Prova BRB: confira os comentários de Língua Portuguesa!

Avatar


18/08/2019 | 21:56 Atualizado há 770 dias

Na tarde deste domingo (18), finalmente aconteceu o tão esperado concurso de escriturário do Banco de Brasília – BRB. O certame oferta 100 vagas e formação de cadastro reserva, com o salário inicial de R$ 3.204,26 e jornada de 30h semanais.

As provas aplicadas foram de conhecimentos gerais e específicos, com os conteúdos de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Matemática, Uso de Tecnologia em Ambientes Corporativos, Governança Corporativa e Compliance, Inovação, Lei Orgânica do DF e Regime Jurídico dos Servidores do Distrito Federal, Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do DF e da RIDE, Conhecimentos Bancários, Bancos na Era Digital, Qualidade no Atendimento e Diversidade, Defesa do Consumidor, Confidencialidade, além da avaliação de redação, que teve como tema “Os bancos na era digital”.

Os nossos professores fizeram os comentários a respeito de cada item do concurso, confira nesta matéria os comentários e considerações do professor Bruno Pilastre sobre a disciplina de Língua Portuguesa.

A prova usada pelo professor para a correção foi a tipo “A”, confira a prova clicando AQUI.

Língua Portuguesa – Questões 1 a 8 – Professor Bruno Pilastre

Questão 1

Letra a

A letra (a) está correta porque há uma equivalência entre a semântica de “inteligência” e “a capacidade de compreender e resolver novos problemas e conflitos e de adaptar-se a novas situações”. Ou seja, o item afirma, por outras palavras, que “o homem necessitou de mais conforto ao desenvolver a inteligência”. 

As demais alternativas estão incorretas porque:

  1. b) a vírgula separa oração subordinada adjetiva explicativa. Sem a vírgula, a oração seria restritiva. Há, portanto, mudança no sentido.
  2. c) A próclise é obrigatória, visto haver partícula atrativa (pronome relativo “que”).
  3. d) a vírgula antecipa um “adjunto adnominal”, não um complemento.
  4. e) A forma verbal concorda com termo singular: “a evolução”.

Questão 2

Letra c

Vamos primeiro às alternativas erradas:

  1. a) a palavra “miúdo” é acentuada pela regra de hiato.  
  2. b) O emprego da crase não é facultativo, visto haver preposição regida pela forma “tenha levado” e sintagma nominal especificado (com artigo feminino singular).
  3. d) as regras de acentuação não são as mesmas: história (paroxítona), séculos (proparoxítona) e salário (paroxítona). 
  4. e) a palavra “que” é conjunção integrante e introduz oração subordinada objetiva direta. 

A alternativa (c) está correta porque, de fato, os termos destacados estão associados a regimes de trocas (sistema de troca direta). 

Questão 3

Letra e

A alternativa (e) provavelmente foi considerada correta pela banca porque o examinador considerou “As características” como sendo sujeito sintático (via conjunção integrante) da passiva sintética “se desejavam”. 

As demais alternativas estão incorretas porque:

  1. a) As primeiras moedas tiveram seus valores determinados pelo indicado nos signos monetários E pela nobreza dos metais empregados (ou seja, não era apenas pelos materiais empregados). 
  2. b) Os parênteses não corrigem (retificam), mas esclarecem. 
  3. c) A presença da preposição é exigida semântica e sintaticamente (visto ser forma adjunta). 
  4. d) As aspas não servem para isolar expressões estrangeiras (porque “salário” é de uso corrente em Língua Portuguesa). 

Questão 4

Letra b

As alternativas incorretas são estas:

  1. a) A separação “de a” é inadequada (é necessária, por exemplo, em caso de sujeito de construção infinitiva). 
  2. c) A função sintática é de “sujeito”.
  3. d) Não há termo que faça a regência da preposição “a” em “aonde”. 
  4. e) A substituição da preposição alteraria o sentido do texto. 

A alternativa (b) foi considerada correta pela banca muito provavelmente pelo entendimento do Gramático Evanildo Bechara, que em sua Moderna Gramática Portuguesa (2009, página 590) abona, em certa medida, a presença do pronome átono proclítico ao verbo principal, sem hífen. 

Questão 5

Letra e

Na alternativa (e), o substantivo “sistema” é o núcleo do sujeito da forma verbal “tem”.

Os erros das demais alternativas são estes:

  1. a) a forma adverbial “muito” é atrativa, por isso a posição do pronome é proclítica.
  2. b) Na verdade, o artigo definido feminino é PLURAL (“as”).
  3. c) A preposição “para” introduz oração com valor de finalidade.
  4. d) A privatização não tornou o sistema financeiro são, mas fez com que a gestão dos bancos fosse aprimorada (após o sistema financeiro ter sido saneado). 

Questão 6

Letra d

A última oração “evitando prejuízo aos depositantes” é reduzida de gerúndio.

Vamos aos erros de cada uma das alternativas:

  1. a) A expressão “desaceleração expressiva” exerce função sintática de objeto direto; a expressão “o reconhecimento da solidez” exerce função sintática de sujeito.
  2. b) As expressões não são sinônimas. 
  3. c) A forma “ao” é a junção de preposição mais artigo. Isso a torna diferente das demais (que são apenas artigos). 
  4. e) a reescrita não preserva a estrutura sintática e semântica do texto original

Questão 7

Letra d

A tipologia predominante é a dissertativa-expositiva. Não há traços de injunção, por isso a alternativa (b) está incorreta. No primeiro período, não há qualquer marca de argumentação, por isso a alternativa (a) está incorreta. Há traços de narração, mas essa tipologia não é predominante (por isso a alternativa (c) está incorreta. Por fim, o objetivo central do texto não é descrever, mas informar sobre a história de computadores.  

Questão 8

Letra a

O referente do pronome “essa” é “automação de alguns setores”. 

As alternativas incorretas são estas:

  1. b) na verdade, retoma “anos 1960”
  2. c) na verdade, retoma “computadores”
  3. d) na verdade, retoma “o desenvolvimento e a comercialização”
  4. e) os “dias atuais” do autor do texto diferem da nossa “atualidade”. Além disso, a tendência não se iniciou em 1945.

 

Detalhes do Concurso BRB

  • Concurso: Banco de Brasília (Concurso BRB)
  • Banca organizadora: Instituto Americano de Desenvolvimento – IADES
  • Cargos: Escriturário, Advogado, Analista de Tecnologia da Informação, Engenheiro de Segurança do Trabalho e Médico do Trabalho
  • Escolaridade: nível médio e nível superior
  • Número de vagas: 113 vagas
  • Remuneração: até R$ 19.530,67 + benefícios
  • Data das inscrições: 9 de junho a 15 de julho de 2019 (Escriturário e demais empregos); 23 de junho a 29 de julho de 2019 (Advogado)
  • Taxa de inscrição: R$ 56,00 e R$ 80,00
  • Data da prova objetiva: 18 de agosto de 2019 (Escriturário); 25 de agosto de 2019 (demais empregos); 8 de setembro de 2019 (Advogado)
  • Link do Edital (Escriturário)
  • Link do Edital (demais empregos)
  • Link do Edital (Advogado)

Quer garantir a sua aprovação no Banco de Brasília? Prepare-se com quem mais entende do assunto!
Estude onde, quando, como quiser e em até 12x sem juros!

Cursos Online para o Banco de Brasília – BRB

Quer ficar por dentro dos concursos abertos e previstos? Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2019

CONCURSOS 2020

Receba gratuitamente no seu celular as principais notícias do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

WHATSAPP GCO

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
0

1

Comentários (1)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *