Concurso PCDF: O que estudar em Conhecimentos sobre o DF?

Concurso PCDF oferta 2.100 vagas para Agente e Escrivão de Polícia

Avatar


20/07/2021 | 11:38 Atualizado há 61 dias

O edital de concurso da Polícia Civil do Distrito Federal (concurso PCDF) foi publicado em 2020 ofertando 600 vagas imediatas e 1.200 para formação de cadastro de reserva para o cargo de Agente de Polícia.

O certame está sob a responsabilidade do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção – Cebraspe, e as provas objetivas estão marcadas para o dia 22 de agosto de 2021.

Para auxiliar os nossos alunos a se preparem para cada disciplina que será cobrada no concurso PCDF, conversamos com os nossos mestres. Confira nesta matéria a análise que a professora de Conhecimentos sobre o Distrito Federal, Rebecca Guimarães, fez sobre a disciplina.

Destaques:

Concurso PCDF: como se prepara para a disciplina de Conhecimentos sobre o Distrito Federal?

No que diz respeito à disciplina de Conhecimentos do DF temos primeiramente que destacar que a cobrança dessa disciplina é extremamente recente. Ao contrário de disciplinas como Português e Direito Constitucional, a disciplina de Conhecimentos do DF começou a ser obrigatória em concursos do Distrito Federal a partir de 2017.

Isso porque em janeiro de 2017, a Lei 5.768/2016, que altera a Lei nº 4.949/2012, chamada lei dos concursos, que estabelece normas gerais para realização de concurso público pela administração direta, autárquica e fundacional do Distrito Federal, determinou a obrigatoriedade de cobrança dessa disciplina.

Claro que, no período anterior a 2017 tivemos provas como a da Câmara Legislativa (CLDF – 2005) e prova da Polícia Militar (PMDF – 2001) que também trouxeram itens sobre Conhecimentos do DF. Esses itens também entraram nas nossas estatísticas!

Portanto, não temos muitas questões para analisarmos, como outras disciplinas. Mas, certamente a análise das últimas provas nos dará um norte sobre uma tendência dentro de 8 aspectos que as questões são divididas:

Aspectos:

  1. Étnicos
  2. Históricos
  3. Geográficos
  4. Sociais
  5. Políticos
  6. Culturais
  7. Econômico e
  8. A própria RIDE/DF.

Dentro do conteúdo programático da disciplina de Conhesimentos sobre o Distrito Federal, o que é mais importante?

Dos 37 itens de Conhecimentos sobre o DF que foram cobrados nas últimas provas:

Concurso PCDF: conhecimentos sobre o Distrito Federal

  • Sociais (socioeconômicos) 30%
  • Econômicos 20%
  • RIDE 22%
  • Políticos 12%
  • Étnicos 5.5%
  • Históricos 5.5%
  • Geográficos 3%
  • Culturais 2%

Veja que o que os aspectos socioeconômicos são os mais cobrados pelo Cespe. Principalmente pelo fato de o Distrito Federal ser a unidade da federação que registra o mais alto índice de Gini (coeficiente que calcula a concentração de renda, a desigualdade) de uma determinada sociedade. O arranjo metropolitano e as características da sociedade, como por exemplo, gênero, renda, cor da pele, faixa etária e crescimento populacional também aparecem frequentemente entre os itens cobrados.

O que é mais cobrado dentro dos aspectos:

a) Étnicos:

  • estar atento a presença indígena na região, antes mesmo da chegada dos primeiros assentamentos de origem portuguesa (exploração aurífera).
  • Ter em mente que a região Nordeste e o estado de Goiás foram os principais emissores de trabalhadores/operários (candangos) para a construção de Brasília.
  • Que a maior parte da população do DF se declara parda.

 

b) Principais momentos históricos:

1750 = Marquês de Pombal propõe a transferência da Capital para a região amazônica.

1750 = Francisco Tossi Colombina propõe a transferência da Capital para Goiás.

1789 = O desejo de situar a capital no interior do território brasileiro é antigo, remontando ao período colonial. A ideia foi defendida pelos inconfidentes mineiros.

1823 = José Bonifácio de Andrada e Silva propõe a transferência da Capital Federal para Paracatu (MG).

1877 = Francisco Adolfo de Varnhagen, um dos precursores da ideia de interiorização da capital do Brasil, defendeu, em 1877, que uma nova cidade fosse construída na região em que se situam as lagoas Feia, Formosa e Mestre D’Armas.

1883 = O sonho de Dom Bosco. “Entre os paralelos 15º e 20º havia um leito muito extenso, que partia de um ponto onde se formava um lago. Então, uma voz disse repetidamente. Quando escavarem as minas escondidas no meio destes montes, aparecerá aqui a grande civilização, a terra prometida, onde jorrará leite e mel. Será uma riqueza inconcebível…”

1891 = Com o advento da República o debate ressurgiu. A construção da Capital Federal ficou consolidada no artigo 3° da Constituição da República de 1891, que estabelece: Fica pertencente União, no Planalto Central, uma zona de 14.000 km², que ser· oportunamente demarcada, para nela estabelecer-se a futura Capital Federal.

1922 = A pedra fundamental de Brasília foi lançada em Planaltina (GO), em 1922, ao meio-dia, na comemoração do centenário da Independência. Epitácio Pessoa era o presidente do Brasil.

1953 = O Marechal José Pessôa Cavalcanti de Albuquerque presidiu a Comissão de Localização da Nova Capital do Brasil.

1955 = Em um comício em Jataí (GO), o candidato à presidência da república, Juscelino Kubitscheck, se compromete a construir uma nova capital, em Goiás.

1960 = Inauguração de Brasília.

c) Geográficos

  • Clima: tropical de altitude ou tropical semiúmido (As)
  • Vegetação: cerrado
  • Altitude média: 1.100m
  • Ponto mais alto: Pico do Rodeador (ou Roncador), localizado na Serra do Sobradinho, em Brazlândia, com 1341m.
  • Principais bacias hidrográficas: Descoberto, São Bartolomeu, Preto, Corumbá, Lago Paranoá, Maranhão e São Marcos.

Fique atento!

A área geográfica do atual DF contempla, do ponto de vista hidrográfico, um tripartite divisor: os rios Maranhão, que se dirige para a bacia amazônica; São Bartolomeu, direcionado para o Prata; e Preto, que corre para o São Francisco.

d) Social

Muita atenção! Esse é o conteúdo que mais cai, ou seja, as características sociais do espaço e da população.

O espaço é polinucleado, ou seja, tem um núcleo central, que é o Plano Piloto, e outros núcleos urbanos. Com o crescimento acelerado da população e a especulação imobiliária, nas últimas décadas, Brasília assiste a um cresce em torno de múltiplos núcleos urbanos, que tendem a se unir numa área metropolitana. Não disse Região Metropolitana, pois esta é formada por municípios de uma mesma unidade da federação.

Brasília é a terceira cidade mais rica e populosa do Brasil.

A maioria da população é adulta, feminina e se declara parda.

e) Político

O Distrito Federal distinguem-se das demais unidades da federação em alguns pontos particulares, conforme definido na Constituição do Brasil de 1988:

  • O Distrito Federal rege-se por lei orgânica, típica de municípios;
  • O Poder Legislativo do Distrito Federal é exercido pela câmara legislativa, com 24 deputados distritais eleitos; sendo que o chefe do Poder Executivo é o governador.

O Distrito Federal é sui generis (caráter híbrido), pois não é nem um estado nem um município, mas sim um ente especial que acumula as competências legislativas reservadas aos dois.

f) Cultural

A cidade é considerada um museu a céu aberto. Existem diversas obras que são consideradas patrimônios.

Seus grandes artistas são:

Oscar Niemeyer: 1. Palácio da Alvorada (Conjunto Arquitetônico, incluindo Capela e demais edificações); 2. Capela Nossa Senhora de Fátima; 3. Congresso Nacional e anexo; 4. Museu da Fundação de Brasília; 5. Palácio do Planalto; 6. Supremo Tribunal Federal; 7. Casa de Chá; 8. Pombal; 9. Espaço Lucio Costa; 10. Ministérios e anexos; 11. Palácio da Justiça; 12. Palácio do Itamaraty e anexos; 13. Panteão da Liberdade e da Democracia Tancredo Neves; 14. Teatro Nacional Cláudio Santoro; 15. Quartel General do Exército; 16. Residência do Vice-Presidente da República (Palácio do Jaburu); 17. Memorial JK; 18. Memorial dos Povos Indígenas; 19. Conjunto Cultural da Funarte; 20. Espaço Oscar Niemeyer; 21. Conjunto Cultural Sul (Museu e Biblioteca, incluindo os espaços entre os prédios); 22. Prédio do Touring Club do Brasil.

Burle Marx: 1. Praça dos Cristais (Setor Militar Urbano); 2. Praça das Fontes (Parque da Cidade); 3. jardins externos e internos do Itamaraty; 4. jardim externo do Palácio da Justiça; 5. jardim externo do Palácio do Jaburu; 6. projeto de paisagismo da 308 Sul; 7. jardins do Teatro Nacional; 8. jardins do Tribunal de Contas da União.

Athos Bulcão: 1. painel da Igrejinha da SQS 307/308; 2. painel do Palácio do Itamaraty ; 3. painel do Salão Verde Congresso Nacional; 4. painel na sala de cinema do Palácio Jaburu; 5. Memorial JK ; 6. detalhe do painel que reveste o exterior do Teatro Nacional; 7. relevo em madeira e laminado no Cine Brasília, entre outros.

Bruno Giorgi: 1. Escultura dos “Os guerreiros”, na praça dos Três Poderes; 2. o “Meteoro” no espelho d’água do Itamaraty.

Alfredo Ceschiatti: 1. escultura “A Justiça” na Praça dos Três Poderes; 2. escultura “Contorcionista”, no Teatro Nacional.

Mariane Peretti – escultura “O pássaro”, no foyer da Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional. 2. Vitrais da catedral metropolitana de Brasília.

Lembre-se que a UNESCO, em 1987, inscreveu o Plano Piloto de Brasília em sua lista de Patrimônio Cultural da Humanidade.

E, o IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) tomou o Plano piloto de Brasília em 1990.

g) Econômico

Setor Primário: 0,6

Setor Secundário: 5,4; e

Setor Terciário: 94,6.

Não se deixe enganar! Apesar de pequena a participação da agropecuária, o setor primário é desenvolvido e tem grande produtividade.

Os destaques são: soja, milho, feijão, trigo e cana de açúcar.

As regiões administrativas de Planaltina, Paranoá, São Sebastião e Brazlândia apresentam as maiores participações com o setor secundário.

Já, o setor secundário se concentra na região administrativa de Santa Maria (Pólo JK) nas margens da BR 040.

O principal segmento das indústrias do DF é a construção civil.

Destaque para a região administrativa da Fercal que é grande produtora de cimento.

O grande destaque da economia do Distrito Federal é o setor terciário, onde se concentram atividades do comércio e prestação de serviços.

A RIDE

A Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (RIDE) é uma região integrada de desenvolvimento econômico, criada pela Lei Complementar nº 94, de 19 de fevereiro de 1998 e regulamentada pelo Decreto nº 2.710, de 4 de agosto de 1998, alterado pelos Decreto nº 3.445, de 4 de maio de 2000 e Decreto nº 4.700, de 20 de maio de 2003. O Decreto nº 7.469, de 5 de maio de 2011 revogou os anteriores e deu novas interpretações legais à RIDE do Distrito Federal e Entorno.

A Lei Complementar nº 163, de 14 de junho de 2018, incluiu mais 12 municípios na RIDE DF.

É constituída pelo Distrito Federal, e pelos municípios de Abadiânia, Água Fria de Goiás, Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Alto Paraíso de Goiás, Alvorada do Norte, Barro Alto, Cabeceiras, Cavalcante, Cidade Ocidental, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Cristalina, Flores de Goiás, Formosa, Goianésia, Luziânia, Mimoso de Goiás, Niquelândia, Novo Gama, Padre Bernardo, Pirenópolis, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto, São João d’Aliança, Simolândia, Valparaíso de Goiás, Vila Boa e Vila Propício, no Estado de Goiás, e de Arinos, Buritis, Cabeceira Grande e Unaí, no Estado de Minas Gerais.

A RIDE tem como objetivo articular e harmonizar as ações administrativas da União, dos Estados e dos municípios para a promoção de projetos que visem à dinamização econômica e provisão de infraestruturas necessárias ao desenvolvimento em escala regional.

Saiba mais sobre o concurso PCDF acessando AQUI

Resumo do concurso PCDF Agente

Concurso PCDF Polícia Civil do Distrito Federal
Banca organizadora Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos – CEBRASPE
Cargos Agente de Polícia
Escolaridade nível superior
Carreiras Policiais
Lotação Brasília DF
Número de vagas 1.800 vagas
Remuneração
  • R$ 8.698,78 (conforme o edital)
  • de R$ 9.394,68 a R$ 14.851,63
Inscrições de 18/08/2020 a 08/09/2020
Taxa de inscrição R$ 196,00
Data da prova objetiva 22/08/2021
Link do edital clique AQUI para fazer download do edital  PCDF  Agente

 


Quer ficar por dentro dos concursos públicos abertos e previstos pelo Brasil?
Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2021

Receba gratuitamente no seu celular as principais notícias do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

TELEGRAM

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
1

0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *