Como fazer um bom planejamento de estudos?

Olá, meu caro leitor e aluno do Gran!

Hoje vamos conversar um pouco sobre como fazer um bom planejamento quando você decide estudar. Lembrando que essa decisão não é uma tarefa muito fácil, já que exige muita abdicação, determinação e comprometimento.

Nesse sentido, fazer um bom planejamento antes de sair por aí estudando de qualquer jeito auxilia muito na busca da tão sonhada vaga no concurso público. Dessa forma, tenha em mente que uma organização, por mínima que seja, já fará você pular algumas etapas, eliminando a perda de tempo. E sabemos que o tempo não é muito o nosso aliado nessas horas.

Por isso, nosso bate-papo será destinado a como se planejar efetivamente na sua preparação durante o processo de estudo, levando em consideração o momento em que você se insere, seja no pré-edital, seja no pós-edital.

PRELIMINAR

Inicialmente, para um bom planejamento, faz-se necessário o principal, ter objetivos predefinidos. Aonde você deseja chegar? Qual é o seu objetivo-fim? Claro que você deve estar se perguntando: mas não são tão óbvias as respostas dessas perguntas? E respondo: depende. Muitos daqueles que começam a estudar nem sabem direito para o que, para qual área ou para qual concurso estão estudando.

Nesse ínterim, percebem-se muitos estudantes sem foco. Isso se dá por falta de um objetivo concreto, que pode ser fundamentado por um sonho, por uma afinidade ou por apenas querer ser um servidor público. Mas alerto! Você precisa definir qual é o seu objetivo, pois ajudará muito na sua preparação.

Superada a problemática abordada nos parágrafos anteriores, abaixo listarei algumas perguntas que são de fundamental importância e que você tem que ter em mente para fazer um bom planejamento.

  1. Para qual área?
  2. Com qual material?
  3. Com qual método?

 

É muito importante a escolha da sua área de atuação, pois ela que decidirá o caminho dos seus estudos. Digo isso, porque cada área tem a sua maneira de abordagem, se é mais técnico, mais doutrina, mais “lei seca” etc. Com isso, podemos citar algumas áreas de concurso, como a fiscal, a judiciária e a policial.

Definida a sua área de atuação, faz-se a escolha do material mais adequado, que irá te auxiliar na busca do seu objetivo. Vale mencionar que um bom material é aquele que tem procedência, bons professores e boa aceitação no cenário educacional.

Por último, e não menos importante, é a escolha de qual metodologia de estudos se encaixa melhor na sua preparação: se será por aulas presenciais ou videoaulas, por PDFs ou resumos, por impressos, manuscritos ou digital etc.

 

O PLANEJAMENTO

Frisa-se que não existe uma fórmula pronta para que você alcance seu objetivo, por isso que o planejamento tem que ser feito com a realidade de cada indivíduo.

Nessa linha, como toda ciência, o planejamento também possui uma infinidade de conceitos. Vejamos alguns deles:

Segundo Marques (1998), Comunicação Empresarial, [S.l.: s.n.], planejamento é uma ferramenta administrativa que possibilita perceber a realidade, avaliar os caminhos, construir um referencial futuro, o trâmite adequado e reavaliar todo o processo a que o acoplamento se destina.

Conforme Moreira, Perrotti e Duner (2003, p. 328), planejamento corresponde ao “ato ou efeito de planejar, elaborar por etapas, como bases técnicas; planificações.”

E, para Correa (2002, p. 98), o planejamento é um “processo administrativo e sistemático para atingir um objetivo proposto.”

Portanto, o planejamento é o lado racional da ação. Trata-se de um processo de deliberação abstrato e explícito que escolhe e organiza ações, antecipando os resultados esperados. Dessa forma, você, concurseiro, deve se ater às seguintes etapas para conseguir um planejamento de estudos de sucesso.

 

Cenário atual

Analisar o cenário em que se encontra é de grande valia, pois o planejamento passa pela análise dos cenários externos e internos. É preciso observar todas as variáveis a favor e contra a realização dos objetivos, mapeando os pontos fortes e, principalmente, os pontos fracos.

 

Definição de objetivos

Utilizando as informações conseguidas na análise do cenário, os objetivos deverão ser quantificáveis ou constatáveis. Para isso, você tem que saber aonde quer chegar. E nada melhor do que você se planejar com metas a curto, médio e longo prazo.

 

Definição de estratégias

Nesse caso, levando em consideração os dois pontos anteriores, para ter um bom plano, é preciso definir algumas estratégias; por isso, faz-se necessária a observância de alguns pontos principais, como:

  • a percepção da realidade, definindo qual será o local, o horário, o cronograma e o método de estudo;
  • a avaliação dos caminhos, visualizando o que mais está se adequando para o bom aprendizado e a absorção da matéria;
  • a construção de um referencial futuro, se suas metas de curto, médio e longo prazo são alcançadas. Aqui, caro aluno, você pode estipulá-las de acordo com seus desejos e anseios, fazendo anotações das suas horas líquidas estudadas, avaliando as porcentagens de erros e acertos das questões resolvidas e realizando simulados e provas de concursos. Com esse feedback, você saberá se está dando certo ou não o seu planejamento, se é o trâmite adequado; e
  • a reavaliação de todo o processo (feedback), com base nas suas avaliações pessoais e com os números apresentados. Você conseguirá analisar se seu planejamento está caminhando para o sucesso, se ele precisa de alguns ajustes ou, até mesmo, se precisará refazê-lo, adequando para a sua nova realidade.

 

Outrossim, fica mais que evidenciado que um estudo de qualidade, efetivo, tem que ser estruturado, organizado e, principalmente, bem planejado. Encare isso como, por exemplo, um funcionamento de uma empresa. Todas as áreas de atuação dela têm que estar de acordo com o objetivo central. Com um bom planejamento, o sucesso chegará com mais tranquilidade, permitindo que você parta da situação atual e alcance a situação desejada.

Então, caro aluno, espero que este artigo tenha conseguido alcançar seus objetivos, de proporcionar um entendimento acerca do tema, de auxiliar na elaboração do seu planejamento de sucesso e, consequentemente, de fomentar a colocação em prática dele. Planejar é importante, mas é agindo que realizamos nossos sonhos!

 

Um grande abraço e força em busca de suas vitórias!

Estamos juntos nessa caminhada.

Israel Suhet

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
Comece a estudar no Gran Cursos
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
Comece a estudar no Gran Cursos
Para o Topo