Revisão: como otimizar em 80% sua rotina de estudos

Um sistema simples, leve e eficiente para você potencializar os seus resultados: Revisão 4 x 4


04/08/2021 | 13:26 Atualizado há 178 dias

Sabe, esses dias me peguei olhando um pouco para trás e vendo o que realmente me fez ser aprovada em 90 dias de estudo para o BRB. Um pilar que considerei fundamental e que quero compartilhar hoje com você é sobre a revisão. Desde 2015, quando tentei estudar para concursos pela primeira vez – por um brevíssimo período –, fiquei confusa sobre como revisar. Era algo tão pesaroso para mim… eu não compreendia o porquê de essa atividade me demandar tanta energia, além de ter a sensação de que me dedicar a ela atrasava a evolução em outras matérias. Não poderia ser diferente, é bem isso que acontece quando não temos um bom sistema de revisão. Talvez você também já tido esses pensamento e sensações, e, pior, talvez até tenha desistido de revisar. Esse foi o meu caso e até abandonei o estudo nessa primeira jornada.

Felizmente, depois de estudar mais sobre técnicas de estudo e revisão, aprender sobre o funcionamento do cérebro e testar muitos métodos, encontrei um sistema de revisão realista, aplicável, menos desgastante e deveras produtivo. Isso foi essencial para minha aprovação e para a melhora de rendimento de diversos alunos que já orientei e oriento atualmente.

Antes de tudo, saiba que a revisão é um caminho de aprimoramento do estudo. Conseguir fazê-la de maneira harmônica certamente trará benefícios quase imediatos. É perceptível que muitas dúvidas dos concurseiros pairam sobre esse tema, e hoje quero trazer o meu ponto de vista e te ajudar a compreender melhor como essa ferramenta é importante e certamente capaz de otimizar em 80% seus estudos. Vamos lá?

Começo dizendo que a revisão, segundo o método O Estudo em Camadas – OEC®, é classificada de acordo com a frequência de revisão em duas espécies distintas, porém complementares. São elas: revisão periódica e a revisão acumulativa.

Uma observação interessante é que no OEC não utilizamos – quase – nada relacionado com datas, dias da semana ou números. Geralmente, qualquer sistema de revisão que vá nessa direção exige um nível de controle muito alto e tem pouca flexibilidade. Essas duas características costumam realçar a ansiedade do concurseiro, que já existe por natureza. Portanto, os primeiros e notáveis benefício do sistema de revisão que vou te ensinar agora são estes: redução de controles excessivos, redução da ansiedade, mais flexibilidade.

É bem simples de entender esse método e exemplificarei para você, inclusive com imagens.

No método O Estudo em Camadas®, temos, pelo menos, dois tipos de sessões de estudo: Sessão de Estudo de Entendimento e a Sessão de Estudos de Revisão. Cada uma delas tem um protocolo de tarefas que devem ser realizadas, mas que não são objeto desse artigo (talvez você já encontre outro artigo ensinando isso, ou pode dar uma olhada no meu perfil no Instagram, @prilaconcursos). Essas sessões devem ser alternadas como em um ciclo, em que a proporção é de quatro sessões de entendimento para uma sessão de revisão. Como na imagem abaixo:

 

 

Dentro de uma mesma disciplina, temos a Sessão de Entendimento 1 (S.E1), seguida por outras três sessões de entendimento (representadas pelas bolas amarelas). Ou seja, após quatro sessões de estudo ativo, você parte para a Sessão de Revisão (S.R, bola vermelha). Essa é a revisão periódica, que será feita a cada quatro sessões de entendimento. Nessa sessão de revisão periódica, espera-se que o aluno revise os assuntos estudados nas quatro sessões de entendimento anteriores.

Efeito Alternância de Estímulos: vale ressaltar que não recomendo que você separe um dia para revisar todas as matérias, como é comum vermos por aí. Quando você pega o sábado todo só para revisar, você para o dia com estímulos muito parecidos, e isso reduz a capacidade de absorção do seu cérebro. O caminho mais eficiente é exatamente misturar os estímulos. Por exemplo: na sexta uma matéria chegou na sessão de revisão, enquanto as demais estão em sessão de entendimento; no sábado, mais uma disciplina chegou em revisão, e as outras estão em entendimento. Dessa forma, é possível que todo dia haja uma matéria em revisão no seu ciclo de estudo. O resultado que essa alternância gera é muito mais legal, muito mais interessante e mais dinâmico. Com isso, seu cérebro fica mais disponível para absorver o conteúdo.

Essa sessão de revisão será composta por duas etapas, detalhadas abaixo:

1 . Revisão ativa: essa é a primeira fase da revisão. Ela consiste em você revisar o assunto visto por meio da resolução de questões. Nesse momento, você pode usar o site de questões do Gran Cursos Online ou as questões separadas no PDF do professor. Resolva quantas questões conseguir em 30 minutos. Nesse momento, você não precisa parar para anotar o percentual de acerto nem nada, e sim pegar intimidade com a maneira como o assunto é cobrado pelas bancas.

 

2. Revisão passiva: essa é a parte “simples” da revisão. É o básico, que, se bem feito, trará um ganho exponencial para o seu estudo.
A revisão passiva consiste na leitura do material que você produziu durante as suas sessões de estudo – preferencialmente produzido por você de maneira bem enxuta, simples e objetiva. Assim, você garante um bom material, de fácil entendimento, afinal, você quem o preparou. Dessa forma, você conseguirá estar em contato com ele por muitas vezes ao longo da sua preparação. O fato de ser pequeno não significa que não seja bom, não se deixe levar por esse pensamento. O simples feito com excelência fará toda a diferença.

Os meus materiais de revisão pessoais preferidos são: Resumo Digitado em Tópicos – RDT e Lei Comentada. Mas, caso você prefira, pode usar outros com os quais se identifique e consiga aplicar de maneira eficiente. Apenas atenção: lembre-se sempre de avaliar o custo-benefício de qualquer técnica de anotação que você utilizar. Algumas são demoradas demais, e não vale o custo de tempo que demandam, como os mapas mentais. Além disso, para um material pessoal ser bom, é necessário que ele seja sempre direcionado por questões, elas são nossas aliadas no momento de produzir o material e revisá-lo.

Em resumo, as características de um bom material de revisão são as seguintes:

  • Curto;
  • Interessante para seu cérebro (bem sintetizado);
  • Colorido;
  • Direcionado por questões;
  • Ótimo custo-benefício;
  • Editável.

Além dessa revisão periódica, é essencial que o aluno pratique a revisão acumulativa.

Revisão acumulativa: essa é a segunda etapa da revisão. Momento de aperfeiçoar alguns pontos importantes dentro da rotina de estudos. Ela é essencial para você manter fresco todo o conteúdo estudado. O ideal é que seja feito também uma alternância de revisões ativas e passivas. Resolva 30 minutos de questões, depois leia 30 minutos do seu material. Isso referente a tooooodos os tópicos estudados até aqui. Pode ser que leve mais de uma sessão de revisão, e não tem problema. Repita esse processo quantas vezes forem necessárias até terminar toda a leitura do seu material. Quanto maior o material, mais chances de resolver questões você vai ter. Dessa forma, o sistema se autorregula, permitindo que você tenha muito contato com questões nas matérias maiores, e menos contato naquelas matérias menores. Muito interessante, não é mesmo?

Agora, quando incluir a revisão acumulativa no seu planejamento? Ela deve acontecer após quatro sessões de revisão periódica, como descrito na imagem abaixo:

 

 

Ao final desses quatro ciclos completos de Entendimento+Revisão, é hora de você separar um momento para essa revisão acumulativa. À medida que você avança nas matérias essa revisão cresce, e, então, você precisará dedicar um pouco mais de tempo para realizá-la, e tudo bem. Isso vai te deixar treinado para fazer uma boa revisão acumulativa quando estiver perto da prova. É natural que no início seja mais fácil realizar essa atividade, pois o volume de material é baixo, logo, aproveite para ficar bom nesse conteúdo desde o início.

Bom, espero que o conteúdo de hoje, preparado com muito conhecimento e carinho, te ajude a resolver a maioria – se não todos – os seus problemas de revisão. Se permanecerem algumas dúvidas, escreva aqui nos comentários e/ou me procure no Instagram. Será uma satisfação te ajudar um pouco mais, meu herói, minha heroína.

Antes de encerrar, quero te convidar para conhecer o serviço de mentoria e coaching do Gran Cursos Online: somos uma equipe capacitada (da qual tenho orgulho de fazer parte) formada por profissionais altamente habilitados e preparados, os GranXperts. Nosso trabalho é te ajudar nessa jornada de estudos, te tornar um candidato de alto desempenho, te ajudar a ser o melhor estudante que você pode ser, para, assim, atingir sua tão sonhada aprovação. Nós te orientamos e acompanhamos seus estudos para que você atinja seu potencial máximo. Venha conhecer nossos serviços!

 

Obrigada pelo seu tempo e atenção. Até a próxima aventura.

Equipe do Gran Cursos Online
3

2

Comentários (2)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *