Como resistir às sete tentações mais comuns entre os concurseiros

Recentemente, aproveitei os meus perfis no Facebook e no Instagram para perguntar aos alunos quais são as principais dificuldades que eles encontram na preparação para concurso. A maioria deles apontou duas: a ingrata tarefa de conciliar os estudos com o trabalho e as provações diárias às quais precisam resistir. Decidi escrever sobre os dois temas, começando, esta semana, pelo segundo.

Nossa proposta de hoje, amigo leitor, é sugerir algumas técnicas que podem ajudar você a não cair em sete armadilhas que o universo conspirador frequentemente coloca em nosso caminho. Tudo que apresentaremos aqui é fruto de experiências próprias, de observações, de leituras ou de consultas aos nossos experientes mestres. Para começar, lembre-se: quanto maiores os louros a colher, mais numerosas serão as tentações às quais precisaremos resistir. Qualquer jornada é cheia de obstáculos, de entraves, de problemas, de dificuldades, de crises, de tentações, de tentativas de boicote aos nossos sonhos. Ignorar essa realidade é ingenuidade.

Dito isso, vejamos quais são as sete tentações contra as quais você provavelmente terá de lutar para realizar o seu sonho de ser aprovado em um bom concurso. Vamos aprender a driblá-las?

Tentação 1: procrastinação

A tentação de deixar para amanhã o que pode ser feito hoje é uma das maiores que qualquer profissional pode enfrentar. Com o candidato a concurso público, não é diferente. Muitos concurseiros tendem, por exemplo, a deixar o início da preparação para apenas quando o edital já tiver sido publicado. Não faça isso! Será muito mais difícil – quase impossível, se o concurso for de alto nível – vencer todo o conteúdo a tempo da prova.

Seja inteligente: para manter o hábito do estudo, dedique-se a ele diariamente, ainda que avançando só um pouco por dia no conteúdo. Sabia que três dias de interrupção nos estudos são o suficiente para dar cabo ao hábito que você demorou pelo menos três semanas para desenvolver? Confira aqui um artigo excelente do meu amigo Wellington Antunes sobre como vencer a procrastinação.

Tentação 2: séries de televisão e do Netflix

A segunda tentação vem da tevê paga, com suas séries envolventes e viciantes. A cada episódio, lá se vai uma hora de estudo a menos por dia. E quem consegue assistir a apenas um, sobretudo no caso das séries do Netflix, em geral disponibilizadas em bloco? Uma dica para resistir a mais essa tentação é reservar um tempo específico na semana, algo em torno de uma ou duas horas, de preferência no sábado à noite, para assistir aos episódios da sua série favorita. Não quebre essa regra em hipótese alguma!

Então, seja dedicado aos estudos como uma “Rainha” é aos seus súditos. Desenvolva “Punhos de Aço” para registrar tudo que puder nas aulas. Detone nas matérias do concurso como o “Demolidor” subjuga seus inimigos. Estude sozinho ou com os “Friends”, durante “24 horas” seguidas, se for preciso. Procure uma boa biblioteca pública para o estudo diário, ou estude em “The Office” mesmo. Nada de ficar “Lost” em relação aos conteúdos que você precisa vencer e ao tempo de que dispõe até o grande dia. Monte o seu “Arquivo X” com resumos úteis para a revisão das semanas que antecedem a prova. Inspire-se na bravura dos “Vikings” para lutar pelo seu tesouro mais precioso: a aprovação. Do contrário, você corre o risco de se tonar mais um “Walking Dead”, sem chance de aproveitar a vida como deveria. A saga de um concurseiro é como um “Game of Thrones”: cheia de conflitos e de reviravoltas, mas também repleta de exemplos de honradez e de superação. Trabalhe arduamente agora para mais tarde poder formar uma “Modern Family” e ficar bem longe de viver uma “American Horror Story”. E, quando precisar da ajuda de profissionais competentes em sua caminhada, you “Better Call Gran Cursos Online”.

Em tempo: se você conhece todas essas séries, é sinal de que está assistindo a muita tevê. Naturalmente, você pode se perguntar, então, como eu posso estar a par do enredo de todas elas se pretendo servir de exemplo de austeridade no consumo desse tipo de entretenimento. Pois é, caro leitor, a verdade é que, com exceção daquelas que se tornaram febre mundial, eu precisei pesquisar muito no Netflix para descobrir quais são as fontes de tentação da atualidade. Estou por fora. Rs ?

Tentação 3: redes sociais

As redes sociais, em especial o Facebook, são vorazes consumidoras de horas de estudo. E a caixa de e-mails, então? Felizmente, um dos nossos professores tem uma dica bem eficiente para o controle do vício que tudo isso representa nos dias de hoje. Ele nos aconselha a reservar cerca de meia hora por dia para administrar nossa vida virtual. Nesse tempo, devemos ler rapidamente as mensagens de nossa caixa de entrada e responder as mais urgentes ou importantes e, em seguida, atualizar nossas redes sociais. O importante é resolvermos tudo isso de uma vez, e não de forma fragmentada ao longo do dia. Nada de ficar navegando o tempo inteiro em sites de fofocas, de amenidades, de esportes etc. Olhe tudo de uma vez, e pronto! Você não tem tempo a perder.

Tentação 4: baladas e consumo excessivo de álcool

Os menos focados também podem cair na tentação de exagerar nas baladas do fim de semana. Alguns candidatos seguem a lógica de que, como estudaram todos os dias úteis, merecem ir para a balada, para o bar, para a discoteca, para a festinha do amigo. Mas o que esses desavisados ignoram é que o consumo excessivo de álcool, típico de muitas dessas noitadas, é um grande vilão da produtividade. Uma ressaca no dia seguinte pode pôr a perder todo o planejamento que o concurseiro havia desenhado para si. Na prática, o tempo que o jovem se deu de presente para ir a uma festa é irrisório quando comparado ao tempo que ele perderá nos estudos do dia seguinte.

Conheço pessoas que ficam até dois ou três dias cansadas depois de uma noite maldormida e regada a álcool. Com isso, perdem quase metade da semana em estado de concentração muito aquém do que seria desejável. Por isso, se você for beber, que seja com moderação. E saiba que tal decisão pode impor um alto custo aos seus projetos. Tudo é uma questão de escolha: você pode viver o presente sem pensar no futuro – e sofrer as consequências disso –, ou pode fazer alguns sacrifícios agora para colher muitas aprovações depois – aí, sim, com direito a cair em todas ou em quase todas as tentações que surgirem pela frente, se for da sua vontade.

Tentação 5: convites de amigos

Virar a noite com os amigos, jogando pôquer, competindo em videogames ou simplesmente batendo papo, é outra tentação comum. Mas não se engane: ceder a ela fará com que você perca mais do que apenas uma noite de estudo. O dia seguinte também estará perdido, para que você ponha o sono em dia. Enquanto isso, os concorrentes que optaram por sacrificar algum tempo ao estudo sério terão avançado quilômetros em relação a você.

Nosso conselho é que você reserve algumas horas de uma noite qualquer durante a semana para o lazer com os amigos, para o amor, para a família, para a Igreja; enfim, para as atividades ditas sociais. Obviamente, você não deve se afastar totalmente dos amigos ou da família, mas saiba que não será possível estar com as pessoas queridas pelo tempo que você gostaria. Por enquanto. Mais tarde, você poderá até levá-los todos para uma viagem pela Europa, a depender do concurso no qual tiver sido aprovado. Tenho certeza de que você sonha alto.

Tentação 6: dormir demais

Algo que também atrapalha muito o concurseiro é dormir demais. Acredite: alguns insistem em dormir nove, dez, onze horas por dia. Para não ser um deles, disponha de um despertador dos bons. Você deve dormir bem, é claro, porque é durante o sono que o cérebro armazena as informações importantes na memória de longo prazo. Mas saiba que dormir mais do que o necessário é perda de (muito) tempo.

Tentação 7: celular

O celular é um grande inimigo da concentração e, por conseguinte, do estudante sério. Esqueça que ele existe pelo menos durante as horas que você se programou para estudar. Coloque-o em modo avião e resista à tentação de checá-lo a cada minuto como muitos fazem.

Quem é viciado no aparelho celular não consegue se concentrar em nada por um período longo de tempo. Pessoas assim têm grande dificuldade para focar em assuntos mais complexos, e reverter esse quadro é difícil no início, embora, com o tempo, todos se acostumem. Voltamos a dizer que, na vida, é tudo uma questão de escolha: ou você emagrece comendo de maneira adequada e fazendo atividades saudáveis, ou continua comendo comidas gordurosas e doces e ganha alguns quilos a mais; ou você é aprovado depois de fazer alguns sacrifícios, ou continua se dedicando ao “basicão” e fingindo que estuda.

Como você vê, a fórmula para resistir às tentações não é radicalizar em nada. É, sim, fazer quase tudo com temperança. Quando tiver conquistado a sua vaga no serviço público, você poderá recuperar tudo que perdeu. Poderá até ir além e fazer muito mais do que deixou de fazer no período de preparação. E o melhor é que, agora, poderá fazê-lo em condições muito mais agradáveis do que hoje você pode sustentar.

Até o artigo da semana que vem! Nele, com a ajuda de nossos professores, abordaremos dicas de como conciliar o trabalho e o estudo para concurso público.

Bons estudos e GRAN sucesso,

Gabriel Granjeiro

PS: Siga-me (moderamente, é claro) em minha recém-lançada página do Facebook e em meu perfil do Instagram. Lá, postarei pequenos textos de conteúdo motivacional. Serão dicas bem objetivas, mas, ainda assim, capazes de ajudá-lo em sua jornada rumo ao serviço público.

Veja abaixo, mais artigos para ajudar em sua preparação:

O papel da atividade física na preparação para concurso
A ansiedade é sua inimiga. Aprenda a driblá-la.
Deseje, mentalize, receba!
Lições de Forrest Gump para os concurseiros
Atributos para ser bem-sucedido em provas e concursos
Sete coisas que você precisa saber sobre o edital de um concurso


Gabriel Granjeiro – Diretor-Presidente e Fundador do Gran Cursos Online. Vive e respira concursos há quase 10 anos. Formado em Administração e Marketing pela New York University, Leonardo N. Stern School of Business. Fascinado pelo empreendedorismo e pelo ensino a distância.

Gabriel Granjeiro
Gabriel Granjeiro
Diretor-Presidente e Fundador do Gran Cursos Online
62 Comentários

62 Comentários

  1. Carlos Augusto

    03/04/2017 15:50em15:50

    Maravilhaaaa !. Sempre com os melhores artigos.

    • Jacqueline Pimentel Oenning

      05/04/2017 16:37em16:37

      Boas dicas.

      Força nos estudos.
      Obrigada

      • Gabriel Granjeiro

        19/06/2017 14:00em14:00

        Prezada Jacqueline,

        Estamos juntos rumo à aprovação. Conte sempre conosco!

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:22em18:22

      Prezado Carlos,

      Muito obrigado. Sucesso em sua jornada!

    • Gabriel Granjeiro

      19/06/2017 13:59em13:59

      Prezado Carlos Augusto,

      Obrigado. Sucesso em sua jornada!

  2. cleinilda

    03/04/2017 17:16em17:16

    Amo estudar mas no momento estou com dificuldades psicológicas minha linha de pensamento ta com vírus excessivos p driblar as 7 tentações mas se perseverar chegarei lá

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:27em18:27

      Prezada Cleinilda,

      A saúde mental é muito importante para a conquista da aprovação. Tenho alguns artigos aqui no blog que poderão te ajudar.

      Não desista do seu objetivo e conte sempre conosco!

  3. Renato Nunes Pires Nato

    03/04/2017 17:24em17:24

    Excelente artigo!

  4. Emiltn Costa

    03/04/2017 17:25em17:25

    concurso

  5. Aciara

    03/04/2017 17:30em17:30

    Tenho muita dificuldade de separar meus estudos, na verdade é porque eu faço faculdade, trabalho e estudo pro concurso nas horas vagas e pra faculdade, então como tenho semana de provas, eu não consigo estudar pro concurso e estudar pras provas, é difícil conciliar os dois, então quando tenho semana de provas, eu não estudo. Creio que isso não seja bom pro concurso né, gostaria de saber o que faço em relação a isso?! Qual a melhor maneira, e se o que estou fazendo é ruim, já que no post você mencionou que ficar mais de 3 dias sem estudar atrapalha.

    • Rose Cardoso

      05/04/2017 01:19em01:19

      Ola Aciara!! tinha o mesmo problema que o seu: trabalho, faculdade, concurso etc. Tetei racionalizar o máximo possível meu tempo, mas ele é limitado e infelizmente não dá para fazer tudo, pelo menos não de uma única vez. Então resolvi estabelecer prioridades e vi que , NO MEU CASO, a prioridade é concurso público. Acabei Trancando minha faculdade ( até passar no concurso dos meus sonhos) depois irei retomar.O que você deve fazer é estabelecer prioridades na sua vida, não é desistir dos seus objetivos.

    • Gabriel Granjeiro

      19/06/2017 14:03em14:03

      Olá Aciara,

      Conciliar os estudos para concurso e o trabalho (sem falar da faculdade), é realmente um grande desafio. Uma das melhores soluções para otimizar o seu tempo é elaborar um cronograma de estudos.

      Meu amigo, Wellington Antunes, escreveu um excelente artigo sobre como utilizamos o nosso tempo. Indico a leitura. O link está abaixo:

      https://blog.grancursosonline.com.br/voce-usa-adequadamente-o-seu-tempo/

      Sucesso em sua trajetória!

  6. Falini

    03/04/2017 17:36em17:36

    Por que vocês não disponibilizam do serviço de coaching para os alunos?

  7. Lucas

    03/04/2017 17:54em17:54

    O Importante não é quantidade de horas diárias que é estudada, e sim a qualidade dos estudos, tem algumas pessoas que tem o dia inteiro livre estudam 5 horas por dia e conseguiram se classificar, tem outras que estudam 8 horas diariamente e não se classificaram.

    Eu sou concurseiro e tenho meu método de estudo, quando eu estou de ferias
    Antes do almoço infelizmente eu não funciono, trabalho na organização da casa

    13 às 17 – faço o esquema 2 x 2 duas matérias em duas horas
    17 às 19 – faço um intervalo para o café pro meu banho, dou uma caminhada
    19 às 23 – 2 materias em 2 horas (evito estudar Português e Matemática, pois requerem mais raciocínio e eu já estou mais desgastado)
    23 às 0 simulados/exercícios de matérias estudadas durante o dia

    Fins-de-semana – Não estudo nada só faço apenas simulados vejo vídeo aulas de como detonar com as principais bancas de concurso como a Cespe, Carlos Chagas, FGV

    • Rai

      03/04/2017 19:52em19:52

      Sensacional…requer muita disciplina…parabéns!

    • Thiago Paulini

      22/04/2017 08:21em08:21

      Ótimo esquema de estudos, Lucas.
      Parabéns!

  8. josue de oliveira

    03/04/2017 18:34em18:34

    gostei da ideia , excelente assunto

  9. Val Haranda

    03/04/2017 20:56em20:56

    Amo esses seus artigos prof.
    Parabéns, pois tem me ajudado muito.
    Grata, por esses materiais que você disponibiliza aqui.

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:31em18:31

      Prezada Val,

      Muito obrigado. Fico feliz em saber que meus artigos estão sendo úteis para sua preparação.

      Sucesso em sua jornada!

  10. Val Haranda

    03/04/2017 20:57em20:57

    Amo esses seus artigos .

  11. Fernanda Martins

    03/04/2017 22:38em22:38

    Recentemente havia me inscrito num concurso.Iniciei os estudos de forma centrada e com foco,mas acabei sucumbindo nas emoções pessoais..
    Resultado…não alcancei mas aprendi a não deixar que tais me ofuscassem meus objetivos.

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:35em18:35

      Prezada Fernanda,

      Cuidar da saúde física e mental também é muito importante para a aprovação.
      Continue com o foco nos estudos, mas sem descuidar da sua saúde.

      Conte sempre conosco!

  12. Carol Lobato

    03/04/2017 23:11em23:11

    Artigo muito verdadeiro,com orientações sábias que nos alertam no dia a dia enquanto indivíduo concurseiro.
    Obrigada pelos textos!!!!

  13. Rosangela

    04/04/2017 08:40em08:40

    Excelente artigo como todos os q vc escreve Gabriel.
    Todos, acredito, sempre abordam algo específico para cada concurseiro.
    Este, por exemplo, me pegou diretamente neste ponto:

    […ou você é aprovado depois de fazer alguns sacrifícios, ou continua se dedicando ao “basicão” e fingindo que estuda.]

    Na realidade estou com dificuldade de conciliar meu trabalho com os estudos.O principal fator é o cansaço mental e o sono.

    Seus artigos Gabriel, são incentivadores e docilmente saboreados por mim.

    Obrigada! Obrigada! Obrigada!

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:37em18:37

      Prezada Rosangela,

      Muito obrigado. Fico muito feliz em saber que meus artigos estão sendo proveitosos para a sua preparação.

      Sucesso em sua jornada!

  14. Maria carmen de Lima Sousa

    04/04/2017 11:33em11:33

    Amém grande ideia parabéns

  15. Beth Quadros

    04/04/2017 18:39em18:39

    Excelente artigo, o difícil é driblar todos esses, rs. Nada que não seja impossível!

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:41em18:41

      Prezada Beth,

      Com foco e determinação você consegue vencer todas às tentações que foram listadas em meu artigo.

      Sucesso em sua jornada!

  16. Ana Paula de Moura Stefanon

    04/04/2017 21:52em21:52

    Obrigada pelas dicas!!!!

  17. Rosiane

    06/04/2017 11:27em11:27

    Sensacional essas dicas. Cada artigo sempre bem mais motivador que os outros. É muito difícil,mas não impossível, tentar conciliar tudo que está em nossa volta: família, amigos, trabalho, faculdade, etc. Mas como grandes construidores de sonhos persistimos e buscamos concretiza-los. Sucesso para todos!!!

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:44em18:44

      Prezada Rosiane,

      Com foco no seu objetivo, determinação e persistência tenho certeza que você irá chegar lá.

      Conte sempre conosco!

  18. Lucimar Valois

    06/04/2017 22:20em22:20

    Obrigada!

  19. andrea

    08/04/2017 10:51em10:51

    rs quando li serie rsrs , me vi no quadro descrito …..vou me policiar mais nesse ponto
    valeu por nos fazer atentar a pequenas armadilhas que nem percebemos que sao

    • Gabriel Granjeiro

      11/04/2017 18:47em18:47

      Prezada Andrea,

      Muito obrigado. Fico feliz em saber que conseguiu perceber que as séries estão roubando precioso tempo dos seus estudos.

      Conte sempre conosco!

  20. Christiann

    10/04/2017 17:53em17:53

    Muito bom o contexto do artigo…serve de alerta para todos nós!

  21. Vera Padua

    11/04/2017 08:26em08:26

    Bom artigo. Ainda nao sei exatamente como planejar meu tempo de estudo.A cada artigo que leio percebo que preciso de ajuda. Mas chegarei la, sempre corrigindo erros e aprendendo com os mestres.

  22. ANDRÉ

    13/04/2017 02:02em02:02

    24 horas kkkkkkkkkk

  23. Daniel

    17/04/2017 03:00em03:00

    Confesso q não consigo abrir mão de séries, é praticamente meu único divertimento. Funciona como uma recompensa, se eu cumpri o q programei assisto a um episódio. Mas, claro, uma série por vez! rs

  24. cristiane

    19/04/2017 15:44em15:44

    Excelente artigo! A temperança é o segredo, tudo em excesso faz mal.

  25. Thiago Paulini

    22/04/2017 08:30em08:30

    Gostei de todas as dicas do texto.
    E algo que pode passar despercebido é a qualidade do sono.
    Realmente, é nessa hora que as informações mais importantes são armazenadas no córtex cerebral.

    Comecei a estudar a sério para concursos a partir de 2015.
    Num concurso que fiz no mesmo ano, fiquei na posição 575 dentre mais de 33 mil candidatos.

    Em 2016, fiz outro concurso cujas matérias eram afins ao concurso de 2015 e melhorei minha classificação para 295. Ou seja, estou evoluindo.

    Uma estratégia que havia deixado de fazer após ter entrado na faculdade e que voltei a realizar a partir de 2013 foi de: ao assistir a uma aula, estudá-la no mesmo dia em que foi assistida.

    Após começar a estudar assim, senti que melhorei muito!
    Então, acredito que uma boa estratégia de estudos seja:

    Assistir a aula;
    Estudá-la (fazer resumos, exercícios) no mesmo dia em que a assistiu e
    Ter uma boa noite de sono.

    Esses três passos simples de deixarão a cada dia mais próximo da nomeação.
    A cada dia você subirá um degrau na escada da inteligência e com o passar do tempo, estará cada vez mais preparado.

    Boa sorte, pessoal!

  26. mara

    31/05/2017 16:25em16:25

    Dicas preciosas! Suas postagens também são viciantes, viu!!Confesso que não consigo acessar meu curso sem antes lê-las. Será que acabo de descobrir a 8 tentação?? Mas essa é do bem, né?! Parabéns!!

  27. Núbia Alves Monteiro

    20/06/2017 21:13em21:13

    Gabriel, boa noite! Seus artigos são sempre bem vindos e de grande importância para nosso preparo como concurseiros. Gosto muito de lê artigos de quem já passou pela experiência que estou tendo a de estudar para concursos.

  28. Adriano Leite

    25/08/2017 09:44em09:44

    Gran cursos, quero por esse meio, parabenizá-los pela qualidade de profissionais qualificados que forma esta empresa de grande referencia, minha satisfação é total. As dicas do Gabriel Granjeiro contribui para aqueles que entendem a mensagem e aceita como forma de correção já que os erros são frequente no cotidiano social.

  29. Solange

    14/10/2017 09:04em09:04

    Excelentes dicas e reflexões! Parabéns pelo trabalho de qualidade!

  30. MOZART OLIVEIRA BRAGA

    17/10/2017 16:35em16:35

    Ótimo artigo , eu era totalmente viciado em esportes (sou ainda ,mas me afastei para estudar ) ,em pouco tempo de estudo tive duas aprovaçoes ,as vezes temos que focar mais na tarefa e abdicar para atingir objetivos.

  31. Christianne

    02/12/2017 17:42em17:42

    Caramba!!! O difícil é vc ter que conciliar trabalho, família, digo filhos, afazeres domésticos e ainda trilhar os caminhos dos estudos para concurso público!!! Estudar sem se desviar dos objetivos: esse deve ser o caminho. Valeu pelo artigo.

  32. Rgi.bio

    09/01/2018 15:15em15:15

    Muito obrigada! 2018 com foco!

  33. valmira silva

    20/01/2018 21:13em21:13

    obrigado pelo incentivo,estou fazendo o possivel para continuar com minha jornada de estudos.Essa semana infelizmente fiquei 3 dias sem estudar,porque perdi um familiar,estou retornando aos poucos nos meus intervalos,estudo e trabalho.va

  34. luana

    24/03/2018 17:20em17:20

    Perfeito!Gabriel,seu textos nos fazem repensar muito as nossas atitudes.
    Que Deus contunuei te iluminando!!

  35. Claudia Patricia

    29/03/2018 11:53em11:53

    Obrigada Gabriel, suas dicas são valiosas, abraço

  36. Daniel Tavares

    15/05/2018 23:00em23:00

    “A perca de tempo leva a morte dos sonhos…” “Saibamos administrar bem os nossos dias de forma que alcancemos corações sábios…”

  37. Ari Junior

    31/05/2018 12:40em12:40

    Procrastinação era uma constante mas já estou superando através da motivação e ajuda de alguns amigos, mesmo com trabalho e faculdade já estou conseguindo desenvolver algumas horas de estudos e desenvolvendo um bom ritmo de estudos pois não estudava há um bom tempo.

  38. Luciane Maximiano

    06/07/2018 17:55em17:55

    Obrigada pelas palavras de ânimo…
    Minha dificuldade maior é tentar me concentrar nas aulas.

  39. Andressa

    18/09/2018 15:45em15:45

    Obrigado Gabriel, por mais esse artigo maravilhoso, minha maior dificuldade é com redes sociais, vou me policiar nessa parte.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para o Topo