Nordeste

Edital TRT RN contará com até 700 aprovados! Saiba TUDO aqui!

Edital TRT RN é publicado e paga inicial de até R$ 12 mil.

Edital TRT RN é publicado e paga inicial de até R$ 12 mil.

O Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte (Edital TRT RN, da 21ª região) lançou o edital do aguardado concurso público para provimento de cargos de Analista Judiciário (nível superior), Técnico Judiciário (nível médio) e formação de cadastro de reserva.

São oferecidas 3 vagas imediatas, porém o número de convocados durante a validade do certame, de dois anos, podendo dobrar, é de até 700 aprovados (veja abaixo o quadro de classificados). E isso deve se confirmar, pois, conforme o  portal da transparência do TRT 21, o quadro de servidores apresenta um déficit de 8 analistas e 4 técnicos. O órgão tem atualmente 674 cargos na capital e no interior do estado, o que torna o edital TRT RN mais cobiçado ainda.

A previsão é de que, até o final de 2018, com a aposentadoria de muitos servidores, 121 desses cargos estejam vagos, sendo que 68 são programadas para até o fim deste semestre.

É uma excelente chance para candidatos com nível médio e superior em direito, pois os inicias são de R$ 7 ou R$ 12 mil, valores atualizados e que valerão a partir do primeiro semestre do ano que vem, quando está previsto o ingresso dos novos servidores. 

Nomeações do último edital TRT RN

Quadro de nomeado do edital TRT RN de 2010.

Quadro de nomeado do edital TRT RN de 2010.

Inscrição edital TRT RN

As inscrições devem ser realizadas até 14 horas do dia 11 de outubro de 2017, pelo site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora. As taxãs estão fixadas no valor de R$ 80 para técnico e R$ 120 para analista.

Etapas do edital TRT RN

As Provas Objetivas e de Redação serão realizadas na cidade de Natal RN, com previsão de aplicação para o dia 10/12/2017, período matutino, para todos os cargos/áreas.

Para todos os Cargos/Áreas, as Provas Objetivas de Conhecimentos Básicos e de Conhecimentos Específicos constarão de questões objetivas de múltipla escolha (com cinco alternativas cada questão).

Detalhes das provas do edital TRT RN.

Detalhes das provas do edital TRT RN.

Classificados no edital TRT RN

Somente serão corrigidas as Provas Discursivas – Redação dos candidatos habilitados e mais bem classificados nas Provas Objetivas de Conhecimentos Básicos e Conhecimentos Específicos, na forma do Capítulo 9 deste Edital, no limite estabelecido no quadro abaixo mais os empates na última posição de classificação e todos os candidatos com deficiência inscritos de acordo com o Capítulo 5 e habilitados em conformidade com o Capítulo 9, deste Edital.

Exigência para classificação na prova do edital TRT RN.

Exigência para classificação na prova do edital TRT RN.

Análise do edital TRT RN e dicas de estudo

No vídeo abaixo, o professor Aragonê Fernandes explica detalhes sobre o edital TRT RN e fornece dicas de estudo. O concurso terá 3 vagas imediatas e cadastro reserva, mas não pense que são poucas, “hoje em dia, nos tribunais, tem se o entendimento de que o candidato aprovado dentro do número de vagas ofertadas tem o direito subjetivo de convocação. Então, todas as bancas tem colocado um número de vagas pequeno e as expectativas do candidato devem ser depositadas no cadastro reserva”, diz Aragonê.

No último edital TRT RN, 399 candidatos foram nomeados, num contexto de 53 vagas abertas.

Veja abaixo o vídeo e se prepare!

Edital TRT RN: História do órgão

A história do Direito do Trabalho no Rio Grande do Norte, que começou com a criação da 1ª JCJ de Natal, em 12.12.1940, pelo Decreto 6.596, se divide em dois ciclos: Antes e depois da instalação do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região. 

No princípio tudo estava sob a jurisdição de Pernambuco. A partir de 1983, com a instalação da 13ª Região, todos os procedimentos da Justiça do Trabalho no Rio Grande do Norte ficaram atrelados ao TRT da Paraíba.

Após a promulgação da Constituição de 1988, que tornou obrigatória a instalação de pelo menos um Tribunal Regional do Trabalho em cada Estado da Federação, iniciou-se um penoso caminho até a instalação e o funcionamento do nosso TRT.

Três anos depois, a 21 de junho de 1991, o Congresso Nacional aprovou projeto-de-lei criando o Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte.

Um ano depois, no dia 16 de junho de 1992, instalou-se, definitivamente, o TRT RN, da 21ª Região, sob a presidência do Juiz José Vasconcelos da Rocha, e composto pelos juízes togados Raimundo Oliveira, Othongaldi Rocha, Francisco das Chagas Pereira, Waldeci Gomes Confessor e Maria do Perpétuo Socorro Wanderley de Castro e os juízes classistas Sérgio de Miranda Monte e Reginaldo Teófilo da Silva.

A instalação do TRT RN imprimiu um novo ritmo à Justiça Trabalhista no Rio Grande do Norte como um todo. Acelerou-se o andamento dos processos e as questões trabalhistas passaram a ser resolvidas muito mais rapidamente.

Passada a fase inicial, viveu o Tribunal do Trabalho do Rio Grande do Norte a fase de expansão, com a instalação de duas novas Juntas de Conciliação e Julgamento na capital, Natal, a 4ª e a 5ª JCJ ,e mais sete nas principais cidades do interior: Mossoró (a segunda), Caicó, Nova Cruz, Assu, Currais Novos, Ceará-Mirim e Pau dos Ferros, acrescentando as já existentes em Mossoró, Macau e Goianinha. Inicia-se, também, a construção da sede própria do TRT, no bairro de Lagoa Nova. Leia mais aqui.

Detalhes edital TRT RN:

  • Concurso: Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte (edital TRT RN)
  • Banca organizadora: FCC
  • Cargo: Técnico; Analista
  • Escolaridade: Nível médio e superior
  • Número de vagas: 3 + CR
  • Remuneração: Até R$ 12 mil
  • Inscrições: Entre 25 de setembro e 11 de outubro de 2017
  • Taxa: R$ 80 ou R$ 120
  • Data da prova: 10 de dezembro de 2017

Gostou dessa oportunidade? Prepare-se com quem tem tradição de aprovação e 27 anos de experiência em concursos públicos. Cursos online com início imediato, visualizações ilimitadas e parcelamento em até 12x sem juros

Matricule-se!

Para o Topo