Concurso PGDF: Cebraspe é a banca! Edital ainda em 2019!

Concurso PGDF ofertará 100 oportunidades para os cargos de Técnico e Analista Jurídico!

Vem ai mais um concurso para Brasília! O concurso da Procuradoria-Geral do Distrito Federal (Concurso PGDF) deve ter seu edital publicado ainda em 2019. Isso por que no último dia 29 de outubro foi publicado no Diário Oficial do DF o extrato do contrato com a banca organizadora.

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos – Cebraspe será o responsável por organizar e planejar o certame. A escolha da banca foi definida em setembro, mas a assinatura do contrato reforça a expectativa de que a publicação do edital está próxima!

O certam eirá ofertar 100 vagas para provimento imediato mais formação e cadastro de reserva, para os níveis médio e superior.

Saiba mais detalhes do certame, navegando pelo índice abaixo:

Concurso PGDF: situação atual

A banca do Concurso PGDF está contratada! De acordo com a Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag DF) serão ofertadas 100 vagas.

Serão 57 vagas para Analista Jurídico e 43 para Técnico Jurídico. Há também possibilidade de ter cinco vagas para Procurador, pois na Lei de Diretrizes Orçamentárias do DF, é reservado orçamento para a carreira.

Concurso PGDF: tabela de vagas fornecida pela Seplag DF.

Concurso PGDF: tabela de vagas fornecida pela Seplag DF.

Segundo informações do site da PGDF, o concurso anterior do órgão realizou a convocação de 68 pessoas (ampla concorrência) e 5 (PNE*) para o cargo de Analista Jurídico de todas as especialidades. Já para Técnico Jurídico, foram 75 pessoas chamadas (ampla concorrência) e ainda 15 (PNE*).

Vale lembrar que no edital só havia uma única vaga prevista para o cargo de Técnico! Confira a listagem no endereço eletrônico www.pg.df.gov.br/carreiras/.

*Pessoa com deficiência

Confira abaixo o extrato de contrato publicado hoje (29) no Diário Oficial do Distrito Federal:

Concurso PGDF: extrato de contrato!

Concurso PGDF: extrato de contrato!

Concurso PGDF: remuneração e benefícios

A remuneração inicial para Técnico é de R$ 4.720,00 e chega a R$ 5.873,33. Para Analista, o vencimento básico inicial é de R$ 7.320,00 e chega a R$ 9.410,06 no teto da carreira.

Os candidatos que ingressarem nas carreiras também terão direito a Gratificação por Habilitação em Apoio às Atividades Jurídicas – GHAAJ, que é concedida quando o profissional possui títulos, diplomas ou certificados, que é calculada sobre o vencimento básico correspondente ao padrão em que o servidor se encontra.

A gratificação é concedida da seguinte forma:

  • para o cargo de Analista Jurídico: diploma de segunda graduação e certificados de especialização, mestrado e doutorado
  • para o cargo de Técnico Jurídico: diploma de graduação e certificados de especialização e mestrado;
  • para o cargo de Agente Jurídico: certificado de ensino médio, diploma de graduação e certificado de especialização.

Outro benefícios que os servidores da Procuradoria Geral do DF recebem, é o auxílio alimentação no valor de R$394,50, estabelecido pela Lei  nº 5.108/2013.

De acordo com dados obtidos no Portal da Transparência do Governo do Distrito Federal, os percentuais são:

 

A remuneração inicial para o cargo de Procurador é de R$ 22.589,59, de acordo com o Portal da Transparência do GDF.

Cargos e vagas

O novo certame da PGDF ofertará cargos para níveis médio e superior, todos na carreira de Apoio às Atividades Jurídicas. Confira:

Cargo: Técnico Jurídico

  • Vagas: 43
  • Jornada de trabalho: 40h semanais
  • Principais atribuições: de acordo com o último edital, o servidor irá executar atividades de nível médio relacionadas aos serviços de apoio administrativo, colaborar na análise e instrução de processos, participar de programas de desenvolvimento que envolvam conteúdos relativos à área de atuação e executar atividades de interesse da área.

Cargo Analista Jurídico

  • Vagas: 57
    Jornada de trabalho: 40h semanais
  • Principais atribuições: as atribuições serão de acordo com a carreira. Na área de administração o servidor irá planejar, organizar, coordenar, supervisionar, controlar, avaliar e executar atividades referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos relativos à gestão de pessoas, orçamento e finanças, patrimônio, material, transporte e organização e métodos; participar de programas de desenvolvimento que envolvam conteúdos relativos à área de atuação ou neles atuar; executar outras atividades de interesse da área (informação de acordo com o último edital).

Cargo Procurador

  • Vagas: a definir
  • Jornada de trabalho: 40h semanais
  • Principais atribuições: Representar o Distrito Federal judicial e extrajudicialmente, representar a Fazenda Pública perante os Tribunais de Contas da União, do Distrito Federal e Juntas de Recursos Fiscais, promover a defesa da administração pública, requerendo a qualquer órgão, entidade ou tribunal as medidas de interesse da justiça, da administração e do erário, representar sobre questões de ordem jurídica sempre que o interesse público ou a aplicação do direito o reclamarem, promover a uniformização da jurisprudência administrativa e a compilação da legislação do Distrito Federal, prestar orientação jurídico-normativa para a administração pública direta, indireta e fundacional, efetuar a cobrança judicial da dívida do Distrito Federal. Ao cargo de Procurador do Distrito Federal correspondem as atribuições previstas no artigo 132 da Constituição da República, no artigo 111 da Lei Orgânica do Distrito Federal e no artigo 4º da Lei Complementar Distrital nº 395/2001, de representação judicial e extrajudicial.

Carreira

Os cargos que serão ofertados no concurso da Procuradoria Geral do Distrito Federal são para a carreira de Apoio às Atividades Jurídicas, que é foi criada através da Lei nº 43/1989.

Requisitos

Analista Jurídico: de acordo com o último edital, os candidatos precisam possuir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação. O último edital ofertou cargos de analista jurídico na especialidade de administração, análise de sistemas, arquitetura, arquivologia, biblioteconomia, contabilidade, direito e legislação, engenharia agronômica e jornalismo.

Técnico Jurídico: segundo o último edital, para ser nomeado no cargo os candidatos precisam de certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio, expedido por instituição educacional reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino.

Atribuições

Analista jurídico: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades arquivísticas, estudos e pesquisas com enfoque na área da especialidade do cargo, participar de programas de desenvolvimento que envolvam conteúdos relativos à área de atuação ou neles atuar; executar outras atividades de interesse da área.

Técnico jurídico: executar atividades de nível médio relacionadas aos serviços de apoio administrativo; colaborar na análise e instrução de processos; participar de programas de desenvolvimento que envolvam conteúdos relativos à área de atuação; executar outras atividades de interesse da área.

Cargos Vagos

De acordo com o Portal da Transparência do Distrito Federal, existem hoje 178 cargos vagos na carreira de Apoio às atividades jurídicas.

Confira abaixo o número de cargos vagos por cargo:

  • Analista Jurídico: 16 vagas
  • Técnico Jurídico: 112 vagas
  • Agente Jurídico: 50 vagas

Vale ressaltar que, no novo concurso da PGDF apenas os cargos de Analista e Técnico Jurídico ofertarão vagas no novo edital.

Concurso PGDF: comissão formada

Os nomes dos cinco membros que irão compor a comissão organizadora do próximo concurso foram divulgados no Diário Oficial do DF, em novembro de 2018. A comissão possui as seguintes atribuições:

  • Coordenar e acompanhar as atividades pertinentes à realização do Concurso Público para preenchimento das vagas dos cargos de Analista Jurídico e Técnico Jurídico, da Carreira de Apoio às Atividades Jurídicas do Distrito Federal.
  • Realizar estudos e promover os atos com vistas à contratação de pessoa jurídica para a realização do Concurso Público, em observância ao Projeto Básico aprovado.
    Supervisionar a execução do contrato.
  •  Fornecer as informações necessárias à realização do Concurso Público para a pessoa jurídica contratada, bem como para as autoridades competentes.
  • Analisar e propor a aprovação de editais, comunicados, cronogramas e instrumentos correlatos.
concurso PGDF

Concurso PGDF: comissão constituída.

Último concurso PGDF – Técnico e Analista

O último concurso foi realizado no ano de 2010. Na época, foram oferecidas 69 oportunidades para cargos de níveis médio e superior, nas carreiras de Técnico Jurídico e Analista Jurídico, respectivamente.

As vagas para Analista foram nas seguintes especialidades: administração; análise de sistemas; arquitetura; arquivologia; biblioteconomia; contabilidade; direito e legislação; engenharia agronômica; e jornalismo. O salário inicial era de R$ 6.198,22.

A única vaga para Técnico foi para apoio administrativo, a remuneração inicial era de R$ 4.013,93.

Etapas de prova – Técnico e Analista

Os candidatos de nível médio e superior precisaram realizar prova objetiva composta por 60 questões de múltipla escolha, cada uma com 5 alternativas, nas áreas de conhecimentos básicos e conhecimentos específicos. A pontuação da prova objetiva foi de o (zero) a 90 (noventa) pontos, de acordo com o número de questões e os pesos definidos. Os candidatos a Analista Jurídico também precisaram realizar prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório. A pontuação máxima a receber foi igual a 10 (dez) pontos.

As provas objetivas e discursiva para o cargo de Analista Jurídico teve a duração de 5 horas e para Técnico Jurídico o tempo foi de 4 horas.

Para todos os cargos e especialidades, a prova objetiva foi composta por

  • Conhecimentos Básicos: 30 questões, sendo peso 1 (um); e
  • Conhecimentos específicos: 30 questões, com peso 2 (dois).

Os candidatos foram avaliados por meio de prova com conteúdo programático de Conhecimentos Específicos do cargo e Conhecimentos básicos em:

  • Língua Portuguesa,
  • Atualidades,
  • Noções de Direito Administrativo,
  • Noções de Direito Constitucional e
  • Legislação aplicada aos servidores da PGDF.

PROVA DISCURSIVA

Os interessados no cargo de Analista Jurídico, exceto especialidade de Direito e Legislação, foram avaliados também por meio de prova discursiva. De acordo com o edital PGDF, o inscrito tinha que redigir um texto de no mínimo 30 linhas e no máximo 50 linhas sobre assunto indicado no conteúdo programático constante no edital.

Já para a ocupação de Analista Jurídico – especialidade Direito e Legislação a prova discursiva foi composta por 4 (quatro) questões discursivas. Cada questão deveria ter a extensão mínima de 10 linha a 15 linhas. O conjunto de questões da prova discursiva teve a pontuação máxima igual a 10,00 (dez) pontos, sendo essa a pontuação máxima. Para cada questão discursiva o valor máximo foi igual a 2,50 (dois vírgula cinquenta) pontos.

AVALIAÇÃO DE TÍTULOS
Esta etapa, de caráter unicamente classificatório, foi aplicada para todas as especialidades do cargo de Analista Jurídico com valor máximo de 5 (cinco) pontos.

Último concurso PGDF – Procurador

Na última seleção, realizada em 2013, foram ofertadas 25 vagas para o cargo de Procurador do Distrito Federal na categoria I, sendo que 5 foram reservadas para candidatos com deficiência. Atualmente, o salário inicial é de R$ 22.589,59, segundo o Portal da Transparência do GDF.

Requisitos para o cargo: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior de graduação em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Os candidatos foram avaliados por meio de:

  • Provas Objetivas,
  • Provas Discursivas,
  • Prova Oral e
  • Avaliação de Títulos.

Análise do concurso

Confira a análise da publicação da escolha da banca com os professores Vandré Amorim e Anderson Ferreira.

Maratona de exercício PGDF

O Gran Cursos Online preparou uma maratona de exercício para os concurseiros começarem a preparação para o certame da PGDF. Não perca esta oportunidade e garanta sua vaga. 07

Resumo do concurso PGDF

Concurso Procuradoria Geral do Distrito Federal  (concurso PGDF)
Banca organizadora Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos – Cebraspe
Cargos Analista e Técnico
Escolaridade Nível médio e superior
Carreiras Administrativa
Lotação Distrito Federal
Número de vagas 100 vagas
Remuneração de até R$9 mil
Situação BANCA DEFINIDA
Previsão para publicação do edital 2019
Link do último edital – Técnico e Analista clique aqui para ver o edital 
Link do último edital – Procurador clique aqui para ver o edital
Quer conquistar a sua aprovação na Procuradoria Geral do Distrito Federal?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Patrícia Lourenço
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online

Principais de Distrito Federal

Principais de PGDF

14 Comentários

14 Comentários

  1. Lucas

    24/09/2018 11:36em11:36

    Em que banca vocês apostam?

    • Davi

      30/01/2019 21:18em21:18

      Cespe

    • Gardenia

      08/02/2019 12:24em12:24

      A última banca foi Iades, em 2010. Acredito que possa ser a mesma ou alguma similar, tipo a IBRAE. Não retiro a possibilidade de ser cespe, mas a chance de ser as primeiras já citadas, acredito que seja grande.

      • Victor

        27/03/2019 18:39em18:39

        IBRAE não pelo amor de deus

        • Bianca

          01/04/2019 11:30em11:30

          Espero que seja uma banca com experiência e com profissionalismo como Cespe ou FCC hihi, bem diferente de certas bancas por aí (Ibrae,Quadrix,Inaz do Pará e Iades…)

          • Hugo Leonardo Prioto

            29/07/2019 15:14em15:14

            Obrigado pelo informações abalizadas que o Gran Cursos sempre disponibiliza.

    • FABIANE

      12/02/2019 11:45em11:45

      torcendo para ser CESPE

  2. Lorenz Duarte

    08/02/2019 08:30em08:30

    Acho que será outra banca.

  3. Michele

    05/03/2019 20:53em20:53

    Será que vão ofertar cadastro reserva para Analista Jurídico?

  4. Paulo Henrique Pereira De Souza

    03/09/2019 15:22em15:22

    Quando irão disponibilizar o regimento interno?

  5. Aline

    22/09/2019 11:35em11:35

    Neste concurso terá vagas para analista, área administrativa, qualquer formação?

  6. Almir

    30/10/2019 07:53em07:53

    Agora vai, estudar estudar e memorizar para gabaritar tudo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação na Procuradoria Geral do Distrito Federal?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Para o Topo