Concurso FUNAI: Órgão vai solicitar novas vagas em 2022; Veja!

Concurso FUNAI: Para 2022, serão solicitadas 1.043 vagas divididas entre cargos de níveis superior e técnico.

Avatar


17/08/2021 | 06:43 Atualizado há 39 dias

Estudando para o concurso Funai? A Fundação Nacional do Índio protocolou, junto ao Ministério da Justiça e Segurança Pública – MJSP, pedido de autorização para realização de certame com provimento de 826 vagas em diversos cargos e níveis. O órgão possui déficit de servidores e, atualmente, trabalha com menos da metade do quadro efetivo de pessoal, apresentando cerca de 2.000 cargos vagos.

De acordo com a Fundação Nacional do Índio, a solicitação foi embasada em Informação Técnica elaborada por um grupo de trabalho da Diretoria de Administração e Gestão da Funai. Caso seja autorizado, o concurso tem previsão de acontecer no primeiro semestre de 2021. As vagas serão distribuídas entre as unidades descentralizadas, o Museu do Índio, as Frentes de Proteção Etnoambiental e a sede da FUNAI.

Caso o certame não seja autorizado para este ano, a Fundação informa que foram iniciadas tratativas no âmbito interno para um novo pedido de concurso público para 2022. Segundo o Órgão serão solicitadas 1.043 vagas para 2022.

Veja abaixo o menu com informações sobre o concurso FUNAI:

Outras notícias em destaque:

Concurso FUNAI: Situação Atual

  • 31 de maio de 2021 – Funai vai solicitar 1.043 vagas para 2022

Em resposta ao Gran, a assessoria de imprensa da Funai disse que ainda não obteve resposta do Ministério da Economia quanto à solicitação de concurso para este ano. Mas que para 2022 pretende solicitar a autorização para provimento de 1.043 vagas divididas entre diversos cargos de níveis superior e técnico. Quer saber quais cargos serão contemplados na próxima autorização? Clique aqui.

  • 08 de fevereiro de 2021 – Pedido de concurso recebido pelo ME

A equipe do Gran Cursos Online entrou em contato com a assessoria de imprensa da Funai e apurou que o pedido de concurso da fundação foi recepcionado pelo Ministério da Economia e aguarda aprovação do orçamento da União pelo Congresso Nacional para proceder à efetiva autorização. Veja a reposta na íntegra clicando aqui.

  • 18 de novembro de 2020 – Funai aguarda ME

O Gran Cursos Online entrou em contato com a assessoria de imprensa do órgão. Segundo a Ascom, a publicação só ocorrerá após autorização do Ministério da Economia, que em breve se manifestará sobre o próximo concurso. Vale ressaltar que o último concurso aconteceu em 2016 e ofertou 220 vagas, mas no presente momento a Funai conta com cerca de 2.000 cargos vagos.

  • 16 de novembro de 2020 – Concurso de remoção

A Funai publicou edital de remoção para que servidores sejam remanejados de unidade. O critério inicial de classificação consistirá da maior Pontuação, calculada pela soma do tempo, em dias corridos, de efetivo exercício no cargo efetivo atual na Funai (TC) e o tempo, em dias corridos, de efetivo exercício na Unidade de lotação atual do cargo efetivo atual (TL). O servidor removido deverá permanecer obrigatoriamente na nova unidade de lotação por, pelo menos, 2 (dois) anos, salvo disposições legais. Concursos de remoção geralmente precedem a realização de concurso. O Gran Cursos Online está em contato com o órgão para saber mais detalhes.

  • 24 de agosto de 2020 – Estudo para cotas

A Assessoria de Comunicação da FUNAI informou que estão sendo realizados estudos para regulamentar a reserva de cotas para indígenas em concursos públicos no âmbito da Fundação Nacional do Índio (Funai), considerando o disposto no Estatuto da Igualdade Racial, Lei n° 12.288, de 20 de julho de 2010, e o que foi decidido pelo Supremo Tribunal Federal na ADPF n° 186/2014, que reconheceu a constitucionalidade das ações afirmativas. O Gran Cursos Online foi informado (24/08), que o Ministério da Economia ainda não deu retorno sobre o pedido de realização de certame. Confira aqui!

  • 29 de maio de 2020 – Pedido de concurso público

A Funai protocolou junto ao Ministério da Justiça e Segurança Pública o pedido de autorização para realização de concurso público para provimento de cargos efetivos, que por sua vez protocolou junto ao Ministério da Economia, no dia 29 de maio de 2020.

As 826 vagas serão distribuídas conforme quadro abaixo:

Distribuição de vagas
Nível Cargo Quantidade
Superior administrador 23
Intermediário agente em indigenismo 502
Superior antropólogo 19
Superior arquiteto 2
Superior arquivista 5
Superior assistente social 40
Superior bibliotecário 6
Superior contador 16
Superior economista 3
Superior engenheiro 17
Superior engenheiro agrônomo 27
Superior engenheiro florestal 5
Superior estatístico 4
Superior geógrafo 3
Superior indigenista especializado 112
Superior médico veterinário 2
Superior pesquisador 11
Superior psicólogo 4
Superior sociólogo 12
Superior técnico em assuntos educacionais 2
Superior técnico em comunicação social 10
Superior zootecnista 1
Total 826

  • 29 de abril de 2020 – Concurso solicitado MJSP

O pedido do concurso FUNAI foi realizado no dia 29 de abril e seguiu pata análise do MJSP. A solicitação da Fundação Nacional do Índio visa o  provimento de 826 vagas em diversos cargos e níveis.

Nível Superior

  • Administrador,
  • Antropólogo,
  • Arquiteto,
  • Arquivista,
  • Assistente Social,
  • Bibliotecário,
  • Contador,
  • Economista,
  • Engenheiro,
  • Engenheiro Agrônomo,
  • Engenheiro Florestal,
  • Estatístico,
  • Geógrafo,
  • Indigenista Especializado,
  • Médico Veterinário,
  • Pesquisador,
  • Psicólogo,
  • Sociólogo,
  • Técnico em Assuntos Educacionais,
  • Técnico em Comunicação Social e
  • Zootecnista.

Nível Médio

  • Agente em Indigenismo.

A Fundação Nacional do Índio possui déficit de servidores e, atualmente, trabalha com menos da metade do quadro efetivo de pessoal, apresentando cerca de 2.000 cargos vagos. Caso o concurso FUNAI seja autorizado, o certame tem previsão de acontecer no primeiro semestre de 2021. As vagas serão distribuídas entre as unidades descentralizadas, o Museu do Índio, as Frentes de Proteção Etnoambiental e a sede da FUNAI.

Existe uma orientação do Ministério da Justiça e Segurança Pública para que todos os órgãos e entidades apresentem propostas visando o fortalecimento da capacidade institucional de cada um eles, entre elas, a solicitação de autorização, que deverá ser encaminhada ao Ministério da Economia, para a realização de concurso público.

Em relação a última solicitação do concurso FUNAI, a Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia informou que as atuais diretrizes do Poder Executivo Federal apontavam a impossibilidade de autorização de novos concursos públicos em face da situação fiscal do País, limitando a atuação da Administração em ações que acarretassem impactos orçamentários e financeiros de longo prazo, especialmente aquelas despesas relativas a custeio de pessoal.

Concurso FUNAI: Remuneração e Benefícios

A remuneração inicial para os futuros aprovados no Concurso FUNAI é de :

  • Nível Médio: R$5.349,07.
  • Nível Superior: R$6.420,87.
  • Nível superior (Médico Veterinário): R$ 6.135,87.

A título de benefícios, os aprovados no concurso Funai receberão:

  • Gratificação de Apoio à Execução da Política Indigenista (GAPIN):

R$ 777,50 para nível médio e R$ 818,78 para nível superior

  • Gratificação de Desempenho de Atividade Indigenista (GDAIN):

R$ 2.955,00 para nível médio e R$ 3.655,00 para nível superior.

  • Gratificação de Desempenho de Atividades Médicas (GDM):

R$ 3.097,00 para jornadas de 20 horas semanais e R$ 3.655,00 para jornadas de 40 horas semanais.

Concurso FUNAI: Cargos e vagas

A solicitação da Fundação Nacional do Índio visa o provimento de 826 vagas em diversos cargos e níveis. As vagas solicitadas para o próximo concurso Funai são para os cargos de:

Nível Superior

  • Administrador,
  • Antropólogo,
  • Arquiteto,
  • Arquivista,
  • Assistente Social,
  • Bibliotecário,
  • Contador,
  • Economista,
  • Engenheiro,
  • Engenheiro Agrônomo,
  • Engenheiro Florestal,
  • Estatístico,
  • Geógrafo,
  • Indigenista Especializado,
  • Médico Veterinário,
  • Pesquisador,
  • Psicólogo,
  • Sociólogo,
  • Técnico em Assuntos Educacionais,
  • Técnico em Comunicação Social e
  • Zootecnista.

Nível Médio

  • Agente em Indigenismo.

Concurso FUNAI: Atribuições e Requisitos

  • NÍVEL MÉDIO

CARGO: AGENTE EM INDIGENISMO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA: Atribuições voltadas ao planejamento, organização, execução, avaliação e apoio técnico e administrativo especializado a atividades inerentes ao indigenismo.

ATRIBUIÇÕES DO CARGO:

  • Atribuições voltadas ao planejamento, organização, execução, avaliação; apoio técnico e administrativo especializado a atividades inerentes ao indigenismo;
  • Execução de atividades de coleta, seleção e tratamento de dados e informações especializadas;
  • Orientação e controle de processos voltados à proteção e à defesa dos povos indígenas;
  • Acompanhamento e fiscalização das ações desenvolvidas em terras indígenas ou que afetem direta ou indiretamente os índios e suas comunidades, bem como atividades administrativas e logísticas, de nível intermediário, inerentes às competências institucionais e legais de seu órgão de lotação.

REQUISITOS DO CARGO: Nível médio completo ou equivalente em instituição reconhecida pelo MEC.

  • NÍVEL SUPERIOR

CARGO: INDIGENISTA ESPECIALIZADO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA: Atribuições voltadas às atividades especializadas de promoção e defesa dos direitos assegurados pela legislação brasileira às populações indígenas, a sua proteção e melhoria de sua qualidade de vida.

ATRIBUIÇÕES DO CARGO:

  • Atribuições voltadas às atividades especializadas de promoção e defesa dos direitos assegurados pela legislação brasileira às populações indígenas, a sua proteção e melhoria de sua qualidade de vida;
  • Realização de estudos voltados à demarcação, regularização fundiária e proteção de suas terras;
  • Regulação e gestão do acesso e do uso sustentável das terras indígenas;
  • Formulação, articulação, coordenação e implementação de políticas dirigidas aos índios e suas comunidades;
  • Planejamento, organização, execução e avaliação de atividades inerentes à proteção territorial, ambiental, cultural e dos direitos indígenas;
  • Acompanhamento e fiscalização das ações desenvolvidas em terras indígenas ou que afetem direta ou indiretamente os índios e suas comunidades; estudos e pesquisas; bem como atividades administrativas e logísticas, de nível superior, inerentes às competências institucionais de seu órgão ou entidade de lotação.

REQUISITOS DO CARGO: Formação superior em qualquer área de formação em instituição reconhecida pelo MEC.

Concurso Funai: Sobre a Funai

A Fundação Nacional do Índio (Funai) é o órgão indigenista oficial do Estado brasileiro. Vinculada ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, é a coordenadora e principal executora da política indigenista do Governo Federal. Sua missão institucional é proteger e promover os direitos dos povos indígenas no Brasil.

Cabe à Funai promover estudos de identificação e delimitação, demarcação, regularização fundiária e registro das terras tradicionalmente ocupadas pelos povos indígenas, além de monitorar e fiscalizar as terras indígenas. A Funai também coordena e implementa as políticas de proteção aos povos isolados e recém-contatados.

É, ainda, seu papel promover políticas voltadas ao desenvolvimento sustentável das populações indígenas. Nesse campo, a Funai promove ações de etnodesenvolvimento, conservação e a recuperação do meio ambiente nas terras indígenas, além de atuar no controle e mitigação de possíveis impactos ambientais decorrentes de interferências externas às terras indígenas.

Compete também ao órgão a estabelecer a articulação interinstitucional voltada à garantia do acesso diferenciado aos direitos sociais e de cidadania aos povos indígenas, por meio do monitoramento das políticas voltadas à seguridade social e educação escolar indígena, bem como promover o fomento e apoio aos processos educativos comunitários tradicionais e de participação e controle social.

Último Concurso FUNAI

Na última seleção do concurso Funai foram oferecidas 220 vagas para o quadro de pessoal, sendo 12 reservadas para candidatos com deficiência e 44 para negros. O certame teve 32.256 inscrições.

De acordo com o Edital FUNAI as oportunidades foram para os seguintes cargos:

  • Contador  – 06 vagas;
  • Engenheiro Agrônomo  – 05 vagas;
  • Engenheiro na área de Agrimensura – 04 vagas;
  • Engenheiro Civil – 03 vagas; e
  • Indigenista Especializado – 202 vagas.

O salário inicial para as funções de engenheiro foi de R$ 6.330,31. Para os outros cargos o valor foi de R$ 5.345,02.

Os candidatos foram avaliados por meio de prova composta por questões de múltipla escolha nas áreas de conhecimentos, comum para todos os cargos, e conhecimentos específicos.

Provas Disciplinas nº de questões Peso Total de pontos Mínimo de pontos por prova Mínimo de pontos no conjunto das provas
Conhecimentos gerais (comum a todos os cargos) D1 – Língua Portuguesa 20 2 40 45 102
D2 – Raciocínio Lógico e Quantitativo 10 1 10
D3 – Direito Constitucional e Administrativo 10 1 10
D4 – Legislação Indigenista 10 1 10
D5 – Informática Básica 10 1 10
D6 – Administração Pública 10 1 10
Total – Prova 1 70 90
Conhecimentos específicos
D7 – Contabilidade 40 2 80 40
D7 – Engenharia de Agrimensura 40 2 80
D7 – Agronomia 40 2 80
D7 – Engenharia Civil 40 2 80
D7 – Indigenismo 40 2 80
Total – Prova 2 40 2 80

Para ser considerado aprovado no certame foi necessário obter, no mínimo, 50% da pontuação em cada uma das áreas, e 60% no total dos pontos.

Concurso FUNAI: Nomeações

Em 2017, a Fundação Nacional do Índio recebeu autorização do ainda então Ministério do Planejamento, atualmente, chamado de Ministério da Economia, para nomear 213 candidatos aprovados no concurso FUNAI realizado em 2016. A informação foi publicada no Diário Oficial da União do dia 13 e novembro de 2017. Segundo a portaria nº 365, a FUNAI pode contratar 02 engenheiros agrônomos, 03 engenheiros civis ou de agrimensura, 06 contadores e 202 indigenistas especializados.

Confira aqui o documento na íntegra.

Concurso FUNAI: Materiais gratuitos

Confira as videoaulas gratuitas do Gran Cursos Online e prepare-se para o concurso FUNAI:

Concurso FUNAI: Motivos para fazer o concurso

A Fundação Nacional do Índio visa a realização do concurso FUNAI com provimento de 826 vagas em diversos cargos e níveis. O órgão possui déficit de servidores e, atualmente, trabalha com menos da metade do quadro efetivo de pessoal, apresentando cerca de 2.000 cargos vagos. Ou seja, são muitas oportunidade para níveis médio e superior. E as remunerações são:

  • Nível Médio – R$5.349,07.
  • Nível Superior – R$6.420,87.

Concurso FUNAI: Depoimentos de aprovados

Conheça a história de Alessandro Moletta de Freitas. Ele foi aprovado no concurso da Funai para o cargo de Indigenista:

Veja também como foi a preparação da aprovada Tatiana Silva Hiramatsu. Ela conquistou a vaga de Indigenista Especializado, CLIQUE AQUI.

Resumo do Concurso FUNAI

Concurso Funai Fundação Nacional do Índio
Banca organizadora A definir
Cargos Diversos
Escolaridade Níveis Médio e Superior
Carreiras Diversas
Lotação Nacional
Número de vagas 826 vagas (previstas)
Remuneração de R$ 5.349,07 a R$ 06.430,87
Situação Solicitado
Link do edital FUNAI Clique AQUI para fazer o download do último edital FUNAI

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
2

4

Comentários (4)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *