Carreiras

Concurso DPU – Defensor Federal 2017: Último dia para se inscrever!

concurso DPU

Defensoria Pública da União (Concurso DPU) realiza concurso público para Defensores Públicos Federais! Inicial de R$ 22 mil!

Concurso DPU paga inicial de R$ 22 mil!

A Defensoria Pública da União (Concurso DPU) encerra nesta terça-feira (25) o prazo para inscrições dos interessados em seu concurso público para a carreira de de Defensor Público Federal de Segunda Categoria, com subsídio inicial de R$ 22.197,67, além de R$ 799,00 a título de auxílio-alimentação e de R$ 215,00 de reembolso de plano de saúde.

A organização é do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e as inscrições devem ser feitas até 18h, pelo endereço eletrônico do organizador (www.cespe.unb.br/concursos/dpu_17_defensor). A taxa é de R$ 200, devendo ser paga até o dia 16 de agosto.

O órgão divulgou no Diário Oficial da União uma retificação ao edital de abertura. Segundo a publicação, ficam alteradas as data das provas dissertativas para os dias 19 e 20 de novembro, além da republicação de todo o conteúdo programático do edital (veja aqui o que muda).

Aumento programado para os aprovados no concurso DPU 2017

Além do ótima subsídio inicial, foi sancionado pelo governo federal reajuste no subsídio inicial do defensor público-geral federal, o que impactará também as demais categorias que compõem a carreira de defensor público federal — defensor de 2ª categoria (início de carreira), de 1ª categoria (intermediário) e especial (final) — que têm faixas salariais com diferenças de 5% entre elas.

Nesse sentido, o maior índice de reajuste (67,03%) foi aplicado à remuneração da categoria segunda de defensor público, aumentando o respectivo subsídio de R$ 17.330,33 para R$ 24.298,40 a partir de 2018. Ou seja, caso aprovado, você já integre a carreira com novo valor.

Dicas de estudo e análise do concurso DPU – Defensor

Requisito concurso DPU – Defensor Federal e subsídio

Para concorrer no concurso DPU, é preciso formação em Direito, além de três anos de atividade forense comprovada. As provas objetiva e dissertativa versarão sobre várias disciplinas no âmbito do Direito (veja abaixo), e serão realizadas em todas as capitais.

Etapas concurso DPU – Defensor Federal

  1. Primeira fase: prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade do Cebraspe;
  2. Segunda fase: provas dissertativas escritas, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade da DPU, com apoio logístico do Cebraspe;
  3. Terceira fase: provas orais, de caráter eliminatório e classificatório, de responsabilidade da DPU, com apoio logístico do Cebraspe;
  4. Quarta fase: avaliação de títulos, de caráter classificatório, de responsabilidade da DPU, com apoio logístico do Cebraspe;
  5. Quinta fase: sindicância de vida pregressa e apuração dos demais requisitos pessoais, de caráter eliminatório, de responsabilidade  da DPU, com apoio logístico do Cebraspe.

A prova objetiva do concurso DPU terá a duração de 5 horas e será aplicada na data provável de 24 de setembro de 2017, no turno da tarde. A prova dissertativa escrita será aplicada nos dias 18 e 19 de novembro, de acordo com o grupo de questões e horários definidos em edital.

Matérias do concurso DPU

A parte objetiva contou com 200 questões, distribuídas por quatro grupos, com 50 questões cada.

  1. Grupo I: Direito Civil, Direito Empresarial, Direito do Consumidor, Direito Ambiental, Direito Processual Civil e Direito Tributário.
  2. Grupo II: Direito Penal e Criminologia, Direito Processual Penal, Direito Penal Militar, Direito Processual Penal Militar e Direito Eleitoral.
  3. Grupo III: Direito Administrativo, Direito do Trabalho, Direito Processual do Trabalho, Direito Previdenciário e da Assistência Social e Princípios Institucionais da Defensoria Pública.
  4. Grupo IV:  Direito Constitucional, Direito Internacional, Direitos Humanos, Filosofia do Direito, Noções de Sociologia Jurídica e Noções de Ciência Política.
Quadro de provas do concurso DPU

Quadro de provas do concurso DPU

No concurso DPU, tudo deverá ser comprovado

Ainda de acordo com a Resolução 135/2017 do CSDPU, a condição de indígena do candidato que assim se autodeclare deverá ser confirmada mediante apresentação de, pelo menos, um dos seguintes documentos: “declaração de sua respectiva comunidade sobre sua condição de pertencimento étnico, assinada por, pelo menos, duas lideranças reconhecidas; documento emitido pela Fundação Nacional do Índio (Funai) que ateste sua condição”.

Os candidatos do concurso DPU que se autodeclarem negros “serão entrevistados presencialmente por comissão especial para avaliação das declarações de pertencimento à população negra, constituída por três pessoas de notório saber na área, engajamento na atuação de igualdade racial e representatividade de gênero, raça e idade, indicadas pela instituição organizadora do concurso e aprovados pelo Conselho Superior da Defensoria Pública da União”.

A validade do certame será de dois anos, podendo dobrar.

Último concurso DPU – Defensor Federal

O último concurso DPU de defensores foi realizado no fim do ano de 2014 e, organizado pelo Cespe/Unb, teve sua vigência encerrada no mês de agosto deste ano. Foram oferecidas 58 vagas iniciais, mais formação de cadastro, com remuneração inicial de R$ 16.489,37.

Conforme informações que foram divulgadas pela DPU durante a realização da seleção passada, o órgão pretende reforçar os quadros de pessoal das 65 unidades, inclusive as do Rio de Janeiro, onde atua na capital e em Niterói, São João de Meriti e Volta Redonda.


Detalhes concurso DPU – Defensor Federal:

  • Concurso: Defensoria Pública da União (Concurso DPU)
  • Banca organizadora: Cebraspe
  • Cargos: Defensor Público Federal de 2° Categoria
  • Escolaridade: Nível superior em direito
  • Número de vagas: 25
  • Remuneração: R$ 22.197,67
  • Inscrições: Entre 30 de junho e 25 de julho de 2017
  • Taxa de inscrição: R$ 200
  • Data da prova objetiva: 24 de setembro de 2017
Edital

Gostou dessa oportunidade? Prepare-se com quem tem tradição de aprovação e 26 anos de experiência em concursos públicos. Cursos online com início imediato, visualizações ilimitadas e parcelamento em até 12x sem juros

Matricule-se!

Para o Topo