Auditor de Controle Externo: conheça mais sobre a carreira!

Atuando em Tribunais de Contas de todo país, o Auditor de Controle Externo é um cargo essencial para a manutenção da democracia e bem-estar da população. Acompanhe o artigo e conheça mais sobre essa carreira!

Avatar


27/04/2021 | 18:32 Atualizado há 473 dias

Você sabe o que faz um Auditor de Controle Externo? Esses servidores públicos são essenciais para a manutenção das estruturas democráticas do país e bem-estar da população.

Estão entre suas áreas de atuação:

  • Fiscalização e inspeções de recursos públicos;
  • Avaliação da eficiência de políticas públicas;
  • Prevenção e combate à corrupção.

No dia 27 de abril, os Auditores de Controle Externo são celebrados por sua importância cada vez maior, principalmente em tempos de crises econômicas e incertezas. Acompanhe o artigo para conhecer um pouco mais sobre a carreira, confira uma entrevista exclusiva com o professor Egbert Buarque aqui do Gran, a importância do dia 27 de abril para a profissão o e como se tornar também um servidor público que atua na área de auditoria do Tribunal de Contas!

Auditor de Controle Externo: como é a carreira?

O Auditor de Controle Externo trabalha em um dos Tribunais de Contas do país e atua por meio da realização de investigações técnicas de aplicação de capital, recursos e políticas públicas promovidas por órgãos públicos. Juntamente com ele, também atuam os Procuradores de Contas e por fim, os Conselheiros e Ministros.

Apesar de variar em diferentes Estados, a  jornada de trabalho do Auditor de Controle Externo é geralmente de 30 horas semanais, podendo ser estendida para 40 horas semanais (mediante a concordância do servidor e aumento proporcional de salário).

A remuneração inicial é condizente com a importância desse cargo, ficando em torno dos 16 mil reais e sendo acrescida de uma série de benefícios, como:

  • Auxílio-alimentação: que pode ficar em torno dos R$1310,00;
  • Auxílio-natalidade;
  • Incremento na remuneração de 1% a cada ano de efetivo exercício;
  • Auxílio-transporte;
  • Auxílio pré-escolar;
  • Licença-servidor: com duração de 3 meses após cada quinquênio de efetivo exercício.

Conforme progride na carreira de Auditor de Controle Externo, o servidor poderá ser indicado para  Conselheiro do Tribunal de Contas. 

Auditor de Controle Externo: entrevista

Conversamos com o professor do Gran e Auditor Federal de Controle Externo do TCU, Egbert Buarque para descobrir um pouco mais sobre a carreira. Confira as principais perguntas e respostas:

O que faz um Auditor de Controle Externo?

O auditor de controle externo trabalha nos tribunais de contas, assessorando os membros dessas Cortes (conselheiros e ministros) nas diversas esferas de governo. Suas atividades incluem a instrução de processos e a realização de fiscalizações.

Qual o perfil ideal para atuar como Auditor de Controle Externo?

O perfil ideal para um auditor é o de uma pessoa comprometida com a boa aplicação dos recursos públicos, que tenha aptidão para analisar minuciosamente extensas documentações e relatórios. Tenha sólidos conhecimentos de direito administrativo, administração pública, contabilidade e orçamento público. Habilidade interpessoal para trabalhar em equipes.

Por que escolher a carreira de Auditor de Controle Externo?

O trabalho dos tribunais de Contas e, consequentemente, dos Auditores de controle externo, contribui para o aprimoramento das políticas públicas e, em última análise, para a melhoria dos serviços públicos disponibilizados à população. Além disso, representam carreira de destaque na administração pública, com excelente remuneração.

Qual a importância da carreira de Auditor de Controle Externo para a sociedade?

O trabalho do auditor contribui para o fortalecimento da democracia, na medida em que estimula e facilita o controle social, seja por meio de apoio ao Poder Legislativo, na sua função fiscalizatória, seja por fomentar o controle direto pela sociedade.

Pode nos contar um pouco da sua trajetória no cargo e situações que te marcaram e/ou são curiosas?

Uma das várias situações que me marcaram, durante esses 12 anos de exercício do cargo de auditor federal de controle externo no TCU, foi poder participar de audiências em comissões do Congresso Nacional e, por meio da apresentação de resultados dos Trabalhos do TCU, poder contribuir para o aperfeiçoamento de marcos legislativos de setores como o da segurança pública.

Conheça um pouco mais sobre o entrevistado

Auditor Federal de Controle Externo do TCU, desde 2008. Também foi Analista de Finanças e Controle da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), entre 2005 e 2008. Atua nas disciplinas de Contabilidade Geral, Avançada, Análise das Demonstrações Contábeis e Contabilidade de Custos, além de Direito Financeiro é Responsabilidade Fiscal aqui do Gran Cursos Online. Possui cursos de extensão em Contabilidade Pública pela ESAF.

Egbert Buarque: Auditor Federal de Controle Externo do TCU e professor do Gran 

Egbert Buarque: Auditor Federal de Controle Externo do TCU e professor do Gran

 

Auditor de Controle Externo: por que se comemora no dia 27 de abril?

A data de comemoração do cargo de Auditor de Controle Externo foi estabelecida pelos próprios servidores e busca homenagear o ato de extrema moralidade e compromisso com a administração pública de Serzedello Corrêa, um antigo membro do poder executivo, quem em 1893 preferiu a demissão à acatar as resoluções inconstitucionais de nomeação e mudança de legislação impostas pelo então presidente Floriano Peixoto.

Na redação de sua carta, Serzedello Corrêa afirma:

Esses decretos anulam o Tribunal, o reduzem a simples Ministério da Fazenda, tiram-lhe toda a independência e autonomia, deturpam os fins da instituição, e permitirão ao Governo a prática de todos os abusos e vós o sabeis – é preciso antes de tudo legislar para o futuro. Se a função do Tribunal no espírito da Constituição é apenas a de liquidar as contas e verificar a sua legalidade depois de feitas, o que eu contesto, eu vos declaro que esse Tribunal é mais um meio de aumentar o funcionalismo, de avolumar a despesa, sem vantagens para a moralidade da administração.” 

Legislar para o futuro e prezar pelo bem da população são algumas das atribuições exercidas pelo Auditor de Controle Externo. Assim, espera-se que todos esses servidores ajudem na construção de um Brasil melhor e mais justo, desde 1893 até os dias de hoje.

Auditor de Controle Externo: como se tornar um?

O ingresso para o cargo acontece por meio de concurso público, conhecido por ser muito querido e disputado pelos concurseiros, especialmente considerando que para ser Auditor de Controle Externo você apenas precisa ter um diploma reconhecido pelo MEC de ensino superior, em qualquer área. 

No passado, os concursos para Auditor de Controle Externo foram organizados pela banca Cebraspe/CESPE, que é conhecida pelo seu elevado nível de cobrança e complexidade. Se você quer conquistar uma vaga neste cargo público, a recomendação é começar a estudar antes mesmo da publicação do edital, afim de dominar todos os assuntos mais cobrados! 

Assim, estude por questões comentadas, resolva provas passadas, muitos simulados e conheça bem a banca avaliadora Cebraspe/CESPE para garantir a sua vaga assim que o edital para seu Tribunal de Contas de escolha for publicado.

Confira abaixo a relação de algumas matérias que você precisa dominar para se sair bem no concurso de Auditor de Controle Externo, baseado em editais anteriores:

  • Conhecimentos gerais: Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Matemática Financeira, Estatística, Raciocínio Analítico, Controle Externo, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Civil e Processual Civil, Direito Penal, Auditoria Governamental, e Análise de Informações.

Se a lista de conhecimentos gerais te deixou temeroso para o que você ia encontrar na lista de conhecimentos específicos, a boa notícia é que é um conteúdo programático relativamente sucinto, que compreende:

  • Conhecimentos específicos: Administração Geral e Pública, Noções de Economia do Setor Público e da Regulação, Contabilidade Geral e Avançada, Análise das Demonstrações Contábeis, Contabilidade de Custos, Contabilidade Pública, Administração Financeira e Orçamentária

Para te ajudar a se preparar e conquistar o seu cargo na área de Auditoria do Tribunal de Contas, o Gran Cursos Online oferece uma série de recursos gratuitos, além da plataforma de resolução de questões Gran Cursos Questões! Nela você cria sua própria rotina de questões, avalia seu desempenho em cada disciplina e fica ainda mais perto do sonho de se tornar Auditor de Controle Externo! Além disso, o cadastro é gratuito!

Faça seu cadastro gratuito na plataforma Gran Cursos Questões 

 

Concursos para área de Controle Externo: Oportunidades em 2021

Se você quer saber mais sobre as oportunidades para concursos públicos na área de Auditoria e Tribunal de Contas em 2021, acesse o link abaixo e saiba mais!

Saiba mais sobre as oportunidades para Auditor de Controle Externo

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
1

0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.