Bancárias

Concurso BRB: você conhece todas as etapas de provas do certame?

Concurso BRB: conheça todas as etapas de provas de forma detalhada.

Concurso BRB oferta vagas para os níveis médio e superior.

O Banco de Brasília publicou três editais de concurso público (concurso BRB), visando selecionar candidatos para o provimento de 113 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva.

As oportunidades são para os empregos de Escriturário, Analista de Tecnologia da Informação, Engenheiro de Segurança do Trabalho, Médico do Trabalho e Advogado. Para concorrer a uma das vagas, é necessário possuir formação nos níveis médio e superior.  Veja mais detalhes sobre o concurso BRB aqui.

Concurseiro, está atento a todas as regras do edital é tão essencial quanto estudar. Por isso, vale a pena reservar um tempo para analisá-lo de forma detalhada, a fim de extrair e separar as informações mais importantes, pois elas te ajudarão a organizar os estudos e a executá-los de forma mais eficiente. Afinal de contas, não adianta passar horas e horas estudando sem um planejamento adequado, não é mesmo?

Um dos pontos a ser observado no edital é as etapas de provas, e não só a quantidade de questões que serão cobradas e o conteúdo programático, mas as pontuações atribuídas as provas, o peso de cada questão, a forma  como serão estruturadas, quais serão os procedimentos a serem seguidos no dia da aplicação delas e os critérios de avaliação.

Neste post detalhamos todas as etapas de provas do concurso BRB. Veja!

 

Concurso BRB: etapas de provas 

 

Confira como serão estruturadas as provas para o emprego de Escriturário

Prova objetiva

Os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva e discursiva, a ser aplicada na data provável de 18 de agosto de 2019, no período vespertino, e terá a duração de 4 horas.

No dia 02 de agosto de 2019, serão divulgados no site da banca IADES, organizadora do certame, os locais, datas e horários de aplicação das provas objetivas e discursivas.

Com 60 questões de múltipla escolha, tendo cada uma 5 alternativas de resposta, mas apenas uma resposta correta, a prova objetiva avaliará dos candidatos conhecimentos nas seguintes disciplinas:

  • Língua portuguesa – 8 questões
  • Raciocínio Lógico e Matemática – 6 questões
  • Uso de Tecnologias em Ambientes Corporativos – 4 questões
  • Governança Corporativa e Compliance – 4 questões
  • Inovação – 3 questões
  • Lei Orgânica do Distrito Federal e Regime Jurídico dos Servidores do Distrito Federal – 2 questões
  • Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do DF e da RIDE – 3 questões
  • Conhecimentos Específicos – 30 questões

Os candidatos que obtiverem o mínimo de 50% da pontuação total máxima permitida para a prova objetiva serão considerados aprovados na prova objetiva.

Gabarito Preliminar da prova objetiva

Após 22 horas da aplicação da prova objetiva, será publicado no site da banca IADES, http://www.iades.com.br, o gabarito preliminar da prova objetiva.

Prova Discursiva

A prova discursiva será aplicada no mesmo dia que a prova objetiva, e a pontuação máxima atribuída será 10,00 pontos.

O objetivo da prova discursiva é avaliar do candidato a sua capacidade de expressão na modalidade escrita e o uso das normas culta da Língua Portuguesa.

O candidato terá de elaborar um texto dissertativo ou descritivo com extensão mínima de 20 linhas e máxima de 30 linhas, baseado em tema formulado pela banca examinadora.

Será atribuída a nota zero, ao candidato que:

  • Fugir do tema;
  • Elaborar texto inferior a 20 linhas;
  • Elaborar texto em local indevido.

 

Confira como serão estruturadas as provas para os empregos de Analista de Tecnologia da Informação, Engenheiro de Segurança do Trabalho e Médico do Trabalho

 

Prova objetiva 

No dia 25 de agosto de 2019, serão aplicadas as provas objetivas e discursivas para os empregos de Analista de Tecnologia da Informação, Engenheiro de Segurança do Trabalho e Médico do Trabalho, com duração de 4 horas e 30 minutos.

Serão divulgados no site da banca IADES, organizadora do certame, no dia 09 de agosto de 2019, os locais, datas e horários de aplicação das provas objetivas e discursivas.

A prova objetiva será composta de 60 questões de múltipla escolha, tendo cada uma 5 alternativas de resposta, mas apenas uma resposta correta, e avaliará dos candidatos conhecimentos nas seguintes disciplinas:

  • Língua portuguesa – 7 questões
  • Raciocínio Lógico e Matemática – 3 questões
  • Governança Corporativa e Compliance – 3 questões
  • Inovação – 3 questões
  • Lei Orgânica do Distrito Federal e Regime Jurídico dos Servidores do Distrito Federal – 2 questões
  • Conhecimentos sobre o Distrito Federal e sobre a RIDE – 2 questões
  • Conhecimentos Específicos – 20 questões

Os candidatos que obtiverem o mínimo de 50% da pontuação total máxima permitida para a prova objetiva serão considerados aprovados na prova objetiva.

Gabarito Preliminar da prova objetiva

Será publicado no site da banca IADES, http://www.iades.com.br, após 22 horas da aplicação da prova objetiva, o gabarito preliminar da prova objetiva.

Prova Discursiva

A prova discursiva será aplicada no mesmo dia que a prova objetiva, e a pontuação máxima atribuída será 20,00 pontos.

A prova discursiva terá duas questões e consistirá na elaboração de dois textos dissertativo ou descritivo com extensão mínima de 20 linhas e máxima de 30 linhas, baseado em tema formulado pela banca examinadora.

Será atribuída a nota zero, ao candidato que:

  • Fugir do tema;
  • Elaborar texto inferior a 20 linhas;
  • Elaborar texto em local indevido.

 

Confira como serão estruturadas as provas para o emprego de Advogado

 

Prova objetiva

Para o emprego de Advogado, os candidatos, também, serão avaliados por meio de provas objetivas e discursivas, a serem realizadas no dia 08 de setembro de 2019.

As provas terão a duração de 5 horas e serão aplicadas no período da tarde.

A partir do dia 23 de agosto de 2019, os candidatos já poderão verificar no site da banca examinadora, IADES, os locais, datas e horários de aplicação das provas objetivas e discursiva.

A prova objetiva será constituída de 60 questões de múltipla escolha, com 5 alternativas em cada questão e avaliará os  conhecimentos dos inscritos nas disciplinas de:

Conhecimentos Gerais

  • Governança Corporativa e Compliance – 4 questões
  • Lei Orgânica do Distrito Federal e Regime Jurídico dos Servidores do Distrito Federal – 3 questões
  • Conhecimentos sobre o Distrito Federal e sobre a RIDE – 3 questões

Conhecimentos Específicos

  • Conhecimentos específicos do emprego – 50 questões

Todas as provas objetivas serão corrigidas por meio de processamento eletrônico, conforme marcações feitas pelos candidatos na folha de respostas.

Para ser considerado aprovado, os candidatos precisam de obter o mínimo de 50% da pontuação total máxima permitida para a prova objetiva.

Prova discursiva

No mesmo dia em que for aplicada a prova objetiva, também, será aplicada a prova discursiva.

A prova discursiva será composta de duas questões e consistirá na elaboração de textos dissertativos ou descritivos, tendo a extensão mínima de 30 linhas e máxima de 50 linhas.

A pontuação máxima atribuída a prova discursiva será de 20 pontos.

Para não receber nota zero, o candidato precisa de ficar atento aos seguintes critérios:

  • Não fuja do tema;
  • Não redija texto com quantidade inferior a 30 linhas;
  • Não redija texto em local indevido.

O candidato ao emprego de Advogado que obtiver nota inferior a 12 pontos na prova discursiva será eliminado e não terá classificação no concurso.

Avaliação Curricular de Títulos e Experiência Profissional

Todos os candidatos convocados para a prova discursiva terão de apresentar documentação relativa à avaliação curricular de títulos e de experiência profissional.

A avaliação curricular de títulos e experiência profissional é de caráter exclusivamente classificatório e terá pontuação máxima de 5,00 pontos.

Veja no quadro os itens se avaliação e pontuação atribuída a cada um:

Atenção: o diploma de graduação em direito não será pontuado como título, uma vez que possuir graduação em direito é requisito para ingresso no emprego.

Concurso BRB: critérios de avaliação e classificação

Tanto para os empregos de nível médio, quanto para os empregos de nível superior, na prova objetiva, a pontuação final de cada candidato será obtida pela multiplicação da quantidade de questões acertadas.

Para não ser eliminado do certame, o candidato não deve:

  • Obter pontuação igual a zero nas questões de Língua Portuguesa
  • Obter pontuação menor que 50% nas questões de Conhecimentos Gerais
  • Obter pontuação menor que 50% nas questões de Conhecimentos Específicos

Para não ser eliminado do certame, o inscrito que for concorrer ao emprego de Advogado não deve:

  • obter pontuação menor que 50% nas questões de Conhecimentos Gerais
  • obter pontuação menor que 50% nas questões de Conhecimentos Específicos

O candidato que obtiver nota na prova discursiva inferior a 60% da pontuação máxima para esta etapa, ou seja, 6,00 pontos será eliminado e não terá classificação no concurso. Já para o emprego de Advogado, será eliminado e não terá classificação no concurso o candidato que obtiver nota inferior a 12 pontos na prova discursiva.

Recursos

Aqueles que desejarem interpor recursos contra o gabarito preliminar da prova objetiva, contra o resultado preliminar da prova discursiva ou contra o resultado do concurso público terá 10 dias úteis para fazê-lo, a contar do dia subsequente ao da sua divulgação no site da banca examinadora ou no Diário Oficial do Distrito Federal.

Detalhes do concurso BRB

  • Concurso: Banco de Brasília (concurso Banco de Brasília)
  • Banca organizadora: Iades
  • Cargo(s): Escriturário, Analista de Tecnologia da Informação, Engenheiro de Segurança do Trabalho, Médico do Trabalho e Advogado
  • Escolaridade: níveis médio e superior
  • Número de vagas: 113
  • Remuneração: de R$ 3.204,26 a R$ R$ 19.530,67
  • Inscrições: de 9 de junho a 15 de julho de 2019
  • Taxa de inscrição: R$ 56 nível médio; R$ 63 nível superior
  • Data da Prova: 18 de agosto de 2019 (Escriturário); 25 de agosto de 2019 (demais empregos); 08 de setembro de 2019 (Advogado)

Edital

Edital

Edital


WHATSAPP GCO: receba gratuitamente notícias de concursos! Clique AQUI!

CONCURSOS ABERTOS: veja aqui os editais publicados e garanta a sua vaga!

CONCURSOS 2019: clique aqui e confira as oportunidades para este ano!

 

Estudando para concursos públicos? Prepare-se com quem mais entende do assunto! Cursos completos 2 em 1, professores especialistas e um banco com mais de 920.000 questões de prova! Garanta já a sua vaga! Mude de vida em 2019!

Estude onde, quando, como quiser e em até 12x sem juros! Teste agora por 30 dias!

Matricule-se!

Para o Topo