Concurso IBGE: mais de 230 mil vagas autorizadas! Confira!

IBGE abre primeiro processo seletivo com oferta de 2.658 oportunidades das vagas já autorizadas! Entenda!

Atenção interessados no concurso público do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (concurso IBGE)! Até o ano que vem o IBGE deve contratar 234.416 trabalhadores temporários para compor o Censo Demográfico 2020! De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, todos os editais devem ser publicados até maio de 2020.

No dia 25 de setembro, foi publicado o primeiro edital IBGE. Desta vez foram 2.658 vagas para os cargos de Coordenador Censitário de Subárea e Agente Censitário Operacional com remunerações iniciais de até R$ 3.100,00.

Confira abaixo todas as principais atualizações sobre o concurso IBGE, remunerações, cargos previstos, requisitos e etapas de prova.

Navegue pela matéria utilizando do índice abaixo:

Situação atual

O governo federal, em portaria divulgada no dia 06 de maio, autorizou a contratação pelo IBGE de mais de 234 mil cargos temporários para a realização do Censo Demográfico 2020. Os profissionais serão contratados a partir de janeiro do próximo ano com prazo de duração do contrato de trabalho por 1 ano. Caso seja necessário, haverá a prorrogação do concurso com base nas necessidades de conclusão das atividades do órgão.

Veja o quadro de vagas autorizadas pelo governo federal para o IBGE:

Concurso IBGE: quadro de vagas autorizadas para a execução do censo 2020

Concurso IBGE: quadro de vagas autorizadas para a execução do censo 2020!

Em 21 de agosto, o Gran Cursos Online foi informado pela assessoria do IBGE que as 234 mil vagas serão abertas em vários editais de processos seletivos simplificados. Todos os certames serão divulgados até o mês de maio de 2020, apesar de ainda não haver banca definida para todos.

Confira a resposta da assessoria:

Concurso IBGE: resposta da assessoria em relação às publicações dos editais.

Concurso IBGE: resposta da assessoria em relação às publicações dos editais.

Entendendo que as oportunidades serão abertas em distintos editais, no dia 25 de setembro, o Instituto publicou o primeiro processo seletivo para a realização do Censo Demográfico 2020. No documento, foram ofertadas 2.658‬ vagas para os cargos de Coordenador Censitário Subárea e Agente Censitário Operacional.

Na época, o edital do processo seletivo foi retificado no mesmo dia em que foi publicado, isso porque, de acordo com o site do órgão, o requisito mínimo para candidatura no cargo de Coordenador Censitário era possuir diploma de conclusão de ensino superior em qualquer área. Além disso, o candidato deveria apresentar a Carteira Nacional de Habilitação definitiva ou provisória, sendo válida, no mínimo, a categoria B para o ingresso no cargo.

Apesar da retificação, o IBGE voltou atrás na decisão e divulgou uma nota no dia seguinte, 26 de setembro, também no site do Instituto com o objetivo de manter a função de Coordenador Censitário Subárea (CCS) como cargo de formação para Ensino Médio completo, conforme previsto no Edital 03/2019, publicado no DOU de 25/9/2019.

Segundo o professor do Gran Cursos Online Aragonê Fernandes, as mudanças nos pré-requisitos faz sentido já que as atribuições e a remuneração estabelecidas no edital são compatíveis com a escolaridade em nível superior. “A própria atividade de Coordenação justificaria a exigência de nível superior . Porém, como a banca, num primeiro momento, soltou a informação de que seria nível médio, eles acabaram voltando atrás na opção pelo nível superior, por uma questão de logística e organização na medida em que muita gente já teria feito a inscrição. Mas, de fato, seja pelas atribuições, seja pelo salário maior, o cargo justificaria a exigência de nível superior”, afirmou o professor.

Outro ponto esclarecido pela Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online foi em relação ao número de vagas. De acordo com o quadro acima, a previsão inicial era de 3.210 vagas para os cargos de Agente Censitário Operacional e Coordenador Censitário Subárea. Porém, por questões orçamentárias, o Instituto teve uma redução no número de contratações e confirmou somente 2.658 vagas no edital recém-publicado.

Nós questionamos a assessoria do órgão sobre o número de vagas divergente em relação à portaria divulgada no mês de maio e obtivemos a seguinte resposta:

Concurso IBGE: questionamento quanto ao números de vagas ofertados no primeiro edital.

Concurso IBGE: questionamento quanto ao números de vagas ofertados no primeiro edital.

As inscrições para os cargos, de acordo com o edital, estarão abertas até às 16h do dia 15 de outubro de 2019. A taxa de inscrição varia de acordo com o cargo, sendo R$ 58 para Coordenador e R$ 42,50 para Agente. Para se candidatar, é preciso acessar o site da Fundação Getúlio Vargas (FGV) – https://www.fgv.br/fgvprojetos/concursos/ibgepss2019 – , banca responsável pelo certame.

Os cargos de coordenação contam com a remuneração inicial de R$ 3.100,00. Já para o cargo de Agente Censitário, o vencimento básico será de R$ 1.700,00. Os contratos, para ambos os cargos, serão de no máximo 12 meses, podendo ser prorrogados por mais um ano.

Os contratados também terão direito aos auxílios alimentação, transporte e pré-escolar, além de férias e 13º salário proporcionais, de acordo com a legislação que regulamenta este tipo de contratação.

No que se refere aos outros processos seletivos, a assessoria do IBGE afirmou ao Gran Cursos Online que os editais têm previsão para que sejam publicados até o fim do primeiro semestre de 2020.

Segundo o órgão, os próximos editais ofertarão os cargos de Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor e Recenseador que juntos somam o quantitativo de 225.678, sendo destas, 196 mil para Recenseador.

Confira mais informações sobre o processo seletivo para Coordenador e Agente Censitário aqui!

Remuneração, vagas e nível de escolaridade

Como dito anteriormente, o Censo Demográfico 2020, para ser realizado, exigirá que o Instituto abra mais de 230 mil vagas temporárias. A data limite para a publicação de todos os editais, conforme a assessoria do órgão nos informou, é até o mês de maio de 2020.

De acordo com projeto básico do certame, publicado no dia 27 de março, as vagas que ainda não tiveram seus editais divulgados para o Censo Demográfico de 2020 serão divididas da seguinte forma:

Supervisor – Call Center

  • Vagas: 4
  • Nível de escolaridade: não informado
  • Remuneração: não informada

Agente Censitário Municipal

  • Vagas: 6.100
  • Nível de escolaridade: nível médio
  • Remuneração: R$ 2.400,00

Agente Censitário Supervisor

  • Vagas: 23.578
  • Nível de escolaridade: nível médio
  • Remuneração: R$ 2.000,00

Codificador Censitário

  • Vagas: 120
  • Nível de escolaridade: não informado
  • Remuneração: não informada

Recenseador

  • Vagas: 196.000
  • Nível de escolaridade: não informado
  • Remuneração: R$ 1.100,00*

*O Recenseador recebe por produção, este valor é uma estimativa. 

O pagamento médio para recenseadores no último censo foi de R$ 2,6 mil.

Supervisor PA

  • Vagas: 1.304
  • Nível de escolaridade: não informado
  • Remuneração: não informada

Recenseador PA

  • Vagas: 4.100
  • Nível de escolaridade: não informado
  • Remuneração: não informada

Concurso IBGE – Agente e Coordenador: prova objetiva

De acordo com o edital publicado recentemente, para os cargos de Coordenador Censitário e Agente Censitário Operacional, as provas objetivas serão compostas de questões do tipo múltipla escolha em que cada questão conterá cinco alternativas e somente uma correta.

A avaliações, de caráter eliminatório e classificatório, estão previstas para serem realizadas no dia 08 de dezembro, tendo, por sua vez, a duração de 4 (quatro) horas.

Confira abaixo as disciplinas que serão cobradas para cada cargo:

COORDENADOR CENSITÁRIO DE SUBÁREA (CSS)

Conhecimentos básicos

  • Língua Portuguesa – 15 questões
  • Raciocínio Lógico – 10 questões
  • Ética no Serviço Público – 5 questões

Conhecimentos Específicos

  • Noções de Administração e Situações Gerenciais – 30

AGENTE CENSITÁRIO OPERACIONAL (ACO)

Conhecimentos básicos

  • Língua Portuguesa – 15 questões
  • Raciocínio Lógico – 10 questões
  • Ética no Serviço Público – 5 questões

Conhecimentos Específicos

  • Noções de Administração – 15 questões
  • Noções de Informática – 15 questões

Concurso IBGE: prova objetiva para os cargos previstos

Para os cargos que ainda não tiveram os editais publicados, o projeto básico divulgado no começo desse ano prevê as seguintes disciplinas que serão exigidas nas provas objetivas:

AGENTE CENSITÁRIO SUPERVISOR E AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL

  • Língua Portuguesa – 15 questões
  • Raciocínio Lógico – 10 questões
  • Noções de Administração e situações gerenciais – 25 questões
  • Conhecimentos Técnicos – 10 questões

RECENSEADOR

  • Língua Portuguesa – 15 questões
  • Matemática – 15 questões
  • Conhecimentos Técnicos – 20 questões

AGENTE CENSITÁRIO OPERACIONAL

  • Língua Portuguesa – 15
  • Raciocínio Lógico – 10
  • Noções de Administração – 35

Atribuições

No edital do processo seletivo publicado em 25 de setembro, os cargos de Agente Censitário e Coordenador Censitário de Subárea têm atribuições principais:

Agente Censitário Operacional (ACO)

  • Assistir na realização do trabalho administrativo e de informática na Unidade em que estiver lotado, por meio da organização, produção e controle de documentos, processos, procedimentos, dados e informações;
  • Executar atividades administrativas nas áreas de recursos humanos, materiais, patrimoniais, orçamentários, financeiros e de disseminação de informações; r
  • Recepcionar e atender aos colaboradores do IBGE e ao público em geral, pessoalmente ou por telefone;
  • Utilizar máquina copiadora, preparar relatórios, ofícios, memorandos, confeccionar planilhas eletrônicas e inserir e/ou transmitir dados em sistemas informatizados e em dispositivos eletrônicos;
  • Efetuar trabalhos de digitalização e transcrição de documentos diversos, operando equipamentos apropriados e baseando-se em especificações técnicas;
  • Preencher os termos de abertura e encerramento e, quando necessário, o termo de alteração dos documentos digitalizados;
  • Obedecer às normas de segurança;
  • Auxiliar a Coordenação Estadual de Informática no controle das chamadas da Central de Atendimento e no preparo, instalação e configuração de equipamentos de informática, pontos de rede (dados e voz) hardwares e softwares;
  • Analisar relatórios de produção dos sistemas utilizados;
  • Dirigir veículo próprio do IBGE ou locado pela Instituição, quando necessário para a realização de suas atribuições, uma vez que possua habilitação;
  • Exercer atividades relacionadas à execução de tarefas técnicas/administrativas na área de informática;
  • Capacitar e orientar usuários no uso de ferramentas computacionais, aplicativos e equipamentos de informática;
  • Executar o suporte técnico necessário para garantir o bom funcionamento dos equipamentos/atividades, com substituição, configuração e instalação de módulos, partes e componentes;
  • Prestar atendimento e fornecer suporte técnico necessário para a manutenção do sistema de informação e de telecomunicações (dados e voz);
  • Subsidiar o coordenador de informática, coordenador de recursos humanos, coordenador da subárea ou seu superior imediato, prestando suporte na instalação e manutenção da infraestrutura necessária ao funcionamento dos recursos de informática, de forma a assegurar o adequado desenvolvimento das atividades censitárias na sua área de atuação;
  • Executar o controle dos fluxos de atividades, preparação e acompanhamento da fase de processamento dos serviços e/ou monitoramento do funcionamento de redes de computadores;
  • Preservar o sigilo das informações; ministrar treinamento, quando designado;
  • Viajar a serviço quando necessário ao desempenho de suas atribuições;
  • Pesquisar, conferir, apurar e registrar dados administrativos;
  • Realizar os registros e atualizações dos dados e da documentação do pessoal contratado, mantendo-os sempre organizados e completos;
  • Realizar o controle e acompanhamento das renovações contratuais dentro dos prazos definidos;
  • Atuar nos processos de aquisições e pagamentos;
  • Responsabilizar-se pela guarda, distribuição e controle dos equipamentos eletrônicos e acessórios de uso próprio e de sua equipe, assumindo e repassando a responsabilidade pela segurança e uso adequado dos equipamentos;
  • Manter-se atualizado sobre de todas as instruções, conceitos e procedimentos contidos nos manuais técnicos e operacionais e aplicá-los corretamente; e
  • Desenvolver outras atividades determinadas por seus superiores hierárquicos inerentes às atividades censitárias.

Coordenador Censitário de Subárea (CCS)

  • Responder por questões técnicas, administrativas e operacionais, conforme orientações institucionais e de seu superior do quadro de pessoal efetivo do IBGE;
  • Acompanhar os trabalhos das equipes das coordenações nacionais e estaduais de supervisão e implementar as orientações recebidas;
  • Adotar as providências relativas à contratação, prorrogação de contratos e desligamento das funções de Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor e Recenseador e realizar avaliações mensais dos contratados, dentro dos prazos fixados;
  • Observar rigorosamente as normas administrativas, as orientações técnicas e os prazos estabelecidos;
  • Coordenar e responder por atividades técnicas, administrativas e operacionais, conforme orientações de seu superior, buscando assegurar a plena cobertura territorial e qualidade dos dados coletados nos prazos definidos;
  • Realizar a previsão, programação, solicitação e a execução de recursos orçamentários e financeiros, controlar e comprovar sua aplicação de acordo com as normas e prazos estabelecidos;
  • Elaborar relatórios técnicos e administrativos visando atender ao acompanhamento das atividades sob sua responsabilidade;
  • Manter-se atualizado sobre todas as instruções e conceitos contidos nos manuais técnicos e operacionais e aplicá-los corretamente;
  • Providenciar a instalação dos Postos de Coleta junto aos municípios jurisdicionados à Subárea, buscando sempre parcerias com as entidades público-privadas existentes nos municípios, com toda a infraestrutura necessária para o funcionamento do posto de coleta;
  • Manter estreita comunicação com as coordenações censitárias estaduais;
  • Participar dos treinamentos presenciais e a distância programados para a sua função, organizar os treinamentos das equipes sob sua responsabilidade e atuar como instrutor;
  • Organizar e definir as áreas de atuação do Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor, observando as recomendações e critérios estabelecidos;
  • Preservar o sigilo das informações;
  • Divulgar e cumprir, no âmbito de sua jurisdição, as normas relativos aos Processos Seletivos Simplificados;
  • Gerenciar o desempenho da equipe contratada e adotar as providências necessárias para mantê-la em níveis adequados de qualidade e quantidade, de forma a garantir o cumprimento dos prazos estabelecidos;
  • Receber, transcrever e transmitir dados em dispositivos eletrônicos;
  • Participar de reuniões presenciais ou videoconferências, de treinamentos presenciais e a distância programados para a função;
  • Verificar a necessidade de realização de novos treinamentos de recenseadores durante o período de coleta e adotar as providências junto ao Coordenador de Treinamento;
  • Identificar a necessidade de treinamento e atualização profissional das pessoas em sua área de atuação;
  • Atuar como representante do IBGE na sua área de atuação, manter contatos com autoridades, responsáveis por instituições e entidades, imprensa e comunidade local, com o objetivo de divulgar e obter apoio para a adequada execução da operação censitária;
  • Administrar os recursos materiais disponibilizados, especificamente: manter corretamente registrados, atualizados e organizados os dados dos bens e equipamentos;
  • Acompanhar sistematicamente a evolução da coleta de dados em cada município ou região de sua área de atuação, observando a qualidade da cobertura e dos dados coletados, por meio de consultas constantes aos relatórios emitidos pelo Sistema de Indicadores Gerenciais da Coleta, a fim de adotar ações corretivas imediatas e tomar as providências de acordo com as orientações específicas;
  • Estabelecer roteiro de visitas semanais aos postos de coleta da sua área de jurisdição;
  • Zelar pela adequada gestão dos bens e equipamentos patrimoniais sob sua responsabilidade, fazer uso de sistemas informatizados e formulários definidos, com atenção especial para a guarda e controle dos bens móveis;
  • Manter o controle sobre o pagamento das folhas de treinamento, produção, locomoção, diárias, mensalistas e outras;
  • Acompanhar e adotar as providências cabíveis para manter o fluxo adequado dos pagamentos dos recenseadores;
  • Responsabilizar-se pela guarda, distribuição, segurança, uso adequado e controle dos equipamentos eletrônicos e acessórios disponibilizados para uso próprio e de sua equipe;
  • Assinar/validar documentos em meio físico ou digital mediante subdelegação;
  • Realizar a Avaliação de Desempenho dos contratados mensalistas, dentro dos prazos fixados e na conformidade estabelecida;
  • Assinar contratos e/ou documentos, por delegação;
  • Manter corretamente registrados, atualizados e organizados, sobretudo quanto à documentação e digitalização, os dados relativos ao pessoal contratado;
  • Providenciar para que mapas municipais estejam disponíveis no posto de coleta;
  • Dirigir veículo próprio do IBGE ou locado pela Instituição, quando necessário para a realização de suas atribuições, uma vez que possua habilitação;
  • Garantir o fechamento do(s) Posto(s) de Coleta sob sua responsabilidade e a devolução de todos os equipamentos de sua Subárea;
  • Viajar a serviço quando necessário ao desempenho de suas atribuições;
  • Consultar sistematicamente o Sistema de Indicadores Gerenciais da Coleta para verificar as mensagens emitidas para cada setor censitário e adotar as providências indicadas nos Manuais;
  • Divulgar o Censo Demográfico 2020 em toda sua área de atuação, observando as orientações superiores;
  • Reportar-se periodicamente ao Coordenador de Área, apontando as ocorrências relevantes observadas na sua área de atuação;
  • Buscar, junto ao Coordenador de Área, as soluções para os problemas técnicos, administrativos, de informática ou de base territorial, cujas soluções estejam fora de sua competência;
  • Utilizar os sistemas administrativos e gerenciais de acompanhamento e controle implementados para a operação censitária, como instrumentos de monitoramento e gestão;
  • Analisar periodicamente os relatórios emitidos pelo Sistema de Pessoal Censitário, verificar a evolução dos pagamentos, comparando-a com o fluxo de liberação dos setores, e, caso sejam detectados atrasos nos créditos aos interessados, comunicar o fato às instâncias superiores competentes;
  • Presidir, organizar e coordenar as reuniões municipais, sempre emitindo esclarecimentos estritamente condizentes e alinhados às diretrizes e normas do IBGE;
  • Proceder ao remanejamento de pessoal entre os postos de coleta, sempre que for necessário, obedecidas as normas vigentes;
  • Adotar ações necessárias para manter o suprimento adequado de material de consumo e de informática nas unidades sob sua jurisdição; e
  • Executar outras tarefas correlatas que lhe forem atribuídas por seus superiores hierárquicos.

Além disso, para o desempenho das funções, é exigido dos candidatos as seguintes capacidades:

Agente Censitário Operacional: capacidade de entendimento e comunicação verbal para atendimento ao público; acuidade visual para conferir documentos, elaborar e transcrever textos, dados e/ou planilhas em microcomputador; e agilidade para cumprir as tarefas determinadas, nos prazos exigidos no cronograma das atividades censitárias e de acordo com o padrão de qualidade requerido; capacidade motora para manusear microcomputador e seus periféricos durante a realização do trabalho; acuidade visual para elaborar documentos técnicos e elaborar planilhas; e agilidade para cumprir as tarefas determinadas, nos prazos exigidos no cronograma das atividades censitárias e de acordo com o padrão de qualidade requerido.

Coordenador Censitário Subárea: capacidade auditiva e de comunicação verbal para realizar entrevistas e coletar dados fazendo uso de dispositivo móvel de coleta; acuidade visual para  leitura e preenchimento dos questionários e formulários impressos e/ou em meio eletrônico e para conferir documentos, elaborar e transcrever textos, dados e/ou planilhas em microcomputador; acuidade visual para interpretar mapas e croquis de setores censitários e identificar no campo os pontos que constituem os limites dos setores; capacidade de locomoção para execução de trabalhos de campo, nas zonas urbana e rural, em áreas de terreno íngreme, localidades de difícil acesso e áreas de ocupação irregular, bem como para acesso em prédios e residências com escadarias e sem rampas de acesso ou elevadores, caminhos e estradas não pavimentadas; capacidade motora para manusear o dispositivo móvel de coleta durante a realização de entrevista, que pode ocorrer em condições precárias e preencher os questionários e formulários, registrando números, palavras e marcas, com a precisão exigida pelo dispositivo móvel de coleta; agilidade para cumprir as tarefas determinadas, nos prazos exigidos, em conformidade com o cronograma da operação censitária e de acordo com o padrão de qualidade requerido; e capacidade motora para dirigir veículo automotivo (carro) a fim de locomover-se para executar os trabalhos em áreas urbanas e rurais de grande distância.

Processos Seletivos anteriores do IBGE

Analista Censitário

Em julho de 2019, o Instituto já tinha publicado um edital com oferta de 400 vagas de nível superior para a função de Analista Censitário (AC) com vencimento básico de R$ 4.200,00. O processo seletivo foi organizado pelo Instituto AOCP e teve inscrições abertas entre os dias 08 de 23 de julho de 2019 com aplicação de provas em 01 de setembro de 2019.

Apesar de não estar na relação de vagas autorizadas pela Portaria Nº 207, as oportunidades apresentadas nesse processo seletivo também serão para contratação temporária no Censo Demográfico de 2020.

Confira abaixo todas as informações sobre o concurso IBGE – Analista Censitário

Censo Experimental 2019

Em 2019, o Processo Seletivo Simplificado destinado a selecionar candidatos para a realização do Censo Experimental teve seu edital publicado! Ao todo foram ofertadas 209 vagas distribuídas para os seguintes cargos:

  • Agente Censitário Municipal (ACM),
  • Agente Censitário Supervisor (ACS) e
  • Recenseador.

As inscrições do concurso ficaram abertas entre os dias 22 de maio e 09 de junho de 2019. Para participar desta seleção, o candidato precisou ter nível fundamental ou nível médio completo.

Confira no quadro abaixo os detalhes dos cargos ofertados:

Concurso IBGE: informações sobre cargos.

Concurso IBGE: informações sobre cargos.

Quer saber mais sobre o Edital IBGE – Censo Experimental? Clique no link abaixo:

Edital IBGE – Censo Experimental

Concurso IBGE: Censo Demográfico

Realizado a cada dez anos, o Censo Demográfico é uma das principais ferramentas para o desenvolvimento de políticas públicas. No Censo 2010, por exemplo, 67,6 milhões domicílios localizados em 5.565 municípios brasileiros foram visitados por mais de 190 mil recenseadores.

Em nota, o IBGE contou as consequências que a falta de verba para realização do Censo Demográfico iria trazer para o país. “O Brasil tem obrigações quanto à disseminação de dados junto ao Fundo Monetário Internacional (FMI), à Divisão de Estatística das Nações Unidas (UNSD) e à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), entre outros, que sofreriam rupturas”.

Ainda segundo a nota, o IBGE também é signatário da Agenda 2030 – Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, das Nações Unidas. “O que exige um grande esforço de estruturação do sistema estatístico nacional, a fim de que se possa atender à demanda por 240 diferentes indicadores sociais, ambientais e econômicos para monitorar o cumprimento de suas metas. A ausência do Censo Demográfico de 2020 inviabilizaria um número considerável desses indicadores”, afirmou o Instituto.

Importância do Censo 2020 para o país

Em seminário realizado na Câmara dos Deputados sobre os censos do IBGE, Roberto Olinto, presidente do Instituto, explicou que esse tipo de levantamento é importante, por exemplo, para as discussões relativas à distribuição de impostos federais entre estados e municípios. Isso porque a divisão depende do tamanho da população.

Sem o censo demográfico, o Brasil não conseguiria trabalhar na agenda 2030 das Nações Unidas de Desenvolvimento Sustentável. “Vários dos indicadores de desenvolvimento sustentável são basicamente obtidos no censo”, argumentou o presidente.

Cláudio Crespo, diretor de Pesquisas do IBGE, disse que é importante monitorar a concentração da população em grandes cidades. Segundo ele, mais de 60% da população vive em cerca de 400 dos 5.570 municípios. “O crescimento da população deve ser revertido a partir de 2040 e os dados de envelhecimento são importantes para a discussão das contas da Previdência Social”, afirmou.

Análise do edital – Agente e Coordenador

Para os alunos que estão se preparando para o concurso do IBGE, nós, do Gran Cursos Online, preparamos uma live completa explicando, dando dicas e macetes dos principais pontos de estudo para você conseguir a sua aprovação no certame.

O professor Aragonê Fernandes analisou e destrinchou o edital recém-publicado para os cargos de Agente e Coordenador Censitários, confira abaixo:

Bateria de questões para o concurso IBGE

Ao longo desta semana (07 a 11/10), sempre às 17h, nós, do Gran Cursos Online, faremos um série de videoaulas com baterias de questões da banca Fundação Getúlio Vargas, banca organizadora do certame, para os alunos que desejam se preparar com antecedência para o concurso IBGE!

Confira a programação:

Segunda (07/10) – Língua Portuguesa, com Márcio Wesley
Terça (08/10) – RLM, com Márcio Flávio
Quarta (09/10) – Informática, com Jeferson Bogo
Quinta (10/10) – Ética, com Glauber Marinho
Sexta (11/10) – Administração, com Weskley Rodrigues

Preencha o formulário abaixo para se inscrever gratuitamente no evento:

Resumo do concurso IBGE Agente e Coordenador

Concurso Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (concurso IBGE)
Banca organizadora Fundação Getúlio Vargas (FGV)
Cargos Agente Censitário Operacional e Coordenador Censitário
Escolaridade Nível médio
Carreiras Administrativa
Lotação Nacional
Número de vagas 2.658 vagas
Remuneração de R$ 1.700,00 a R$ 3.100,00
Inscrições  de 25/09/2019 a 15/10/2019
Taxa de inscrição de R$ 42,50 a R$ 58,00
Data da prova objetiva 08/12/2019
Link do edital
Quer conquistar a sua aprovação no concurso IBGE!
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Raphaella Torres
Raphaella Torres
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online
26 Comentários

26 Comentários

  1. Márcia Júdice

    21/02/2019 13:06em13:06

    Participei como recenseadora em 2010, pretendo participar em 2020 novamente.

    • Leusina Moreira Lope

      30/03/2019 09:21em09:21

      Gostaria de participar do censo 2020. Munca participei

  2. Geneceuda patricio

    10/03/2019 21:33em21:33

    gostaria de participar como recenseadora, em 2020.

  3. Claudinei Vitor Gomes

    26/03/2019 10:47em10:47

    Participei do último censo agro 2017/2018,pretendo me inscrever para o próximo censo

    • roberto carlos dos santos

      27/03/2019 19:34em19:34

      eu ja participei passei e fiquei na espera bem como passei em concurso para zelador da prefeitura ms foi anulado por fraude nos concursos passei tambem no concurso para borracheiro mas nunca colocaram borracharia na prefeitura agora fiz outro mas nem fui ver o que deu .agora trabalho de borracheiero mas trabalhei tempo em campo grande e regiao nao sou nescio em muitas coisas .masestou em uma borracharia antiga ficou fechada po muitos tempo mas agora estou a cinco anos aqui . e acabou .aquele barulhao na rua de programas de roça da prefeutura .mas que eu gostaria mesmo era de ter oportunidade de seguir outras carreiras na vida .e nao vou competir com ninguem .pasar de novo sem ser chamado .so agradecem a deus por achar aqui aberto quando as outras estao fechada . e pra ver com os tudo ok crise nao existe entao

  4. Bruno Lima

    27/03/2019 12:51em12:51

    Qual o nível de escolaridade do CCS e ACO?

  5. Laryssa Viana Cunha

    28/03/2019 07:20em07:20

    Qual o nível de escolaridade para Coordenador Censitário de Subárea?

  6. Iris Pereira zardi

    02/04/2019 12:56em12:56

    Gostaria de fazer p/ coordenador censitário de subarea

  7. cristiano jose moreira

    07/05/2019 15:08em15:08

    gostaria de fazer Recenseador. como me inscrever?

  8. Rosivelt

    16/05/2019 07:45em07:45

    Quero fazer o curso

  9. Rosivelt

    16/05/2019 07:49em07:49

    Gotaria de fazer para coordenador censitário de subarea

  10. José Ricardo da Silva Macedo Nascimento

    16/05/2019 17:46em17:46

    Esse concurso é temporário ou não?

  11. Masculino

    16/05/2019 22:02em22:02

    Gostaria de saber os prazos ? ficou faltando o tempo em serviço

  12. Matthaeus Carvalho

    18/05/2019 07:54em07:54

    “Para as funções de Agente Censitário Municipal, Agente Censitário Supervisor e Recenseador a prova será realizada apenas no município de Poços de Caldas-MG.”

    Esta informação está correta? Quem mora na capital (Belo Horizonte) terá que viajar para o interior para fazer a prova?

  13. Lauro Mendes

    29/05/2019 08:51em08:51

    Concurso IBGE, censo experimental. Tenho interesse de participar. Favor mandar mais informações. Agente Censitário Supervisor (ACS) – Experimental. Tenho Nível Superior – Letras.

  14. Taiana Andrade

    30/05/2019 15:24em15:24

    Boa tarde eu queria saber o valor do curso pois eu vi um vídeo que estava com 30% de desconto e me interecei pois se estiver com um preço bom eu pago ate a vista.obrigada
    Ibge

  15. JOSE NILTON

    10/06/2019 14:52em14:52

    NÃO HAVERÁ PROVAS EM BRASÍLIA?

  16. DANIELA

    11/06/2019 14:07em14:07

    TEM PREVISAO PARA O EFETIVO SE O CONCURSO NÃO FOI PROTOCOLADO?

  17. Marcos

    21/06/2019 10:14em10:14

    Quando começarão as inscrições para contratação de recenseadores e demais cargos temporários para o censo do ibge de 2020?

  18. Osvaldo Duarte Pinheiro

    12/07/2019 08:48em08:48

    Sou Osvaldo Duarte Pinheiro, sou ex recenseador do censo 1970, 1975, 1980, 1985, sou, biólogo servidor federal aposentado, ministério da saúde, moroem araçu, quero trabalhar no censo, minha idade 71 anos posso prestar concurso?

    • Bruno Bismarck

      30/07/2019 10:36em10:36

      Nem servidores públicos nem aposentados do serviço público podem participar, não é permitido. Veja um trecho do edital do Censo Demográfico 2010: “e) não estar incompatibilizado com o disposto no art. 6 da Lei n 8.745, de 9 de dezembro de 1993, que proíbe a contratação de servidores da Administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, bem como de empregados ou servidores de suas subsidiárias e controladas. São aplicadas também as restrições à contratação de aposentados previstas no artigo 37 § 10 da CRFB/88”

      • julia da rocha caldas

        20/08/2019 23:59em23:59

        Qual a diferença de coordenador censitario subárea 1 ou 2?

  19. Amanda

    08/08/2019 13:22em13:22

    Alguém sabe se é necessário ter CNH para prestar o concurso? Obrigada.

  20. Elioenai Borges Junior

    08/08/2019 20:50em20:50

    Boa noite, Trabalhei no ultimo censo agropecuário como recenseador, gostaria de saber se posso prestar esse concurso e trabalhar como recenseador?

    Grato

  21. ana luzia

    20/08/2019 17:26em17:26

    gostaria de saber se o candidato pode fazer duas provas, ja que serão mais de um adital ?

  22. Gisele F Paes szabo

    06/09/2019 02:26em02:26

    Todas as provas do IBGE já foram realizadas?

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quer conquistar a sua aprovação no concurso IBGE!
Prepare-se com quem mais entende do assunto!
COMECE A ESTUDAR NO GRAN
Para o Topo