Concurso TJ RS: IBGP é a banca organizadora. VEJA

Concurso TJ RS: novo certame ofertará vagas para cargos de níveis médio e superior

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (concurso TJ RS) definiu a banca organizadora que organizará o seu próximo concurso de Analista e Técnico. O Instituto Brasileiro de Gestão e Pesquisa -IBGP foi escolhido. O próximo passo será de publicação do edital.

A Portaria instituindo nova Comissão para concurso público foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico do órgão no dia 22 de novembro de 2019.

O edital ofertará vagas para os cargos de Analista Judiciário – área de apoio especializado: engenharia Civil; Desenhista, Classe M; e Técnico em Informática, Classe M.

O TJ RS já publicou edital para o cargo de Oficial de Justiça, Classe O e também irá lançar edital para os cargos de Oficial de Justiça PJ-H e Assistente Social.

Confira ao longo desta matéria mais informações sobre o concurso TJ RS, para facilitar navegue utilizando o índice abaixo:

Concurso TJ RS: situação atual

No dia 15 de outubro, o Extrato de Contrato com a banca foi publicado no Diário de Justiça Eletrônico. Confira:

Concurso TJ RS: extrato de contrato com a banca IBGP publicado

Concurso TJ RS: extrato de contrato com a banca IBGP publicado

O aviso de dispensa de licitação foi publicado no Diário de Justiça no dia 07 de outubro de 2020. Confira o documento na íntegra:

Concurso TJ RS: banca definida!

Concurso TJ RS: banca definida!

O novo concurso do edital ofertará vagas para os cargos de Analista Judiciário – área de apoio especializado: Engenharia Civil; Desenhista, Classe M; e Técnico em Informática, Classe M. Veja:

Concurso TJ RS: comissão formada.

Concurso TJ RS: comissão formada.

Concurso TJ RS: remuneração e benefícios

Dados do Portal da Transparência do TJ RS, referente ao mês de setembro de 2020, informam que o vencimento básico para o cargo de:

  • Analista Judiciário – área de apoio especializado: Engenharia Civil é de R$ 7.352,93;
  • Desenhista é de R$ 4.712,55; e
  • Técnico em Informática é de R$ 4.712,55.

Os servidores também terão direito a:

  • auxílio-alimentação, no valor de R$ 554,62;
  • auxílio-creche, no valor de R$ 578,93;
  • auxílio transporte, no valor de  R$ 206,80; e
  • plano de saúde.

Concurso TJ RS: cargos e vagas

O certame ofertará vagas para:

  • Analista Judiciário – área de apoio especializado: Engenharia Civil
    Jornada de trabalho: 40 horas semanais
  • Desenhista, Classe M
    Jornada de trabalho: 40 horas semanais
  • Técnico em Informática, Classe M
    Jornada de trabalho: 40 horas semanais

Concurso TJ RS: requisitos

Analista Judiciário – Área Especializado: Engenharia Civil

Diploma ou certificado, devidamente registrado, de curso de Engenharia Civil, reconhecido pelo Ministério da Educação – MEC e registro legal para o exercício profissional no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia -CREA.

Desenhista, Classe M

Diploma ou certificado, devidamente registrado de curso de nível médio ou equivalente. Certificado de habilitação ou treinamento, reconhecido oficialmente ou cursando matéria de curso onde seja ministrada matéria e/ou exija prática de desenhos.

Técnico em Informática, Classe M

Diploma ou certificado, devidamente registrado, de nível médio ou equivalente. Possuir curso de aperfeiçoamento na área (mínimo de 80 horas) e experiência mínima comprovada de 1 ano em serviços conexos com as funções do cargo.

Concurso TJ RS: atribuições

Analista Judiciário – Área Especializado: Engenharia Civil

  • elaborar o planejamento e os projetos, em geral, de regiões, zonas, obras, estruturas, transportes e explorações de recursos naturais, relacionados às obras e reformas desenvolvidas pelo Poder Judiciário Estadual;
  • elaborar estudos, projetos e pareceres técnicos da sua área de atuação;
  • realizar análises, avaliações, vistorias, enfim, a fiscalização de obras e serviços técnicos prestados para o Poder Judiciário;
  • supervisionar a direção e a execução de obras e serviços técnicos;
  • responsabilizar-se por equipes auxiliares necessárias à execução das atividades próprias do cargo;
  • realizar outras atividades correlatas à sua especialidade e relacionadas às atividades desempenhadas pela unidade de lotação.

Desenhista, Classe M

  • desenhar plantas, cortes, fachadas e detalhes de prédios;
  • elaborar gráficos e desenhos em perspectiva; preparar croquis e passar para a escala;
  • executar desenhos arquitetônicos e de projetos de obras; fazer cálculos de coordenadas geográficas;
    elaborar e desenhar letreiros e cartazes, clichês, organogramas, fluxogramas e gráficos em geral;
  • fazer desenhos didáticos em geral; desenhar projetos de ajardinamento;
  • elaborar esquemas de sistema elétrico e telefônico; proceder à reconstituição de plantas; desenhar formulários em geral;
  • executar a redução e ampliação de plantas; colaborar na confecção de maquetes;
  • responsabilizar-se pela guarda e conservação de material de trabalho, bem como por equipes auxiliares necessárias à execução das atividades próprias do cargo;
  • executar tarefas afins.

Técnico em Informática, Classe M

  • Testar e documentar aplicativos a serem adquiridos/instalados em equipamentos de informática;
  • apresentar soluções na utilização de softwares aplicativos;
  • auxiliar os usuários na elaboração de soluções com a utilização de aplicativos comerciais;
  • prestar assistência aos usuários para resolução de problemas com a utilização de softwares aplicativos, bem como os desenvolvidos pelo setor;
  • instalar e configurar softwares;
  • verificar equipamentos adquiridos, bem como a instalação dos acessórios e respectivos softwares;
  • efetuar levantamento e apresentar soluções para a instalação de redes;
  • elaborar orçamentos, cronogramas e análise de viabilidade técnica e econômica para a instalação de redes de computadores;
  • efetuar análise de tráfego na rede, usuários conectados, acesso externo;
  • implantar servidores de redes; implantar redes em estações de trabalho;
  • estudar, racionalizar e projetar redes de computadores; avaliar, revisar e melhorar as redes de computadores existentes;
  • ter conhecimentos sobre o funcionamento de hardware e software de redes;
  • definir e documentar novas redes e alterações de redes; acompanhar a instalação de cabeamento lógico de redes;
  • assistir as áreas afins quanto à utilização de redes de computadores;
  • administrar prazos, recursos e planos de teste na instalação de redes;
  • definir normas e padrões de utilização, segurança e funcionamento das redes;
  • verificar os softwares de rede adquiridos, bem como a sua instalação;
  • auxiliar e/ou elaborar informações técnicas relativas a redes de computadores;
  • executar tarefas afins.

Último concurso TJ RS

O último concurso TJ RS, ofertando vagas para o cargo de Desenhista, Classe M, foi realizado em 2012, organizado pela Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – FAURGS. O certame ofertou 139 vagas, sendo 2 para o cargo de Desenhista. Na ocasião, o vencimento ofertado para o cargo foi de R$ 3.559,92.

Já o último concurso TJ RS para os cargos de Analista Judiciário – área de apoio especializado para Engenharia Civil e Técnico em Informática foi realizado 2014, também, organizado pela Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – FAURGS.

O vencimento ofertado para:

  • Analista Judiciário – área de apoio especializado – Engenharia Civil foi de R$ 6.570,13; e
  • Técnico em Informática, Classe foi de R$ 4.210,85.

Etapas

Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetivas

Prova objetiva

A prova escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, foi constituída de 70 questões escritas objetivas. Os candidatos tiverem seu conhecimentos avaliados por meio das disciplinas:

  • Língua portuguesa – 18 questões;
  • Conhecimentos específicos – 18 questões;
  • Matemática – 14 questões;
  • Tópicos de legislação – 10 questões; e
  • Microinformática – 10 questões.

Para o cargo de Analista Judiciário – área de apoio especializado: Engenharia Civil, a prova objetiva foi subdividida em 4 partes e teve 80 questões, versando sobre as disciplinas:

  • Língua portuguesa – 20 questões;
  • Conhecimentos específicos – 36 questões;
  • Legislação – 12 questões;
  • Informática – 12 questões.

A prova objetiva para Técnico em Informática, Classe M também foi subdividida em 4 partes, com 70 questões e cobrou dos candidatos conhecimentos nas disciplinas de:

  • Língua portuguesa – 20 questões;
  • Língua Inglesa – 12 questões;
  • Conhecimentos específicos – 26 questões; e
  • Legislação – 12 questões.

Motivos para fazer o concurso TJ RS

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul  oferece remunerações bem atrativas, além de uma série de benefícios.

Entre os dias 20 de dezembro e 06 de janeiro ocorre o recesso jurídico, ou seja, o expediente jurídico fica suspenso, funcionando só em regime de plantão. Com isso, os servidores contam com uma folga a mais, além das férias e os feriados anuais.

Leia mais sobre o concurso TJ RS, clicando aqui

Resumo do Concurso TJ RS Analista e Técnico Judiciário

Concurso Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul (Concurso TJ RS)
Banca organizadora Instituto Brasileiro de Gestão e Pesquisa -IBGP
Cargos Desenhista, Engenharia Civil e Técnico em Informática
Escolaridade  níveis médio e superior
Carreiras  Administrativa
Lotação  Rio Grande do Sul
Número de vagas  a definir
Remuneração de R$ 4.712,55 a R$ 7.352,93
Situação BANCA DEFINIDA
Link do edital  DesenhistaEngenheiro CivilTécnico em Informática
Quer conquistar a sua aprovação no concurso TJ RS?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Lorena Martins
Lorena Martins
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação no concurso TJ RS?
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Para o Topo