Fonética e Fonologia; o que são?

Avatar


19/03/2019 | 19:15 Atualizado há 1242 dias

Você perdeu a primeira edição do nosso programa Gramática Básica para concursos por algum motivo? Não se preocupe! Eu, professor Lucas Gonçalves, explicarei a seguir os principais tópicos sobre o assunto estudado na última terça-feira (12).

Fonética e fonologia são ramos complementares da linguística. O objetivo é investigar e estudar os sons das palavras. Enquanto a fonética se preocupa em estudar os sons das palavras em sua realização concreta, a fonologia, por sua vez, estuda os fonemas das palavras. Nossa aula baseou-se mais em uma análise dos fonemas neste primeiro momento; por isso, prestemos atenção ao que será dito.

Em primeiro lugar, lembre-se sempre: FONEMA = SOM. Ou seja, fonema é a representação sonora de uma letra ou de um conjunto de letras. A partir de agora, faremos a descrição fonética de algumas palavras para que possamos aprofundar o assunto.

Observe!

  • Problema = 8 letras / 8 fonemas (todas as letras foram pronunciadas).
  • Justo = 5 letras / 5 fonemas (todas as letras foram pronunciadas).
  • Reflexo = 7 letras / 8 fonemas (ocorre uma dispersão do som na letra ‘x’, pois apresenta som de ‘ks’)

Agora, precisamos compreender o significado de DÍGRAFO. É o encontro de duas letras que produzem um único som. Os dígrafos serão divididos entre vocálicos e consonantais. Analise!

➜ Dígrafo vocálico

As letras “m” e “n”, ocasionalmente, são usadas para indicar a nasalidade da vogal precedente. Nesse caso, essas letras não serão consideradas consoantes porque não emitem som. [vogal + m/n]

Veja!

  • Comprar = 7 letras / 6 fonemas (há um dígrafo vocálico)
  • Considerar = 10 letras / 9 fonemas (há um dígrafo vocálico)
  • Encontro = 8 letras / 6 fonemas (há dois dígrafos vocálicos)

 

➜ Dígrafo consonantal

As combinações (rr, ss, ch, nh, lh) serão sempre dígrafos consonantais, enquanto que as combinações (sc,xc, qu, gu) nem sempre serão dígrafos.

Veja!

  • Trabalho = 8 letras / 7 fonemas (há um único dígrafo consonantal).
  • Guerra = 6 letras / 4 fonemas (há dois dígrafos consonantais que são ‘gu’ e ‘rr’).
  • Exceção = 7 letras / 6 fonemas (há um dígrafo consonantal)
  • Exclamação = 10 letras / 10 fonemas (não há dígrafo; há apenas encontros consonantais)

Por fim, estudaremos os encontros consonantais e vocálicos. Iniciaremos pelo ENCONTRO CONSONANTAL que é o encontro de duas consoantes em que ambas serão pronunciadas.

➜ Encontro consonantal: duas consoantes juntas; ambas pronunciadas.

Veja!

  • Teste = 5 letras / 5 fonemas / 1 encontro consonantal
  • Prático = 7 letras / 7 fonemas / 1 encontro consonantal
  • Forte = 5 letras / 5 fonemas / 1 encontro consonantal

 

➜ Encontro vocálico: junção de uma vogal com outra vogal; ou de uma vogal com uma semivogal. (Este é o assunto mais abordado em concursos públicos; por isso, na próxima terça-feira (26), estudaremos com mais ênfase este assunto).

Para melhor exemplificar o que é o encontro vocálico, veja as palavras listadas a seguir!

  • Área = 4 letras / 4 fonemas / 1 encontro vocálico (há um ditongo crescente)
  • Saúde = 5 letras / 5 fonemas / 1 encontro vocálico (há um hiato)
  • Goiânia = 7 letras / 7 fonemas / 3 encontros vocálicos (há dois ditongos e um hiato)

Na próxima transmissão do programa, iremos abordar com bastante profundidade os encontros vocálicos, como também estudaremos as novas regras de acentuação gráfica.

Aconselho a você assistir a nossa primeira aula, caso ainda não o tenha feito. E a você que já viu, assista novamente; pois, assim, internalizará o assunto.

Até terça-feira!

 

 


Graduado em Letras – Português pela Universidade Católica de Brasília – UCB. O professor Lucas Gonçalves ministra aulas de gramática aplicada a textos, desde 2009, em tradicionais cursos preparatórios para concursos no DF e em outros estados. Como também é autor de dois livros de questões comentadas.Com sua metodologia prática e dinâmica, tem guiado seus alunos à reflexão e ao desenvolvimento da argumentação lógica dos aspectos linguísticos da língua portuguesa, o que, segundo eles, torna o aprendizado fácil, simples e objetivo.

 

 


 

Avatar

Professor do Gran Cursos Online - Graduado em Letras - Português pela Universidade Católica de Brasília
16

2


Tudo que sabemos sobre:

Gramática para concursos


Comentários (2)


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.