Concurso TCE BA: Orçamento prevê 70 cargos para 2020

LOA aprovada pela Assembleia Legislativa autoriza realização de concurso no ano que vem.

O Tribunal de Contas do Estado da Bahia (Concurso TCE BA) tinha a expectativa de realizar um novo concurso público em 2019, mas isso não aconteceu. Mas de acordo com a Lei Orçamentária Anual de 2020, o TCE BA poderá realizar um certame para 70 novos profissionais. O órgão também garantiu recursos para contratação da empresa que organizará o certame. Os cargos que serão contempladas, requisitos e demais detalhes ainda dependem de anúncio.

Concurso TCE BA: Cargos vagos

Além da confirmação na LOA, outro fator que favorece a abertura do certame é o quantitativo de cargos vagos. Segundo o dados do Portal da Transparência do TCE BA, com última atualização constando do dia 18 de março, no momento existem 123 cargos vagos. A previsão é que o certame realize provas apenas para os cargos de Auditor Estadual de Controle Externo e Auditor Estadual e Infraestrutura.

  • Auditor Estadual de Controle Externo: 93 cargos vagos
  • Auditor de Infraestrutura: 30 cargos vagos

Segundo a reestruturação do órgão, o cargo de Auditor, que hoje possui 21 cargos ocupados, a medida em que for possuindo cargos vagos, estes serão transferidos para o cargo de Auditor Estadual de Controle Externo.

Ainda de acordo com o Portal da Transparência, existem cargos vagos para das demais áreas de apoio. Contudo, a previsão de necessidade de um Concurso TCE BA é necessariamente para as atividades controladoras, nas quais foram citadas acima. Ainda assim, confira abaixo quais cargos estão vagos:

  • Analista de Sistema: 3 cargos vagos
  • Analista de Suporte: 1 cargo vago
  • Analista de Gestão Pública: 1 cargo vago
  • Bibliotecário: 2 cargos vagos
  • Dentista: 3 cargos vagos
  • Jornalista: 2 cargos vagos
  • Médico Perito: 1 cargo vago

Concurso TCE BA: Remunerações

Os cargos de Auditor Estadual de Controle Externo e Auditor de Infraestrutura possuem a mesma remuneração, de acordo com o Portal da Transparência, no valor inicial de R$ 9.546,36. A última atualização é referente ao 4º trimestre de 2019. O vencimento é composto por uma parcela fixa, uma remuneração variável (denominada Parcela Variável pelo Exercício do Controle Externo), relativa ao desempenho anual do servidor. Em média, equivale a 67% da parcela fixa.

Confira o escalonamento na carreira:

ClasseReferênciaParcela fixa
A1R$ 9.546,36
A2R$ 9.619,95
A3R$ 9.643,99
A4R$ 9.691,50
A5R$ 9.770,99
A6R$ 9.853,57
B1R$ 9.910,83
B2R$ 9.999,24
B3R$ 10.090,77
B4R$ 10.186,19
B5R$ 10.251,98
B6R$ 10.353,73
C1R$ 10.459,64
C2R$ 10.532,20
C3R$ 10.645,21
C4R$ 10.721,92
C5R$ 10.842,70
C6R$ 10.968,15

Além disso, têm direito a:

  • adicional de tempo de serviço (corresponde a 1% por ano trabalhado),
  • estabilidade econômica (para servidores efetivos que ingressaram no serviço público estadual até a data da publicação da Lei nº 13.471/2015 e que tenham exercidos cargos em comissão, por mais de 10 anos na administração pública),
  • gratificação por condições especiais de trabalho (CET),
  • abono permanência (para servidores que cumpriram os requisitos legais para requerer a aposentadoria, porém, fizeram opção de continuarem na ativa)
  • auxílio alimentação.

Concurso TCE BA: Atribuições e Requisitos

Auditor Estadual de Controle Externo

Atribuições: De acordo com a Lei 13.192/2014, as atribuições do cargo , englobam coordenação, supervisão e execução de serviços de auditoria, bem como elaboração de estudos, pesquisas e informações de caráter transdisciplinar e emissão de pareceres e  relatórios conjuntos nas áreas jurídica, contábil,  financeira, econômica, administrativa, de  engenharia, de tecnologia da informação e de planejamento.

Requisito: Ainda de acordo com a legislação, são requisitos para o ingresso no cargo os diplomas de conclusão nas seguintes áreas: Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática, Direito, Economia, Engenharia, Arquitetura ou Estatística, conforme especificações no edital do concurso.

Auditor de Infraestrutura

Atribuições: Segundo a mesma lei citada acima, o cargo possui como atribuições atividades auditoriais de nível superior, englobando  também coordenação, supervisão e execução de serviços de auditoria na área de infraestrutura, bem como elaboração de estudos, pesquisas e informações de caráter transdisciplinar e emissão de pareceres e relatórios conjuntos, nas áreas de engenharia e de arquitetura;

Requisito: – É requisito de escolaridade para ingresso no cargo o diploma de conclusão de curso superior em Engenharia ou Arquitetura, conforme especificações no edital do concurso.

Último concurso TCE BA

A última vez que houver um Concurso no Tribunal de Contas do Estado da Bahia foi em 2013, quando a Fundação Getúlio Vargas (FGV) foi a organizadora. Foram oferecidas vagas para as funções de 25 vagas para Analista de Controle Externo e outras 20 vagas para Agente Público. Esse será o primeiro concurso para o cargo de Auditor de Infraestrutura.

Importante ressaltar que no edital de 2013, como não ainda não havia a Lei 13.192/2014, o edital permitia que qualquer pessoa com nível superior, independentemente da área. O que não ocorrerá no próximo certame.

Etapas

Os inscritos foram avaliados por meio de provas objetivas e discursiva. Elas foram aplicadas no dia 17 de novembro de 2013. Confira

  • Língua Portuguesa (15 questões)
  • Raciocínio Lógico-Matemático (10 questões)
  • Administração Pública (questões)
  • Direito Constitucional (5 questões)
  • Direito Administrativo (5 questões)
  • Direito Civil e Processual Civil (6 questões)
  • Direito Penal (4 questões)
  • Contabilidade (8 questoes)
  • Auditoria Governamental (7 questões)
  • Controle Externo (5 questões)

A Prova Escrita Discursiva, por sua vez, valeu 100 pontos, sendo constituída por uma redação, sobre tema atual, com o valor total de 40 pontos e uma questão de natureza técnica acerca de conhecimentos específicos, com o valor total de 60 pontos.

Demanda por vaga

Ao todo, segundo dados da Fundação Getúlio Vargas, concorreram aos 25 cargos de Auditor de Controle Externo um total de 3589 pessoas, sendo uma concorrência de 143,56 candidatos por vaga.

Nota de Corte

As notas de cortes foram as seguintes:

Ampla Concorrência – 24º colocado
Nota Objetiva – 71 pontos
Nota Discursiva – 60 pontos
Nota Final – 131 pontos

Pessoa com Deficiência – 1º colocado (foram três vagas, mas houve apenas um classificado)
Nota Objetiva – 69 pontos
Nota Discursiva – 51 pontos
Nota Final – 120 pontos

Resumo do Concurso TCE BA

Concurso Tribunal de Contas do Estado da Bahia (Concurso TCE BA)
Banca organizadora A definir
Cargos Auditor Estadual de Controle Externo e Auditor de Infraestrutura
Escolaridade Nível Superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática,
Direito, Economia, Engenharia, Arquitetura, Estatística, Engenharia ou Arquitetura
Carreiras Tribunal de Contas
Lotação Estado da Bahia
Número de vagas 70 vagas (atualmente há 123 cargos vagos)
Remuneração R$ 9.546,36 (inicial)
Situação AUTORIZADO NA LOA
Link do edital Clique AQUI para fazer o download do edital

 

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN

Notícias Relacionadas

Thiago Alecrim
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online

Principais de Bahia

Principais de TCE BA

9 Comentários

9 Comentários

  1. Wanessa Kely Barros Gomes

    29/04/2017 14:25em14:25

    Ta previsto pra sair quando o concurso

  2. Marcos

    01/05/2017 13:15em13:15

    O link do ultimo edital é do TCE PE 2004!

  3. Patricia

    02/07/2017 20:24em20:24

    Boa noite,
    O último concurso do TCE exigia formação em nível superior para qualquer área.. Neste terá só essas áreas específicas?

    • Tiago Almeida Silva

      22/09/2017 09:16em09:16

      Se for isso será uma palhaçada.
      Como um cargo de auditor não será preenchido por profissionais contábeis. hahahaha

  4. Tácito Iago Dourado dos Santos

    09/09/2018 14:53em14:53

    LEI Nº 13.192 DE 06 DE NOVEMBRO DE 2014

    Art. 5º – Os cargos de provimento efetivo estão classificados nos seguintes grupos ocupacionais:

    § 4º – É requisito de escolaridade para ingresso no cargo de Auditor Estadual de Controle Externo o diploma de conclusão de curso superior em Administração, Ciências Contábeis, Ciências da Computação e Informática, Direito, Economia, Engenharia, Arquitetura ou Estatística, conforme especificações no edital do concurso.

    O artigo esqueceu de mencionar que o diploma em Engenharia também é aceito como requisito para o cargo de Auditor Estadual de Controle Externo.

    • Andreia

      16/01/2020 14:40em14:40

      Obrigada pelo esclarecimento!

  5. Andreia

    16/01/2020 14:38em14:38

    Ciencias Contabeis, fica fora?

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Assinatura Ilimitada
Para o Topo