Concurso PM PA: resultado final e homologação

Concurso PM PA: Edital ofertou vagas para os cargos de Soldado e Oficial. Inicial de até R$ 4,9 mil.

Avatar


10/05/2022 | 13:19 Atualizado há 23 dias

O concurso PM PA está com o resultado final homologado. A Polícia Militar do Estado do Pará teve o seu edital publicado em novembro de 2020 com a oferta de 2.405 vagas para os cargos de Soldado e Oficial. A remuneração inicial do concurso PM PA variou entre R$ 3.995,42 e R$ 4.989,67.

A Polícia militar do Estado do Pará publicou, no dia 14 de janeiro de 2022, a homologação referente à habilitação dos candidatos aprovados e classificados dentro do limite de vagas ofertadas.

O resultado final já está dispoível para a consulta. A seleção seguirá válida por 2 anos, ou seja, até dezembro de 2023. O prazo poderá ser prorrogado por igual período.

Navegue pela matéria concurso PM PA utilizando o índice abaixo:

Destaques:

 

Concurso PM PA: Análise do Edital

Os professores Fernando Mesquita e Érico Palazzo analisaram o edital PM PA e explicam tudo que você precisa saber para conquistar a aprovação. Confira no link abaixo:

 

Concurso PM PA: Situação Atual

 

Volte ao topo

 

Concurso PM PA: Remuneração e Benefícios

O concurso PM PA vai ofertar, durante a realização do CFP, remuneração no valor de R$ 848,16, além do auxílio alimentação no valor mensal de R$ 942,03 ao Aluno Soldado. Após a conclusão do CFP/PM, já na condição de Soldado PM, passará a receber a remuneração de R$ 3.053,39, além do auxílio alimentação no valor mensal de R$ 942,03, totalizando um salário de R$ 3.995,42.

Já os Alunos Oficiais receberão remuneração no valor de R$ 3.896,98, além do auxílio alimentação no valor mensal de R$ 732,69, durante o CFO. Após a conclusão do curso, já na condição de Aspirante-a-Oficial PM, passará a receber a remuneração de R$ 4.256,98, além do auxílio alimentação no valor mensal de R$ 732,69, totalizando um salário de R$ 4.989,67.

Sancionada em abril deste ano, a Lei 9.038/2020 reajustou o valor do soldo dos Oficiais, Praças e Praças Especiais em atividade na Polícia Militar do Estado do Pará. Segundo o texto, o valor da remuneração foi reajustado em 4,5%. Quer saber todos os detalhes sobre os valores dos benefícios pagos pela corporação aos Soldados e Oficiais? Clique aqui e confira.

Veja os detalhes remuneratórios na tabela abaixo:

Praças e Praças Especiais

CÍRCULO GRAU HIERÁRQUICO REMUNERAÇÃO TOTAL
PRAÇAS Soldado 3.053,39
Cabo 3.291,06
Terceiro-Sargento 3.616,36
Segundo-Sargento 3.749,68
Primeiro Sargento 3.961,41
Subtenente 4.256,98
PRAÇAS ESPECIAIS Aluno-Soldado 848,16
Aluno-Sargento 848,16
Aluno-Oficial 3.896,98
Aspirante a Oficial 4.256,98

 

Oficiais

CÍRCULO GRAU HIERÁRQUICO REMUNERAÇÃO TOTAL
Oficiais Segundo-Tenente 8.507,76
Primeiro-Tenente 9.868,12
Capitão 10.651,92
Major 11.822,90
Tenente Coronel 15.615,08
Coronel 17.232,90

 

Gratificações

Os candidatos aprovados no concurso PM PA vão receber as seguintes gratificações:

I – Gratificação de Tempo de Serviço;
II – Gratificação de Habilitação Militar;
III – Gratificação de Serviço Ativo;
IV – Gratificação de Localidade Especial;
V – Gratificação de Risco de Vida;
VI – Gratificação de Representação por Graduação; e
VII – Gratificação de Tropa.

Concurso PM PA: Inscrições

As inscrições aconteceram do dia 30 de novembro ao dia 14 de janeiro. A taxa de inscrição foi de:

  • R$ 76,00 para o cargo de soldado
  • R$ 88,00 para o cargo de oficial.

Houve isenção ao pagamento da taxa de inscrição no seguinte caso:

a) O candidato que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e for membro de família de baixa renda, nos termos do Decreto Federal no. 6.135/2007.

O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado até o dia 15 de janeiro de 2021. O pagamento após a data de vencimento implica o cancelamento da inscrição. Quer saber o que será preciso informar no ato da inscrição? Confira os detalhes clicando aqui.

É no ato da inscrição que os candidatos com necessidades especiais devem solicitar o atendimento especial. O candidato que necessitar deste tipo de atendimento para a realização das provas deverá indicar a sua opção no formulário eletrônico de inscrição e protocolar na CAC-IADES, impreterivelmente até o dia 11 de janeiro de 2021, requerimento indicando os recursos especiais necessários e laudo médico, original ou em cópia simples, que justifique o atendimento especial solicitado, se for o caso. Após esse período, a solicitação será indeferida, salvo nos casos de força maior.

O candidato que, por convicção religiosa, necessitou realizar a prova da 1ª Etapa – Prova de Conhecimentos após horário impeditivo precisou protocolar requerimento indicando a sua condição, solicitando o atendimento especial. Nesse caso, foi reservada sala especial para aguardar o término do horário impeditivo.

Preparamos uma lista com 10 motivos para fazer o concurso PM PA. Confira os detalhes clicando aqui.

 

Concurso PM PA: Cargos e Vagas

O concurso PM PA ofertou 2.405 vagas, sendo:

  • 2.310 vagas para Soldado, sendo:

2.079 para homens e 231 para mulheres

  • 95 vagas para Oficial, sendo:

85 para homens e 10 para mulheres

Requisitos

Segundo o edital PM PA, para o cargo de Soldado foi necessário:

a) ser brasileiro;
b) ter idade compreendida entre 18 (dezoito) e 30 (trinta) anos;
c) provar o cumprimento das obrigações eleitorais e militares;
d) estar em pleno exercício dos direitos políticos;
e) gozar de saúde física e mental;
f) não haver sido condenado criminalmente por sentença judicial transitada em julgado, ou sofrido sanção administrativa impeditiva do exercício de cargo público;
g) ter altura mínima de 1,60 m (um metro e sessenta centímetros), se homem, e de 1,55 m (um metro e cinquenta e cinco centímetros), se mulher;
h) ter reputação ilibada na vida pública e privada e comportamento social compatível com o exercício do cargo policial militar;
i) ter sido licenciado da organização militar a que serviu, no mínimo, no comportamento bom, se for o caso;
j) declarar concordância com todos os termos do edital;
k) ser habilitado para conduzir veículo automotor, possuidor da Carteira Nacional de Habilitação – Categoria tipo “B”

 

Segundo o edital PM PA, para os Oficiais foi  necessário:

a) ser brasileiro;
b) ter idade compreendida entre 18 (dezoito) e 30 (trinta) anos;
c) apresentar diploma de Curso de Bacharel em Direito, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação;
d) provar o cumprimento das obrigações eleitorais e militares;
e) estar em pleno exercício dos direitos políticos;
f) gozar de saúde física e mental;
g) não haver sido condenado criminalmente por sentença judicial transitada em julgado, ou sofrido sanção administrativa impeditiva do exercício de cargo público;
h) ter altura mínima de 1,60 m (um metro e sessenta centímetros), se homem, e de 1,55 m (um metro e cinquenta e cinco centímetros), se mulher;
i) ter reputação ilibada na vida pública e privada e comportamento social compatível com o exercício do cargo policial militar;
j) ter sido licenciado da organização militar a que serviu, no mínimo, no comportamento bom, se for o caso;
k) ser habilitado para conduzir veículo automotor, possuidor da Carteira Nacional de Habilitação – Categoria tipo “B”; e
l) declarar concordância com todos os termos do edital.

 

Atribuições

Segundo a Lei Complementar 53/2066, dentre as principais competências da Polícia Militar paraense figuram:

I – planejar, organizar, dirigir, supervisionar, coordenar, controlar e executar as ações de polícia ostensiva e de preservação da ordem pública, que devem ser desenvolvidas prioritariamente para assegurar a incolumidade das pessoas e do patrimônio, o cumprimento da lei e o exercício dos poderes constituídos;
II – executar, com exclusividade, ressalvadas as missões peculiares às Forças Armadas, o policiamento ostensivo fardado para prevenção e repressão dos ilícitos penais e infrações definidas em lei, bem como as ações necessárias ao pronto restabelecimento da ordem pública;
III – atender à convocação do governo federal em caso de guerra externa ou para prevenir ou reprimir grave subversão da ordem ou ameaça de sua irrupção, subordinando-se ao Comando do Exército no Estado do Pará, em suas atribuições específicas de polícia militar e como participante da defesa territorial, para emprego nesses casos;
IV – atuar de maneira preventiva ou dissuasiva em locais ou áreas específicas em que se presuma ser possível e/ou ocorra perturbação da ordem pública ou pânico;
V – atuar de maneira repressiva em caso de perturbação da ordem, precedendo eventual emprego das Forças Armadas.

 

Critérios para Promoção

Lei 8.230/2015 define a promoção como um ato administrativo que tem como finalidade o preenchimento seletivo de vagas pertinentes ao grau hierárquico superior. Na PM PA ela se dá seguindo os seguintes critérios:

1. Antiguidade
2. Merecimento
3. Bravura
4. Tempo de Serviço
5. “Post Mortem”

Volte ao topo

Concurso PM PA: Etapas

Os candidatos do concurso PM PA foram avaliados por meio das seguintes etapas:

  • 1ª Etapa – Prova de Conhecimentos, constituída de questões objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, para todos os candidatos e redação apenas para o cargo de Oficial.
  • 2ª Etapa – Avaliação Psicológica, de caráter eliminatório.
  • 3ª Etapa – Avaliação de Saúde, de caráter eliminatório.
  • 4ª Etapa – Teste de Avaliação Física, de caráter eliminatório.
  • 5ª Etapa – Investigação de Antecedentes Pessoais, de caráter eliminatório.

 

Prova de Conhecimentos

Soldado

A prova objetiva do concurso PM PA teve a duração de quatro horas e será aplicada na data provável de:

a) 7 de março de 2021 para as candidatas (sexo feminino); e
b) 06 de junho de 2021 para os candidatos (sexo masculino).

A Prova de Conhecimentos, de caráter eliminatório e classificatório, foi composta de prova objetiva com 60 questões, de múltipla escolha, com cinco alternativas em cada questão, para escolha de uma única resposta correta, com valor igual a um ponto por questão, e pontuação total variando entre o mínimo de 0,00 ponto e o máximo de 60,00 pontos.

A Prova de Conhecimentos foi referente às seguintes disciplinas:

  • 10 questões de Língua Portuguesa;
  • 8 questões de Atualidades;
  • 6 questões de Raciocínio Lógico;
  • 4 questões de Noções de Direito Constitucional;
  • 4 questões de Noções de Direito Administrativo;
  • 4 questões de Noções de Direito Penal;
  • 4 questões de Noções de Direito Processual Penal;
  • 4 questões de Noções de Direito Penal Militar;
  • 4 questões de Noções de Direito Processual Penal Militar;
  • 4 questões de Noções de Legislação Penal Especial;
  • 4 questões de Noções de Direitos Humanos; e
  • 4 questões de Legislação Institucional.

Foram considerados aprovados na prova objetiva os candidatos que obtiverem o mínimo de 50% da pontuação total da prova.

 

 Oficiais

A aplicação das provas objetiva e discursiva teve a duração de 4h30 e foi aplicada, segundo o edital PM PA, na data provável de 28 de fevereiro de 2021.

A Prova de Conhecimentos, de caráter eliminatório e classificatório, será composta de prova objetiva com 60 questões, de múltipla escolha, com cinco alternativas em cada questão, para escolha de uma única resposta correta, com valor igual a um ponto por questão, e pontuação total variando entre o mínimo de 0,00 ponto e o máximo de 60,00 pontos.

O edital PM PA sofreu retificação em 27 de novembro. Após as modificações, a Prova de Conhecimentos teve o seguinte quantitativo de questões:

  • 05 questões de Língua Portuguesa;
  • 02 questões de Direitos Humanos;
  • 06 questões de Legislação Institucional;
  • 05 questões de Direito Constitucional;
  • 05 questões de Direito Administrativo;
  • 03 questões de Direito Civil;
  • 03 questões de Processo Civil;
  • 05 questões de Direito Penal;
  • 05 questões de Direito Processual Penal;
  • 08 questões de Direito Penal Militar;
  • 08 questões de Direito Processual Penal Militar; e
  • 05 questões de Legislação Penal Especial.

A retificação também modificou os critérios para desempate na prova objetiva de Oficiais. A partir da mudança, no caso de igualdade de pontuação na classificação final, teve preferência o candidato com:

a) maior pontuação na prova discursiva;
b) maior quantidade de acertos na soma das questões de Direito Penal
Militar e Direito Processual Penal Militar;
c) maior quantidade de acertos nas questões de Legislação Institucional;
d) maior quantidade de acertos na soma das questões Direito Penal e Direito Processual Penal;
e) maior quantidade de acertos na soma das questões de Direito Constitucional e Direito Administrativo;
f) maior quantidade de acertos na soma das questões de Direito Civil e
Processo Civil;
g) maior quantidade de acertos nas questões de Direitos Humanos;
h) maior quantidade de acertos nas questões de Português;
i) maior quantidade de acertos nas questões de Legislação Penal Especial; e
j) idade mais avançada.

Foram considerados aprovados na prova objetiva os candidatos que obtiverem o mínimo de 50% da pontuação total da prova.

 

Prova Discursiva

A prova discursiva foi aplicada no mesmo dia, turno e dentro dos prazos de duração previstos para a realização da prova objetiva apenas aos candidatos ao cargo de Oficial. A prova teve o objetivo de avaliar, com base nos conhecimentos constantes do conteúdo programático, a capacidade de expressão na modalidade escrita e o uso das normas do registro formal culto da Língua Portuguesa e receberá pontuação máxima igual a 10,00 pontos.

Segundo o edital PM PA foram avaliadas as provas discursivas dos candidatos aprovados na prova objetiva e classificados até as seguintes posições, respeitados os empates da última posição:

a) sexo masculino: candidatos classificados até a 255ª (ducentésima quinta) posição;
b) sexo feminino: candidatas classificadas até a 25ª (vigésima quinta) posição.

Volte ao topo

Avaliação Psicológica

A Avaliação Psicológica foi realizada por psicólogos credenciados no Conselho Regional de Psicologia 10ª Região/CRP10 e habilitados em avaliação psicológica, ficando a Comissão de Oficiais Psicólogos do CIPAS/PMPA, responsável pelo acompanhamento e supervisão desta etapa.

A avaliação psicológica teve como objetivo analisar se as características do candidato estão de acordo com o perfil exigido para frequentar o curso de formação. Dentre as principais qualidades avaliadas estão:

I – Comando e liderança: habilidade para agregar as forças latentes existentes em um grupo, canalizando-as no sentido de trabalharem de modo harmônico e coeso na solução de problemas comuns, visando atingir objetivos predefinidos; facilidade para comandar, conduzir, coordenar e dirigir as ações das pessoas, para que atuem com excelência e motivação;

II – Julgamento e percepção: capacidade de abordar e resolver problemas em situações diversas de forma lógica, dedutiva e analítica;

III – Iniciativa: capacidade de influenciar o curso dos acontecimentos, colocando-se de forma assertiva e proativa diante das necessidades de tarefas ou situações, com disposição para agir ou empreender uma ação;

IV – Produtividade: o processo pelo qual o indivíduo escolhe algumas ou apenas uma entre muitas alternativas para as ações a serem realizadas. A decisão é tomada a partir de probabilidades, possibilidades e/ou alternativas julgadas pertinentes; e

V – Maturidade: consiste num padrão comportamental demonstrado pelo candidato compatível com o estágio de desenvolvimento cronológico, intelectual, emocional e afetivo.

Quer saber todos os detalhes sobre a avaliação psicológica? Clique aqui.

A avaliação psicológica foi realizada mediante o emprego de um conjunto de técnicas e instrumentos científicos validados pelo Conselho Federal de Psicologia – CFP, que propicie um prognóstico a respeito do desempenho do candidato, suas características intelectivas, motivacionais e de personalidade compatíveis com a multiplicidade, periculosidade e sociabilidade inerente às atribuições das diversas funções institucionais da PM PA, além do porte e uso de arma de fogo.

 

Avaliação de Saúde

O Exame de Avaliação de Saúde, de caráter exclusivamente eliminatório, foi realizado por meio de:

a) avaliações antropométrica e médica, que se basearão na análise de exames laboratoriais, de exames de imagens e de laudos médicos apresentados pelos candidatos; e
b) avaliação clínica, referente às suas condições oftalmológica, odontológica e antropométrica.

Retificação publicada em 27 de novembro instituiu diretrizes acerca dos testes toxicológicos. A partir de agora, os testes toxicológicos deverão ser do tipo de “larga janela de detecção”, que acusam uso de substâncias entorpecentes ilícitas causadoras de dependência química ou psíquica de qualquer natureza, devendo apresentar resultados negativos para um período mínimo de 90 dias.

O resultado do exame para detecção do uso de drogas ilícitas ficourestrito à Banca Examinadora, que obdeceu o que prescreve a norma referente à salvaguarda de documentos classificados com sigilo, sob pena de responsabilidades, conforme legislação vigente”.

 

Teste de Aptidão Física

O TAF, de presença obrigatória e de caráter eliminatório, visa avaliar a capacidade mínima do candidato para suportar, física e organicamente, as exigências de atividades físicas próprias da função de Policial Militar, durante o Curso de Formação.

Os testes foram realizados em até duas tentativas, com exceção da corrida, que será realizada em apenas uma tentativa. Caso o candidato não alcance o índice mínimo na primeira tentativa, foi possível realizar uma segunda tentativa com um intervalo mínimo de 5 minutos e máximo de 1 hora entre a primeira e a segunda tentativa, para sua recuperação física. Saiba todos os detalhes sobre o TAF clicando aqui.

Os testes e índices mínimos do teste de avaliação física obdeceram às normas relacionadas a seguir, para ambos os sexos, conforme índices mínimos dos seguintes exercícios físicos:

Exercício Número de repetições (masculino) Número de repetições (feminino)
Flexão/Sustentação de braço na barra fixa horizontal 2 repetições 12 segundos de sustentação
Flexão abdominal sobre o solo com duração de 1 minuto 30 repetições 27 repetições
Flexão de braço no solo 23 repetições em quatro apoios 23 repetições em seis apoios
Corrida com duração de 12 minutos 2.000 metros 1.600 metros

Após a retificação do edital PM PA em 27 de novembro, foi possibilitada a remarcação do teste físico para candidatas gestantes até três dias antes da data e horário estabelecidos em Edital específico de convocação para a prova.

A candidata precisou requerer sua remarcação à Comissão do Concurso, por meio de formulário específico a ser disponibilizado na página de acompanhamento do certame (wwww.iades.com.br), comprovando documentalmente o estado de gravidez e apresentando declaração médica competente de sua inabilitação para os testes em razão do estado gestacional, acompanhada de exames laboratoriais. Veja os detalhes aqui.

 

Investigação de Antecedentes Pessoais

A investigação de antecedentes pessoais, de caráter eliminatório, aconteceu durante o transcurso do concurso, por meio de investigação no âmbito social, funcional, civil e criminal do candidato, a fim de buscar os elementos que demonstrem se o candidato possui idoneidade moral e conduta ilibada, imprescindíveis para o exercício das atribuições inerentes ao cargo a que concorre, devendo ser aplicada pela Polícia Militar do Pará, de acordo com a Resolução 001/EMG/PM2 de 13 de janeiro de 2016.

 

Curso de Formação de Praças (CFP) e Oficiais (CFO)

Praças: Para os aprovados ao cargo de Soldado, o curso de formação teve duração mínima de 6 meses, em regime de tempo integral e dedicação exclusiva. Concluído o CFP/PM, os policiais militares formados na região metropolitana de Belém serão lotados, de acordo com o interesse da Administração Policial Militar, em qualquer município do Estado do Pará. Já os policiais militares formados no interior do Estado serão lotados, de acordo com o interesse da Administração Policial Militar, em qualquer unidade da respectiva região de formação, onde permaneceram , obrigatoriamente, por um período mínimo de 3 anos.

Oficiais: O curso teve duração mínima de 18 meses, em regime de empo integral e dedicação exclusiva, em atendimento às exigências do binômio ensino/aprendizagem. Concluído o CFO/PM, os policiais militares formados na região metropolitana de Belém serão lotados, de acordo com o interesse da Administração Policial Militar, em qualquer município do Estado do Pará. Já os policiais militares formados no interior do Estado serão lotados, de acordo com o interesse da Administração Policial Militar, em qualquer unidade da respectiva região de formação, onde permanecerão, obrigatoriamente, por um período mínimo de 3 anos.

Volte ao topo

Último concurso PM PA

O último concurso para a PM PA foi divulgado em 2016. Na época, foram abertas 2.194 vagas para os postos de praças e oficiais da corporação. Do total de oportunidades, 2.000 foram para soldados (44 candidatos por vaga), 160 para oficiais militares (91 candidatos por vaga), 26 para oficiais de saúde e 8 para o quadro complementar.

 

Etapas do último concurso

De acordo com o edital de 2016, o concurso PM PA contou com sete fases: provas objetivas e discursivas (eliminatório e classificatório), avaliação de saúde (eliminatório), testes de aptidão física (eliminatório), avaliação psicológica (eliminatório), análise de títulos (classificatório) e investigação de antecedentes pessoais (eliminatório).  

 

Prova de Conhecimentos

A Prova de Conhecimentos (objetiva) do concurso PM PA foi elaborada com quantitativos de questões diferentes a depender do cargo. O Gran Cursos Online preparou conteúdo especial mostrando o que foi cobrado em cada disciplina no último concurso PM PA. Ficou curioso? Clique aqui e saiba mais.

OFICIAIS

Concurso PM PA

Concurso PM PA: Lista com os conteúdos e quantidade de questões da última prova

 

OFICIAIS MÉDICOS

Concurso PM PA

Concurso PM PA: Lista com os conteúdos e quantidade de questões da última prova para Oficiais Médicos

 

PRAÇAS

Concurso PM PA

Concurso PM PA: Lista com os conteúdos e quantidade de questões da última prova para praças

 

Para ser aprovado na Prova de Conhecimentos, o candidato deveria obter no mínimo 60% do total de pontos, o que equivale a 36 questões corretas, sendo eliminados do concurso aqueles que não alcançarem o mínimo.

 

Avaliação de Saúde

Esta etapa compreendeu os exames antropométricos e médico e baseou-se na análise de exames laboratoriais, de exames de imagens e de laudos médicos que serão apresentados pelos candidatos, bem como em uma avaliação clínica na pessoa do candidato, no que se refere a sua condição: oftalmológica, odontológica e biométrica.

 

Teste de Aptidão Física

O candidato considerado apto na Avaliação de Saúde deste concurso, foram submetidos aos ao Teste de Avaliação Física – TAF. Nesta fase foram cobrados:

Concurso PM PA

Concurso PM PA: Lista exercícios TAF do último certame

 

Avaliação Psicológica

A avaliação psicológica valeu para todos os cargos e teve como objetivo analisar se as características do candidato estão de acordo com o perfil exigido para frequentar o curso de formação. A avaliação psicológica foi realizada mediante o emprego de um conjunto de técnicas e instrumentos científicos validados pelo Conselho Federal de Psicologia – CFP, que propicie um prognóstico a respeito do desempenho do candidato, suas características intelectivas, motivacionais e de personalidade compatíveis com a multiplicidade, periculosidade e sociabilidade inerente às atribuições das diversas funções institucionais da PMPA, além do porte e uso de arma de fogo.

O candidato indicado deverá apresentar o seguinte perfil:

  • Capacidade de comando e liderança;
  • Capacidade de julgamento/percepção e iniciativa;
  • Produtividade e tomada de decisão; maturidade;
  • Confiança; estabilidade emocional;
  • Controle da agressividade e da ansiedade;
  • Adaptação e resiliência;
  • Resistência à frustração e à pressão;
  • Sociabilidade e competência no relacionamento interpessoal;
  • Deferência e obediência às normas e regras;
  • Empatia;
  • Assistência;
  • Responsabilidade e persistência;
  • Fluência verbal/comunicação;
  • Atenção concentrada e difusa; memória; inteligência;
  • Demonstração de ausência de fobia;
  • Ordenação e organização de pensamentos.

Volte ao topo

Prova de Títulos

Esta etapa foi válida apenas para aqueles que concorreram para o cargo de Oficial da área da saúde. A pontuação, segundo o edital, se deu da seguinte forma:

Concurso PM PA

Concurso PM PA: Quadro avaliação de títulos do último certame

 

Investigação de Antecedentes Criminais

Esta etapa aconteceu durante o transcurso do concurso PM PA por meio de investigação no âmbito social, funcional, civil e criminal do candidato. Esta investigação será realizada pela Polícia Militar do Pará conforme Resolução nº 001 EMG – PM2 de 13 de Janeiro de 2016, ato normativo expedido pelo Comando da Polícia Militar.

 

Provas e gabaritos

Faça download das últimas provas e gabaritos do concurso PM PA:

 

Nota de Corte

No último certame da PM PA foram disponibilizadas 2.000 vagas para Soldado, sendo 1.800 para homens e 200 para mulheres. Para as vagas masculinas a nota de corte foi de 78,00. Já para as vagas femininas a nota de corte foi de 82,00.

Das 160 vagas destinadas ao concurso público de admissão ao Curso de Formação de Oficiais da Polícia Militar do Estado do Pará – CFO/PM/2016, 144 foram destinadas a candidatos do sexo masculino e 16 para candidatas do sexo feminino. Para os homens a nota de corte foi 90,25. Já para as mulheres a nota de corte foi de 100,00.

 

Concurso PM PA: Vamos estudar?

Focado nos estudos do concurso PM PA? Nós, do Gran Cursos Online, queremos te ajudar. Os professores Fernando Mesquita e Érico Palazzo falaram na live (vídeo abaixo) sobre como montar um bom plano de estudos que dê conta do edital PM PA. Ficou curioso? Aperta o Play!

Gran Vade Mecum

Concurseiro imparável, o Gran Cursos Online quer te motivar a estudar cada vez mais para o concurso PM PA. Para isso, lançamos o Gran Vade Mecum PM PA para o cargo de Oficial, que contém toda a legislação presente no Edital da Polícia Militar do Estado do Pará. Faça download do PDF preenchendo o formulário abaixo:


 

Curso Gratuito Imparável

Você é imparável? Tem um sonho grande em mente que te motiva a seguir em frente em busca de uma vida melhor, mesmo com as dificuldades que aparecem no caminho (falta de tempo, desafios de conciliar a rotina, insegurança)? Se sim, então este curso é para você!

Organizamos de forma objetiva e prática em um só material algumas das principais disciplinas e conteúdos cobrados em concursos públicos para intensificar as suas chances de aprovação, tudo preparado por nossa equipe de colaboradores e professores especialistas no assunto. E o melhor: todo o conteúdo é totalmente gratuito! Mesmo se você ainda não começou a estudar, não deixe essa oportunidade passar. Nunca é tarde! Garanta a sua oportunidade no Curso Gratuito Imparável!

Clique AQUI para se inscrever gratuitamente!

Volte ao topo

Concurso PM PA: Edital Verticalizado

Concurseiro, além da Assinatura Ilimitada e de todo material gratuito, disponibilizamos também o edital verticalizado do concurso PM PA. O material foi feito pelos especialistas da nossa equipe para que você possa maximizar os estudos e alcançar o seu maior objetivo: ver seu nome na lista de aprovados.

Nos formulários abaixo você vai incluir o seu e-mail e solicitar o download. Pronto! Com um simples clique terá acesso a todo o conteúdo detalhado sobre os certames da Polícia Militar do Pará.

Verticalizado – Soldado


Verticalizado – Oficial


 

Concurso PM PA: Perfil

Há 19 anos a Secretaria Nacional de Segurança Pública – Senasp realiza o Perfil das Polícias no Brasil. O objetivo é coletar informações sobre o caráter administrativo, como por exemplo recursos humanos e materiais. O levantamento de 2019 separou as corporações em dois grupos: grandes e pequenas polícias. A PM PA encabeça a lista das pequenas polícias e é seguida imediatamente pelos estados de Goiás, Maranhão, Santa Catarina, Distrito Federal, Amazonas e outros.

Em relação à Polícia Militar do Estado do Pará, a pesquisa identificou os seguintes dados:

Em 2019 a Unidade da Federação possuía 15.366 policiais militares, divididos nos seguintes postos:

  • Coronel: 50
  • Tenente Coronel: 195
  • Major: 226
  • Capitão: 200
  • 1º Tenente: 19
  • 2º Tenente: 244
  • Subtenente: 336
  • 1º Sargento: 731
  • 2º Sargento: 1.663
  • 3º Sargento: 2.928
  • Cabo: 4.382
  • Soldado: 4.392

 

Ou seja, Soldados e Cabos representam 57,10% do contingente da Polícia Militar do Pará. Além disso, as relações contingente/hierarquia na PM PA parece ser mais estável do que na maioria das Unidades da Federação. Isso quer dizer que a quantidade de militares nas hierarquias inferiores é maior do que nas superiores, exceto nos cargos de 1º Tenente e Capitão. Ou seja, no Pará não há mais caciques do que índios. A proporção está correta.

O menor quantitativo de Capitães em relação aos militares no posto de Major pode ser explicado pelo represamento de pessoal que há, devido ao curso especial para a progressão, onde nem sempre há vagas ou interesse de todos na progressão.

Volte ao topo

Resumo do concurso PM PA

Concurso Polícia Militar do Estado do Pará (concurso PM PA)
Situação atual Válido
Banca organizadora Iades
Cargos Soldado e Oficial
Escolaridade Níveis médio e superior
Carreiras Policial
Lotação Pará
Número de vagas 2.405 vagas (2.310 para Soldado e 95 para Oficiais)
Remuneração Inicial de até R$ 4,9 mil
Inscrições de 30/11/2020 a 14/01/2021
Taxa de inscrição de R$ 76,00 a R$ 88,00
Data da prova objetiva
  • 28/02/2021 (Oficiais)
  • 07/03/2021 (Soldado – feminino)
  • 06/06/2021 (Soldado – masculino) – Remarcadas
Link do edital

 


Quer ficar por dentro dos concursos públicos abertos e previstos pelo Brasil?
Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2022

CONCURSOS ABERTOS NO PARÁ

Receba gratuitamente no seu celular as principais notícias do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

TELEGRAM

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
1

67

Comentários (67)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.