Após 4 anos de luta, Glauber conseguiu aprovação na PC SP

Glauber de Andrade passou por adversidades até ser aprovado na PC SP. Seu objetivo é a PRF

“Nunca desista. Vai valer a pena”. Quantas vezes você já ouviu essa frase de quem foi aprovado? Provavelmente, várias vezes. Mas a história de Glauber de Andrade mostra que não é apenas um jargão ou uma frase pronta. Pelo contrário. Foram anos de luta para conquistar sua primeira aprovação na PC SP. O que lhe resta agora é continuar os estudos para o tão almejado cargo: a PRF.

Natural de Jeremoabo, interior da Bahia, Glauber começou a trabalhar aos 12 anos de idade, como gandula de tênis. Depois, aos 13, ajudou o pai em um carrinho de praia. A escola nunca foi uma prioridade. “Minha meta era apenas me formar. Estudei à noite da oitava até o terceiro ano”, conta.

Mas foi aos 22 anos que as coisas mudaram. “Trabalhava com comércio exterior. Sempre ia à Receita Federal e achava o trabalho dos auditores e analista o máximo! A partir dali, comecei a ter vontade de ser servidor público. E ao pesquisar mais a fundo, conheci a Polícia Federal e Rodoviária Federal. Identifique-me imediatamente”, explica.

Em 2014, fez o seu primeiro concurso. “Devo ter saído da prova devendo a CESPE”, brinca. Ali, ele percebeu que é necessário dedicação e esforço para ser aprovado. “A partir de 2015 eu melhorei minha rotina, comecei a fazer diversas questões, revisar o conteúdo. Mas ainda assim, voltei a ser reprovado no Concurso da Polícia Civil de SC. Foi decepcionante. Já estava estudando há três anos e nada”.

Glauber não desistiu. Apesar do duro golpe, algo comum para os concurseiros mais calejados, seguiu adiante. “A reprovação me fez pagar o preço de verdade. Fui melhorando as notas com os simulados. Fazia 200 questões por dia”. Mas o passo mais arriscado ainda estava por vir: deixar o emprego. “Quando saiu o edital da PC SP, pedi demissão. Estava confiante nas minhas condições de ser aprovado. Não queria esperar mais quatro anos para ter outra oportunidade. E consegui”, comemora.

Glauber conta que o Gran Cursos Online foi essencial em sua aprovação. “O Gran foi imprescindível, com conteúdo de qualidade e pelos ótimos simulados disponibilizados. Sou grato. Como já estudava para a área policial, só precisei acrescentar criminologia ao cronograma, acompanhando as vídeo-aulas dos professores dessa matéria. Com a aprovação, senti um alívio. Parecia que um contêiner estava saindo das minhas costas”, conta.

Por isso, a mensagem do início do texto, apesar de clichê, mostra que, definitivamente, vale a pena. “Abri mão do emprego, de muitos momentos de lazer. Fiquei feliz e confiante. Mas você precisa pagar o preço”, finaliza.

Estudando para concursos públicos? Conheça nossa assinatura limitada.

Quer ler mais histórias inspiradoras?

Clique aqui e veja a lista completa de alunos que chegaram lá!

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
Comece a estudar no Gran Cursos

Notícias Relacionadas

Thiago Alecrim
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
Comece a estudar no Gran Cursos
Para o Topo