O Concurso Público e o Circo

Flávio Boeres


08/07/2021 | 15:42 Atualizado há 81 dias

Olá, tudo bem? Como está a sua rotina de estudos? Tem conseguido se manter firme diante de tantas dificuldades do dia a dia? Esses dias eu me peguei pensativo em relação à minha trajetória com concursos públicos… tive muitos erros, acertos e aprovações, mas, ao relembrar da minha trajetória, me veio a expressão “matar um leão por dia”, o que me inspirou a escrever este artigo sobre o circo para expor as diversas reflexões que fiz durante esse processo.

Antes de partirmos para essa analogia, gostaria de falar um pouco sobre os pilares de um bom projeto de estudos. Uma boa preparação tem de estar baseada em três pilares: planejamento, metodologia e controle emocional.

  1. Planejamento

O planejamento consiste em uma série de etapas que precedem o início do estudo. A primeira delas é a definição de “foco”, ou seja, a escolha do objetivo daquela preparação: o concurso almejado. Essa é uma das decisões mais difíceis de se tomar, pois é ela que vai determinar o rumo das demais atividades. A incerteza nessa etapa causa atraso na evolução do estudo, pois, a cada mudança realizada, um novo planejamento deverá ser realizado.

Posteriormente, realiza-se um diagnóstico do conhecimento necessário para se chegar à aprovação e sobre o conhecimento existente. Após essa etapa, cria-se um plano de estudo e selecionam-se os materiais mais indicados para aquele objetivo. Por fim, coloca-se em prática tudo o que foi planejado.

  1. Metodologia

A metodologia nada mais é do que a sistematização do plano de estudo de forma que o conteúdo seja assimilado pelo estudante. Diversas técnicas são utilizadas:

  • resumos;
  • mapas mentais;
  • mnemônicos;
  • quadros comparativos;
  • e outras.

 

A utilização de um método eficiente acelera os resultados e gera evolução.

3. Controle emocional

Talvez esse seja o pilar mais importante do processo de estudo para concursos públicos, pois um controle emocional apurado vai te permitir manter o equilíbrio necessário para se manter ativo em prol do seu objetivo.

É aqui que entra a tão falada inteligência emocional, que é a capacidade de identificar emoções pessoais e lidar com elas. É a força que te faz realizar a meta diária mesmo em situações adversas, ou seja, conseguir estudar mesmo em dias de ansiedade, cansaço, tristeza etc. É saber lidar com as emoções para atingir resultados positivos. A inteligência emocional tem diversos benefícios, pois proporciona:

  • controle emocional;
  • gratidão;
  • foco nos objetivos;
  • autoconhecimento emocional;
  • melhora na autoestima;
  • evita conflitos.

A chave do controle emocional está no equilíbrio de nossas ações, sendo assim, é de fundamental importância aliviar o stress do dia a dia com atividades físicas e atividades sociais que não atrapalhem e nem sobrecarreguem os seus estudos.

O conteúdo de hoje faz referência a esse último pilar. Como se manter ativo durante uma preparação para concursos públicos? Sob o prisma da arte cultural que é o circo, vamos refletir sobre os diversos ensinamentos que podemos ter durante uma boa preparação.

Em tempos de isolamento social, a expressão popular “matar um leão por dia” nunca foi tão “real” e significativa no mundo dos concursos públicos. Não bastasse a quantidade de disciplinas a serem estudadas, as noites em claro e os amores perdidos, ainda temos de conviver com as incertezas advindas da pandemia. Vamos ao texto:

 

O CONCURSO PÚBLICO E O CIRCO

Qual a relação existente entre os concursos públicos e o circo? De fato, não há nenhuma conexão direta entre eles, entretanto, essa analogia apresenta reflexões importantes.

Neste momento, o estudante mais pessimista diria: “Agora pronto: virei um palhaço!”. Sim, um palhaço. Somente com a alegria de um palhaço é possível superar o desânimo da trajetória. Essa grande virtude revela como devemos nos portar frente à rotina diária de estudos.

“A maturidade não está em ter um céu sem tempestades, mas em sobreviver a elas.”

Augusto Cury

É preciso ter paciência! Conhecimento não dá pulo! E de nada vai adiantar dar saltos mortais, piruetas e acrobacias. Uma boa apresentação é fruto de muito treino, preparação e dedicação.

A busca pela aprovação exige que sejamos como os domadores de leões, ao conduzirmos grandes feras na realização de uma tarefa com maestria.

Precisamos saber controlar as sensações e as emoções que nos atrapalham na hora da execução das nossas tarefas. A ansiedade, o nervosismo e a autoconfiança excessiva podem fazer toda a diferença no resultado final.

Tirar o coelho da cartola aqui é ter equilíbrio emocional, e, para isso, faz-se necessário ter uma rotina equilibrada em diversos fatores, como: vida social, atividade física, família, estudo, religião etc.

Tudo isso nos remete ao equilibrista, que, para alcançar seu objetivo de atravessar o picadeiro, precisa de muita concentração e controle emocional.

Observe que o foco dele não está na partida e nem na chegada, mas na realização de um passo de cada vez. O passado é fonte de aprendizado, e o futuro, fonte de inspiração, mas é no presente que as coisas acontecem.

Ao estudarem, muitos se esquecem disso e acabam tomando um tombo por não se dedicarem com afinco ao momento da preparação.

“É preciso ter paciência! Conhecimento não dá pulo! E de nada vai adiantar dar saltos mortais, piruetas e acrobacias. Uma boa apresentação é fruto de muito treino, preparação e dedicação”

O dia da apresentação é o momento de colocar em prática tudo aquilo que foi treinado anteriormente, e, independentemente de aplausos, muitos espetáculos virão. Ao cair, levante-se, aprenda com os erros, otimize o plano e recomece novamente, pois o show tem de continuar.

O que achou dessa reflexão? Conseguiu se ver em alguma situação parecida? Espere ter te ajudado a refletir e a se manter firme nos estudos.

Lembre-se: pratique a inteligência emocional.

Outra dica importante é procurar a ajuda de um profissional, caso tenha dificuldade durante a sua preparação. A equipe de GranXperts é formada por diversos profissionais altamente capacitados para te auxiliar rumo à sua aprovação.

 

Grande abraço!

Mantenha o foco e a energia positiva!!!

Bons estudos!!!!

 

Para quem não me conhece: sou Flávio Boeres, Analista de Desenvolvimento e Fiscalização Agropecuária, cargo para o qual passei em primeiro lugar. Atualmente, exerço a função de Assessor de Gestão Estratégica e Projetos no Governo do Distrito Federal.

Tenho experiência de mais de quatro anos prestando coach para concursos públicos e atualmente realizo coaching  no Gran Cursos Online. Faço parte da equipe de GranXperts. Tenho formação em Professional Personal Coach pela Sociedade Brasileira de Coach (SBC).

Sou formado em Administração de Empresas e estou no serviço público desde 2004, quando fui aprovado em 7º lugar no Departamento de Polícia Federal e, além disso, tive diversas aprovações na área administrativa.

Contatos:

E-mail: flavioboerescoach@gmail.com

Instagram: @flavioboerescoach

Flávio Boeres

Equipe do Gran Cursos Online
3

1

Comentários (1)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *