Concurso PGE RS Procurador está com inscrições abertas. VEJA

Concurso PGE RS Procurador oferta subsídio mensal superior a R$ 20 mil

Avatar


11/09/2021 | 14:26 Atualizado há 8 dias

Já estão abertas, desde o dia 8 de setembro, as inscrições do concurso PGE RS Procurador.  Interessados em concorrer às 7 vagas destinadas ao cargo de Procurador do Estado da Procuradoria-Geral do Estado do Rio Grande do Sul podem realizar as inscrições até o dia 06 de outubro de 2021 nos sites da PGE RS e Fundatec.

O valor da taxa de inscrição está fixado em R$ 323,00.

O edital do concurso PGE RS Procurador foi publicado no dia 6 de setembro. A remuneração ofertada para o cargo é de R$ 20.353,06, além de parcela mensal variável de produtividade decorrente da arrecadação de honorários de sucumbência correspondente a até R$ 6.979,79.

A seleção está sob a responsabilidade da Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – FUNDATEC.

Confira ao longo desta matéria mais informações sobre o concurso PGE RS, para facilitar navegue utilizando o índice abaixo:

Destaques:

Concurso PGE RS Procurador: situação atual

  • 08/09/2021: inscrições abertas.
  • 06/9/2021: edital publicado.
  • 27/8/2021: banca contratada. Extrato do contrato foi publicado no Diário Oficial do Estado no dia 27 de agosto de 2021.
  • 9/8/2021: Súmula de Dispensa de licitação. No dia 9 de agosto foi publicada no Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Sul a Súmula de Dispensa de Licitação para a contratação da Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – Fundatec para organizar o 15º concurso PGE RS Procurador.
  • 14/7/2021: regulamento publicado.
  • 14/7/2021: reserva de vagas em concursos. Resolução nº186, de 12 de julho de 2021.
  • 5/3/2021: Comissão formada.
  • 14/01/2021: anunciada a autorização do concurso para 19 vagas de Procurador do Estado.

Voltar ao topo

Concurso PGE RS Procurador: remuneração e benefícios

Para a classe inicial da carreira de Procurador do Estado, o subsídio ofertado no edital é de R$ 20.353,06, além de parcela mensal variável de produtividade decorrente da arrecadação de honorários de sucumbência correspondente a até R$ 6.979,79.

De acordo com a Lei nº 13.326, de 21 de dezembro de 2009, o subsídio mensal do Procurador-Geral do Estado e dos Procuradores do Estado Classe Superior fica fixado em R$ 22.111,25.

Voltar ao topo

Concurso PGE RS Procurador: cargos

O edital do concurso PGE RS Procurador destina-se ao preenchimento de

Vagas: 7 vagas. 10% dos cargos vagos serão reservados aos candidatos com deficiência e 16% dos cargos vagos serão reservados aos candidatos negros.

Requisitos:

Ser brasileiro;
Ser bacharel em Direito;
Estar quite com as obrigações militares, para os candidatos do sexo masculino;
Estar no gozo dos direitos políticos;
Não registrar antecedentes criminais (declaração firmada pelo próprio candidato, sob as penas da lei).

Atribuições: Propor orientação jurídico-normativa para a administração pública, direta e indireta;
Pronunciar-se sobre a legalidade dos atos da administração estadual;
Promover a unificação da jurisprudência administrativa do Estado;
Realizar processos administrativo-disciplinares nos casos previstos em lei, emitindo pareceres nos que forem encaminhados à
decisão final do Governador;
Prestar assistência jurídica e administrativa aos Municípios, a título complementar ou supletivo;
Representar os interesses da administração pública estadual perante os Tribunais de Contas do Estado e da União.

Cargos vagos

Atualmente, há na Procuradoria-Geral do Estado do Rio Grande do Sul 348 cargos de Procurador do Estado, dos quais 328 estão providos e 20 estão vagos.

Voltar ao topo

Concurso PGE RS Procurador: inscrições

A seleção está sob a responsabilidade da Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – FUNDATEC, e os interessados em participar do certame poderão se inscrever entre os dias 8 de setembro de 2021 e 6 de outubro de 2021 nos sites da Procuradoria-Geral do Estado, www.pge.rs.gov.br, e da FUNDATEC, www.fundatec.org.br.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 323,00.

A FUNDATEC disponibilizará computadores para acesso à internet, durante o período de inscrições, na sede, sita a Rua Professor Cristiano Fischer, nº 2012, Partenon, Porto Alegre/RS, no horário das 9 horas às 17 horas, em dias úteis.

Voltar ao topo

Concurso PGE RS Procurador: etapas

As provas para os candidatos que concorrerem às vagas de Procurador do Estado serão aplicadas em três fases, todas com caráter eliminatório e classificatório, realizadas em Porto Alegre – RS.

  • Fase Objetiva;
  • Fase Escrita e
  • Fase Definitiva.

Navegue pelas etapas de provas usando o índice abaixo:

Voltar ao topo

Prova objetiva

As provas do concurso PGE RS Procurador serão realizadas em Porto Alegre/RS. A Comissão de Concurso divulgará o dia, o horário e o local das provas por meio de edital a ser publicado no Diário Oficial do Estado, com antecedência mínima de 10 (dez) dias.

Disciplinas

Os candidatos serão avaliados por meio das disciplinas de:

  • Língua portuguesa – 20 questões
  • conhecimentos gerais de disciplinas jurídicas – 80 questões
    • Direito Constitucional
    • Direito Administrativo
    • Direito Tributário e Financeiro
    • Direito Processual Civil
    • Direito Civil
    • Direito do Trabalho e Processo do  Trabalho, de Seguridade Social
    • Direito Econômico e Empresarial
    • Direito Penal

Estrutura da prova

A Fase Objetiva compreenderá 1 prova de múltipla escolha, com 05 alternativas (A, B, C, D e E) e 1  única resposta correta , sendo composta de 20 (vinte) questões de Língua Portuguesa e
de 80 (oitenta) questões de Disciplinas Jurídicas, valendo 1 (um) ponto cada questão.

Voltar ao topo

Prova discursiva

A fase intermediária consistirá de seis provas dissertativas de:

  • Direito Constitucional;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Tributário e Financeiro;
  • Direito Processual Civil;
  • Direito Civil;
  • Direito do Trabalho e Processo do Trabalho.

Cada uma das provas tiveram três questões e cada uma valeu 100 pontos.

Provas da fase definitiva

Os candidatos que tiverem a inscrição definitiva deferida serão convocados, por edital, à realização das provas da Fase Definitiva, que compreenderá 04 provas orais e 01 prova de sustentação oral.

Prova oral

A prova oral foi realizada em sessão pública e a arguição em cada prova oral não excedeu 10 minutos. Abrangendo, total ou parcialmente, as matérias pertinentes às seguintes disciplinas:

a) Direito Constitucional;
b) Direito Administrativo;
c) Direito Tributário e Financeiro;
d) Direito Processual Civil.

Voltar ao topo

Sindicância da vida pregressa

Durante o concurso será realizado a Sindicância da vida pregressa do candidato.

Esta etapa constitui na coleta de informações sobre a vida pregressa e sobre a conduta individual e social do candidato.

Voltar ao topo

Avaliação dos Títulos

Encerrada a última prova escrita, os candidatos habilitados terão o prazo de 15 (quinze) dias para apresentar os títulos indicados no edital.  Consideram-se títulos, para efeitos do presente concurso:

  • Exercício de cargo das carreiras de Procurador de Estado e de Procurador do Distrito Federal, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, somente quando o provimento houver sido precedido de aprovação em concurso público de provas ou de provas e títulos. Valor por título: 10 (dez) pontos. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  • Exercício de cargo das carreiras de Advogado da União, de Procurador da Fazenda Nacional e de Procurador Federal, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, nas condições da alínea “a” deste item. Valor por título: 10 (dez) pontos. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  • Exercício de cargo das carreiras da Magistratura, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, nas condições da alínea “a” deste item. Valor por título: 10 (dez) pontos. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  •  Exercício de cargo das carreiras de membros do Ministério Público, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, nas condições da alínea “a” deste item. Valor por título: 10 (dez) pontos. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  • Exercício de cargo das carreiras de Defensor Público, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, nas condições da alínea “a” deste item. Valor por título: 10 (dez) pontos. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  • Exercício de cargo de provimento efetivo de Procurador da Assembleia Legislativa de Estado e da Câmara Legislativa do Distrito Federal, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, nas condições da alínea “a” deste item. Valor por título: 05 (cinco) pontos. Valor máximo: 10 (dez) pontos.
  • Exercício de cargo de provimento efetivo de Procurador de Município ou de Câmara Municipal de Vereadores, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano, nas condições da alínea “a” deste item. Valor por título: 5 (cinco) pontos. Valor máximo: 10 (dez) pontos.
  • Exercício da Advocacia, quando não decorrente do exercício dos cargos acima referidos. Valor: 01 (um) ponto por ano. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  • Exercício de magistério jurídico superior, pelo prazo mínimo de 01 (um) ano. Valor: 01 (um) ponto por ano completo. Valor máximo: 20
    (vinte) pontos.
  • Aprovação em concurso para os cargos indicados nas alíneas “a”, “b”, “c”, “d” e “e”, somente quando não computados pontos pelo respectivo exercício: Valor por título: 03 (três) pontos. Valor máximo: 09 (nove) pontos.
  • Aprovação em concurso para os cargos indicados nas alíneas “f” e “g”, somente quando não computados pontos pelo respectivo exercício: Valor por título: 01 (um) ponto. Valor máximo: 03 (três) pontos.
  • Certificado de conclusão de curso de pós-graduação lato sensu, em nível de Especialização em Direito, na forma da legislação educacional em vigor. Valor por título: 05 (cinco) pontos. Valor máximo: 15 (quinze) pontos.
  • Título de Mestre em Direito, na forma da legislação educacional em vigor. Valor por título: 15 (quinze) pontos. Valor máximo: 15 (quinze) pontos.
  • Título de Doutor em Direito, na forma da legislação educacional em vigor. Valor por título: 20 (vinte) pontos. Valor máximo: 20 (vinte) pontos.
  • Láurea universitária no Curso de Bacharelado em Direito. Valor: 03 (três) pontos.

Voltar ao topo

Último concurso PGE RS Procurador

A PGE RS publicou o seu último edital de concurso em 2014, ofertando 9 vagas para cargos de Procurador do Estado do Rio Grande do Sul.

Concurso PGE RS Procurador: nomeações

Todos os 47 aprovados foram nomeados no último concurso PGE RS Procurador.

Concurso PGE RS Procurador: nota de corte

A nota da corte da fase preliminar foi de 68 pontos, à exceção da nota de corte de candidatos negros e candidatos com deficiência.

Voltar ao topo

Concurso PGE RS Procurador: cursos gratuitos

Você é imparável? Tem um sonho grande em mente que te motiva a seguir em frente em busca de uma vida melhor, mesmo com as dificuldades que aparecem no caminho (falta de tempo, desafios de conciliar a rotina, insegurança)? Se sim, então estes cursos são para você!

Clique AQUI para se inscrever gratuitamente!

Voltar ao topo

Resumo do concurso PGE RS Procurador

CONCURSO PGE RS PROCURADOR PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL
Situação edital publicado
Banca organizadora Fundação Universidade Empresa de Tecnologia e Ciências – Fundatec – FUNDATEC
Cargos Procurador
Escolaridade Nível Superior
Carreiras Jurídica
Lotação Rio Grande do Sul
Número de vagas 7 vagas
Remuneração R$ 20.353,06
Inscrições 08 de setembro de 2021 a 06 de outubro de 2021
Data da prova objetiva a definir
Links do último edital clique aqui para fazer download do edital de Procurador 2021

 


Quer ficar por dentro dos concursos públicos abertos e previstos pelo Brasil?
Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2021

Receba gratuitamente no seu celular as principais notícias do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

TELEGRAM09

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
1

0


Tudo que sabemos sobre:

concursos RS destaque edital publicado


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *