enfermagem (COREN); certificado de conclusão de curso de especialização em Enfermagem do Trabalho; ambos registrados até a data de admissão; ser aprovado em concurso público.

Engenheiro Civil: diploma devidamente registrado de conclusão de curso de graduação de nível superior em Engenharia Civil, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC; registro no respectivo órgão de classe; experiência de, no mínimo, 3 anos em elaboração de projetos, acompanhamento e execução de obras; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público

Engenheiro do Trabalho: formação de nível superior em Engenharia ou em Arquitetura e Urbanismo, com especialização em Engenharia do Trabalho; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Engenheiro Eletricista: diploma devidamente registrado de conclusão de curso de graduação de nível superior em Engenharia Elétrica, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC; registro no respectivo órgão de classe; experiência de, no mínimo, 3 anos em elaboração de projetos, acompanhamento e execução de obras, nesta área de atuação; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Fisioterapeuta: certificado ou diploma de conclusão de curso de graduação em Fisioterapia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação; registro no Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (CREFITO); ser aprovado em concurso público.

Médico Cardiologista: formação de nível superior em Medicina, com residência médica em Cardiologia, reconhecida pelo MEC e com registro profissional da especialidade no Conselho Regional de Medicina; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Médico Clínico: formação de nível superior em Medicina, com residência médica em Clínica Médica, reconhecida pelo MEC e com registro profissional da especialidade no Conselho Regional de Medicina; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Médico do Trabalho: certificado ou diploma de conclusão de curso de graduação em Medicina, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação; registro no Conselho Regional de Medicina; certificado de conclusão de curso de especialização em Medicina do Trabalho, ambos registrados até a data de admissão; ser aprovado em concurso público.

Médico Ginecologista: formação de nível superior em Medicina, com residência médica em Ginecologia, reconhecida pelo MEC e com registro profissional da especialidade no Conselho Regional de Medicina; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Médico Ortopedista: formação de nível superior em Medicina, com residência médica em Ortopedia, reconhecida pelo MEC e com registro profissional da especialidade no Conselho Regional de Medicina; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Médico Psiquiatra: formação de nível superior em Medicina, com residência médica em Psiquiatria, reconhecida pelo MEC e com registro profissional da especialidade no Conselho Regional de Medicina; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Psicólogo Organizacional: formação de nível superior em Psicologia e registro profissional com especialização em Psicologia Organizacional ou na área de recursos humanos/gestão de pessoas; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Revisor Ortográfico: formação de nível superior em Letras, com habilitação em Português ou em redação e revisão de textos; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Segurança da Informação: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior na área de informática ou graduação em qualquer área de nível superior com pós-graduação em informática (mínimo de 360 horas), fornecido por instituição de ensino superior, reconhecida pelo MEC; experiência de, no mínimo, 3 anos nas funções a serem exercidas ou possuir título de mestre ou de doutor na área; conhecimento das funções da Assembleia Legislativa; ser aprovado em concurso público.

Procurador de 2ª Classe: ser bacharel em Direito, devidamente inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil.

Concurso Alego: etapas

O concurso foi composto de:

  • prova objetiva; e
  • prova discursiva, exceto para revisor ortográfico.

Prova objetiva

Disciplinas

Os candidatos foram avaliados por meio das disciplinas de:

  • Assistente Legislativo
    Língua portuguesa
    Noções de Informática
    Realidade étnica, Social, Histórica, Geográfica, Cultural, Política e Econômica de Goiás
    Legislação Administrativa
    Conhecimentos específicos.

 

  • Analista Legislativo
    Língua portuguesa
    Noções de Informática
    Realidade Étnica, Social, Histórica, Geográfica, Cultural, Política e Econômica de Goiás
    Legislação Administrativa
    Conhecimentos específicos

 

  • Procurador de 2ª Classe
    Direito Administrativo
    Direito Civil
    Direito Constitucional
    Direito Financeiro e Tributário
    Direito Previdenciário
    Direito Processual Civil
    Legislação Administrativa
    Realidade Étnica, SOcial, Histórica, Geográfica, Cultural, POlítica e Econômica de Goiás

Estrutura da prova

A prova objetiva teve duração de 4 horas para os cargos de Assistente e Analista Legislativo e de 5 horas para Procurador de 2ª Classe e foi composta de questões de múltipla escolha, com cinco alternativas em cada questão, para escolha de uma única resposta correta.

Prova discursiva

A prova discursiva foi composta por uma redação para os cargos de Assistente Legislativo.

Para o cargo de Analista Legislativo, a prova discursiva foi composta por questões discursivas sobre quaisquer conteúdos de conhecimentos específicos.

Já para o cargo de Procurador de 2ª Classe, esta etapa foi composta por questões discursivas e elaboração de peças jurídicas sobre os conteúdos de conhecimentos específicos.

Prova de conhecimentos práticos

Os candidatos que disputaram as vagas de Revisor Ortográfico e Tradutor e Intérprete de Libras e foram aprovados na etapa de prova discursiva tiveram de realizar prova de conhecimentos práticos.

Para o cargo de Revisor Ortográfico, esta prova teve como objetivo avaliar o conhecimento do candidato em relação à Língua portuguesa para correção lnguísitca de textos.

Já para o cargo de Tradutor e Intérprete de Libras, a prova de conhecimentos práticos consistiu na tradução de uma exposição oral realizada em Língua portuguesa para a linguagem de Libras, com duração máxima de 30 minutos.

Teste de Aptidão Física

Os candidatos que concorreram às vagas de Assistente Legislativo – Policial Legislativo realizaram a prova de aptidão física.

A prova de aptidão física consistiu em corrida com duração de 12 minutos

  • de 1.900 m para os homens; e
  • de 1.600 m para as mulheres.

Avaliação  Psicológica

Os candidatos que disputaram as vagas de Assistente Legislativo – Policial Legislativo também foram submetidos à avaliação psicológica.  A avaliação psicológica consistiu na aplicação e na avaliação de baterias de testes e de instrumentos psicológicos do candidato para o desempenho das atribuições inerentes ao exercício do cargo.

Avaliação de Títulos

Os candidatos que concorreram às vagas de Procurador de 2ª Classe foram submetidos à prova de títulos.

Concurso Alego: validade

O prazo de validade do concurso Alego é de até dois anos contados a partir da data de homologação, podendo ser prorrogado uma única vez por igual período.

Curso Gratuito Imparável 2020

Você é imparável? Tem um sonho grande em mente que te motiva a seguir em frente em busca de uma vida melhor, mesmo com as dificuldades que aparecem no caminho (falta de tempo, desafios de conciliar a rotina, insegurança)? Se sim, então este curso é para você!

Organizamos de forma objetiva e prática em um só material algumas das principais disciplinas e conteúdos cobrados em concursos públicos para intensificar as suas chances de aprovação, tudo preparado por nossa equipe de colaboradores e professores especialistas no assunto. E o melhor: todo o conteúdo é totalmente gratuito! Mesmo se você ainda não começou a estudar, não deixe essa oportunidade passar. Nunca é tarde! Garanta a sua oportunidade no Curso Gratuito Imparável 2020!

Clique AQUI para se inscrever gratuitamente!

Resumo do concurso ALEGO

Concurso Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Concurso Alego)
Banca organizadora Instituto Americano de Desenvolvimento – IADES
Cargos Assistente Legislativo, Analista Legislativo e Procurador
Escolaridade níveis médio e superior
Carreiras saúde, administrativa e jurídica
Lotação Goiás
Número de vagas 80 vagas + 77 CR
Remuneração de R$ 5.789,37 a R$ 29.115,95
Inscrições  de 18/09/2018 a 27/12/2018
Taxa de inscrição de R$ 80,00 a R$ 150,00
Data da prova objetiva 20 de janeiro  de 2019 – Analista legislativo
27 de janeiro de 2019 – Assistente legislativo
27 de janeiro de 2019 – Procurador
Link do edital clique aqui para fazer download do edital para Assistente Legislativo

clique aqui para fazer download do edital para Analista Legislativo

clique aqui para fazer download do edital para Procurador de 2ª classe

Quer conquistar a sua aprovação no concurso ALEGO?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Avatar
Lorena Martins
52 Comentários

52 Comentários

  1. Avatar

    BrunA

    20/10/2016 19:45em19:45

    A LOTAÇÃO É SOMENTE PARA CIDADE DE GOIANIA ?

    • Avatar

      José

      01/03/2018 12:46em12:46

      A assembléia é onde?

  2. Avatar

    Fabriel

    20/10/2016 23:12em23:12

    Imagino que a lotação é apenas para Goiânia, pois a Assembléia é aqui.

  3. Avatar

    Jader Figueiredo

    24/10/2016 12:15em12:15

    Os cargos de Policial legislativo, auxiliar administrativo e motorista serão nível médio?

    • Avatar

      Geovanna Sousa

      06/03/2018 13:40em13:40

      Sim Nível Médio

  4. Avatar

    Cristianne

    03/11/2016 10:03em10:03

    Alguma possibilidade de vaga para REVISOR DE TEXTO? Ou só para estes cargos citados acima?

  5. Avatar

    Gustavo

    27/12/2016 11:33em11:33

    serão somente 47 vagas e 5 auxiliares administrativos ? alguém sabe me dizer ?

  6. Avatar

    Diego

    16/01/2017 09:59em09:59

    E o ultimo concurso de 2015, não irão chamar os aprovados?

    • Avatar

      lucas

      17/10/2018 12:00em12:00

      qual foi a validade … se ja terminou, tem q prestar novamente.

  7. Avatar

    Fernanda

    26/01/2017 17:54em17:54

    Totalmente furada, nem terminaram de chamar o concurso de 2014 ainda.

  8. Avatar

    Oliveira DC

    02/03/2018 11:39em11:39

    Bom dia, para o cargo de Motorista será exigido qual nível de escolaridade, e qual CNH ? Desde já obrigado.

  9. Avatar

    CH. Júnior

    05/03/2018 14:49em14:49

    Alguma possibilidade das provas serem aplicadas em outras cidades de Goiás além de Goiânia?

  10. Avatar

    Marcelo

    05/03/2018 21:59em21:59

    cargos somente para a sede, em Goiânia, provas, provavelmente só em Goiânia, queria saber o salário de policial legislativo, será que ta chegando nos 4k? Fora o VA de 500,00 claro, recentemente concedido aos servidores estaduais

  11. Avatar

    Marcelo

    26/04/2018 11:39em11:39

    Alguém sabe quanto está o salário de um policial legislativo atualmente?

  12. Avatar

    jordana

    01/06/2018 09:35em09:35

    Tem alguma possibilidade de abrir vaga para taquígrafo?

  13. Avatar

    Renan Repizo

    08/07/2018 19:34em19:34

    Quais os requisitos para Policial Legislativo?Grato.

  14. Avatar

    Marcelo

    20/07/2018 17:08em17:08

    A prova de Policial legislativo tem TAF?

  15. Avatar

    Marcus

    24/07/2018 08:39em08:39

    Porque o V.A que foi concedido recentemente aos servidores estaduais-go não foi concedido para o legislativo(camara e assembleia)?

  16. Avatar

    jocsa batista

    27/09/2018 01:47em01:47

    cade as vagas para tecnico em analise clinicas……..

  17. Avatar

    Amanda Rodrigues

    28/09/2018 17:32em17:32

    Não consegui ver no edital as remunerações. Alguém conseguiu?

  18. Avatar

    Fábio

    01/10/2018 13:33em13:33

    Bom dia!
    Teria como saber a categoria da CNH exigida para o cargo de Policia Legislativa?
    E por favor, alguém sabe quando foi realizado o ultimo concurso para este cargo aqui em Goiânia?

    Desde de já, agradeço!!

  19. Avatar

    Marco

    02/10/2018 02:04em02:04

    Onde consta a composição da remuneração? Olhei a resolução 1007 e só fala das gratificações gerais e do base

  20. Avatar

    Alisson Tavares de Souza

    03/10/2018 13:56em13:56

    Alguém ajuda aí, na transparência os analistas de TI de 2016 estão ganhando de 9.700 a 10.300. E quem tem função recebe 14.000.
    Mas qual a composição do salario?
    é gratificação?
    Todos recebem?
    Vai para aposentadoria?

  21. Avatar

    Phelipe Bitencourt

    16/10/2018 12:23em12:23

    SAIUUUUUU A BANCA, SERÁ A IADES

  22. Avatar

    arthur

    24/10/2018 12:38em12:38

    O edital será publicado no dia 25/10

  23. Avatar

    Rodrigo

    25/10/2018 13:31em13:31

    Olá, para o cargo de policia legislativa exige habilitação técnica especifica o que isso quer dizer?

  24. Avatar

    Fernanda de Melo Fernandes Martins

    25/10/2018 13:38em13:38

    O que significa “habilitação técnica específica” para o cargo de polícia legislativa?

  25. Avatar

    Lyncoln

    25/10/2018 14:24em14:24

    Gente quero saber também! Afial o que vem a ser essa bendita HABITAÇÃO TÉCNICA ESPECÍFICA para Policial Legislativo?

  26. Avatar

    Daniela Ramos

    25/10/2018 15:06em15:06

    Acho que essa “Habilitação técnica especifica” é tipo curso técnico na área de segurança publica

  27. Avatar

    Romulo Mendes Cruz

    25/10/2018 15:35em15:35

    Alguém poderia explicar, por favor, o que seria essa habilitação técnica específica para o cargo de policial legislativo?

  28. Avatar

    Wadson Azevedo

    25/10/2018 17:01em17:01

    Também gostaria de saber qual é a habilitação técnica do cargo de policial legislativo.

  29. Avatar

    WELL

    25/10/2018 17:03em17:03

    Olhando aqui na lei dos cargos da ALEGO, verifiquei que não há necessidade de nenhum curso na área de segurança e sim três requisitos, in verbis: Formação de Nível Médio; conhecimentos das funções da Assembleia Legislativa; Ser aprovado em concurso público; ser aprovado em exame de aptidão física; ser aprovado em exame psicotécnico.

  30. Avatar

    Renan

    26/10/2018 15:29em15:29

    Sem querer desanimar a galera mas eles não chamaram os de 2015.

    • Avatar

      José

      05/11/2018 16:52em16:52

      Por lei, o primeiro colocado tem direito adquirido a nomeação.

    • Avatar

      Robert

      14/11/2018 11:31em11:31

      Chamaram sim. Até alguns do cadastro de reserva.

  31. Avatar

    maria

    29/10/2018 22:11em22:11

    Para o cargo de Comunicador Social só pode ser jornalista? Ou pode Publicitário também? Obrigada.

  32. Avatar

    Rôzze

    01/11/2018 16:35em16:35

    Boa tarde! Alguém poderia me dizer, por favor, o que seria habilitação técnica específica para o cargo de policial legislativo?

    • Avatar

      Gabriel

      02/11/2018 12:30em12:30

      Também quero muito saber

    • Avatar

      Jefferson

      07/11/2018 12:35em12:35

      Pessoal, eu também procurei saber o que queria dizer “habilitação técnica específica” não achei em lugar algum.
      Daí eu perguntei a um amigo advogado ele disse que isso ficou vago e que eu poderia fazer a prova tranquilo, que se aprovado, esse quesito não é impedimento para assumir o cargo.

      Boa sorte a todos!!!

  33. Avatar

    Fábio

    11/11/2018 22:01em22:01

    Sabem dizer se os salários estão sendo pagos em dia? Vi notícias de que uma parte do funcionalismo de Goiás recebeu parcelado.

    • Avatar

      sf

      14/11/2018 14:15em14:15

      Minha esposa é servidora estadual de GO, e há um clamor..nesse sentido!

  34. Avatar

    Matheus Henrique Bispo Alves

    13/11/2018 12:11em12:11

    Será Porque que para o cargo de policia legislativo não veio os requisitos de acuidade visual ? Seria então possível pessoal com visão monocular serem empossadas normalmente?

  35. Avatar

    sandro

    15/11/2018 15:56em15:56

    p horario das provas ?
    analista

  36. Avatar

    Fabricio

    20/11/2018 14:10em14:10

    Olhem direito. Apenas a prova de procurador foi adiada. A de Assistente permanece inalterada.

  37. Avatar

    JADERSON

    04/12/2018 13:34em13:34

    Qual é a habilitação especifica para o cargo de policial legislativo?

  38. Avatar

    Genivaldo

    23/12/2018 14:41em14:41

    Tem vaga para PCD para algum desse cargos.

  39. Avatar

    Glauco

    13/01/2019 21:37em21:37

    onde consigo ver o local da prova?

  40. Avatar

    Glauco

    13/01/2019 21:38em21:38

    onde consigo ver o local da prova?

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação no concurso ALEGO?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Para o Topo