Concurso Bacen: novo pedido de 245 vagas! Saiba os detalhes!

Concurso BACEN: o pedido são para concursos em 2023 e 2024; as vagas são para os cargos de Analista, Técnico e Procurador

Avatar


9 de Junho 9 min. de leitura

Um novo pedido para o concurso BACEN foi enviado ao Ministério da Economia. O pedido do Banco Central do Brasil foi por meio do ofício 12170/2021, o total de vagas é de 245 para os cargos de Analista, Técnico e Procurador.

Os dados do quadro de pessoal foi atualizado em abril de 2021. O quantitativo de cargos vagos cresceu, no total, 2.944 cargos estão vagos. Além desse quantitatito, atualmente, há 313 servidores com direito adquirido a aposentadoria.

A Lei complementar nº179, de 24 de fevereiro de 2021 que prevê autonomia técnica, operacional, administrativa e financeira do BACEN foi sancionada pelo presidente Jair Messias Bolsonaro.

Confira ao longo desta matéria mais informações do concurso BACEN, para facilitar, navegue pelo índice disponibilizado abaixo:

Concurso Bacen: situação atual

Novo pedido de concurso público ao ME

O pedido encaminhado ao Ministério da Economia é para os anos de 2023 e 2024. No texto do pedido, o presidente do BACEN Roberto de Oliveira Campos Neto ressaltou que a redução da força de trabalho acarreta riscos ao adequado funcionamento do Sistema Financeiro Nacional (SFN) e destacou que medida é fundamental para preservar a capacidade operacional.

Cargo 2023 2024
Analista 100 100
Técnico 15 15
Procurador 7 8
TOTAL 122 123

Nos anos de 2019 e 2020, o quantitativo de vagas solicitadas ao ME para um novo concurso BACEN foi de 260 vagas, sendo 200 vagas para analistas, 30 para técnicos e 30 para procuradores.

Sindicato cobra realização de nova seleção

Representantes do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (Sinal) estiveram em reunião com o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, no dia 03 de abril de 2019.

No encontro várias pautas foram discutidas e uma delas foi a realização de um novo concurso Bacen. “Ter o ingresso de novos servidores no quadro de pessoal é uma medida importante”, afirmou Epitácio Ribeiro, diretor de Relações Externas do Sindicato.

Daro Piffer, diretor de Estudos Técnicos, explica que houve um envelhecimento da carteira em consequência da não realização de certames públicos.”Os novos profissionais irão recompor o quadro, principalmente, daqueles que se aposentaram”, conclui.

Outro ponto indicado foi a reestruturação da carreira de Especialista, mas que de acordo com o presidente do sindicato é preciso pensar, primeiramente, em um desenho institucional e que as propostas de alteração ainda “são muito tímidas para uma instituição do tamanho do Bacen”, afirmou.

Mudanças no ingresso

Em 2016, houve alteração para o ingresso por meio do concurso BACEN nas áreas funcionais do banco, por meio da Lei nº 13.327. Segundo a norma, o provimento para o cargo de Técnico do Banco Central do Brasil será realizado em etapa única, ou seja, os candidatos serão submetidos apenas de provas (objetivas e discursiva).

Já a de Analista do Banco Central do Brasil, será em duas etapas, ambas de caráter eliminatório, compreendendo a primeira o exame de conhecimentos específicos (provas objetiva e discursiva) e, a segunda, o curso de formação. Para os cargos de Analista do Banco Central do Brasil e de Procurador do Banco Central do Brasil, além do exame de conhecimentos específicos, será obrigatória a realização de prova de títulos, de caráter exclusivamente classificatório.

Ainda segundo a lei, para o ingresso no cargo de Técnico do Banco Central do Brasil, na área de especialização voltada à execução e à supervisão das atividades de segurança institucional do Banco Central do Brasil, especialmente no que se refere aos serviços do meio circulante e à proteção de autoridades internas do Banco Central do Brasil, haverá prova de aptidão física e avaliação psicológica.

No dia 31 de agosto de 2020, foi publicada a resolução CMN Nº 4.852, de 27 de agosto de 2020, que altera o Regulamento do BACEN. Dentre as alterações, o texto menciona alterações relacionadas sobre competências de concursos públicos.

Concurso BACEN: proposta de Autonomia do BACEN

O texto aprovado no Senado Federal prevê principalmente autonomia sobre nomeação e demissão do presidente e diretores do Banco Central do Brasil. O texto substitutivo foi aprovado por 56 votos a 12 e segue para a Câmara dos Deputados para análise.

O texto substitutivo estabeleceu que o BACEN é considerado uma autarquia de natureza especial. A mudança objetiva garantir autonomia administrativa permitindo que o Banco Central do Brasil tome providência de natureza administrativa e operacional sem necessidade de intervenção do Ministério. Sendo assim, garantindo a autonomia técnica, operacional, administrativa e financeiras.

A Lei complementar nº 179, de 24 de fevereiro de 2021 que prevê autonomia técnica, operacional, administrativa e financeira do BACEN foi sancionada pelo presidente Jair Messias Bolsonaro.

Concurso Bacen: remuneração e benefícios

O candidato aprovado no próximo concurso BACEN para as carreiras de técnico e analista do Bacen terá as atribuições da Classe A. Mas além das classes, os candidatos são postulados a um outro título dentro de uma classe, ou seja, ingressarão na Classe A padrão I, com exceção do posto de procurador, que ingressará na segunda categoria.

Entendendo a Progressão

Explicando melhor, cada ano equivale a um padrão. Anualmente os candidatos que ingressarem, serão avaliados e caso isso ocorra de forma positiva, acontecerá a progressão para o padrão posterior. Cada classe é composta por padrões e, ao final de alguns anos, os aprovados passarão de uma classe para outra. Isso acontecerá até que se chegue última classe e padrão, cerca de 13 anos, quando o servidor fará parte da Classe Especial – Padrão IV.

A promoção é a movimentação do servidor do último padrão de uma classe para o primeiro padrão da classe seguinte, observado o interstício de um ano em relação à progressão funcional imediatamente anterior, dependendo, cumulativamente do resultado de avaliação formal de desempenho e da participação em curso de aperfeiçoamento oferecido, preferencialmente, pelo órgão, na forma prevista em regulamento.

As remunerações listadas abaixo teve o período de vigência inciado em janeiro de 2019. Confira abaixo as remunerações do concurso BACEN:

Analista

CLASSE PADRÃO ATIVO APOSENTADO
SUBSÍDIO (em R$) SUBSÍDIO (em R$)
( * ) ( ** )
ESPECIAL IV 27.369,67 27.369,67
III 26.609,28 26.609,28
II 26.138,79 26.138,79
I 25.676,60 25.676,60
C III 24.689,04 24.689,04
II 24.204,95 24.204,95
I 23.730,34 23.730,34
B III 23.265,03 23.265,03
II 22.370,22 22.370,22
I 21.931,59 21.931,59
A III 21.501,57 21.501,57
II 21.079,97 21.079,97
I 19.197,06 19.197,06

 

Técnico

CLASSE PADRÃO ATIVO APOSENTADO
SUBSÍDIO (em R$) SUBSÍDIO (em R$)
( * ) ( ** )
ESPECIAL IV 12.514,58 12.514,58
III 11.938,91 11.938,91
II 11.579,94 11.579,94
I 11.231,75 11.231,75
C III 10.546,24 10.546,24
II 10.229,14 10.229,14
I 9.921,56 9.921,56
B III 9.035,92 9.035,92
II 8.764,23 8.764,23
I 8.500,71 8.500,71
A III 7.741,88 7.741,88
II 7.509,10 7.509,10
I 7.283,31 7.283,31

Procurador

CATEGORIA ATIVO APOSENTADO
SUBSÍDIO (em R$) SUBSÍDIO (em R$)
( * ) ( ** )
Especial 27.303,70 27.303,70
Primeira 24.146,60 24.146,60
Segunda 21.014,49 21.014,49

Benefícios

Os servidores contam ainda auxílio alimentação. Servidores que têm filhos podem solicitar o auxílio-creche. 

 

Concurso Bacen: cargos e vagas

O déficit de servidores do Banco Central do Brasil (concurso Bacen) cresce a cada dia. Sem concurso válido, o órgão tem atualmente 2.928 cargos vagos, os dados referentes ao mês de janeiro de 2021.

Quadro de pessoal do BC
Analista Procurador Técnico Total
Previsto na Lei nº 9.650 5.309 300 861 6.470
Cargos ocupados 2.925 164 453 3.542
Cargos vagos 2.384 136 408 2.928

 

Concurso Bacen: lotação

Os servidores do Banco Central podem ser lotados em 10 municípios diferentes. De acordo com dados do Banco Central do Brasil referentes ao mês de janeiro de 2021, 42,5% dos servidores trabalham em Brasília. O menor percentual de servidores do Bacen estão lotados em Belém. Apenas 1,3% dos servidores atuam na cidade.

Além de Brasília e Belém, os aprovados no concurso BACEN podem trabalhar em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Recife, Fortaleza e Salvador. Confira no gráfico abaixo a distribuição dos 3.526 servidores pelas regionais:

Concurso BACEN: lotação dos servidores/ Reprodução site BACEN

Concurso BACEN: lotação dos servidores/ Reprodução site BACEN

Concurso Bacen: carreira

Veja logo abaixo os requisitos e atribuições dos cxargos que poderão ser ofertados no próximo concurso BACEN:

  • Analista do Banco Central do Brasil

Áreas de Conhecimento Área 1 – Análise e Desenvolvimento de Sistemas
Área 2 – Suporte à Infraestrutura de Tecnologia da Informação
Áreas de Conhecimento Área 3 – Política Econômica e Monetária
Área 4 – Contabilidade e Finanças
Área 5 – Infraestrutura e Logística
Área 6 – Gestão e Análise Processual

Requisitos: independentemente da área, é necessário diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior, em qualquer área, fornecido por instituição de ensino superior autorizada ou credenciada pelo Ministério da Educação (MEC)

Atribuições: ao cargo de Analista do Banco Central do Brasil correspondem as atribuições previstas no artigo 3º da Lei nº 9.650, de 1998, a seguir especificadas: I – formulação, execução, acompanhamento e controle de planos, programas e projetos relativos a: a) gestão das reservas internacionais; b) políticas monetária, cambial e creditícia; c) emissão de moeda e papel-moeda; d) gestão de instituições financeiras sob regimes especiais; e) desenvolvimento organizacional; e f) gestão da informação e do conhecimento. II – gestão do sistema de metas para a inflação, do sistema de pagamentos brasileiro e dos serviços do meio circulante. III – monitoramento do passivo externo e a proposição das intervenções necessárias, e outras.

  • Técnico do Banco Central do Brasil

Áreas de Conhecimento Área 1 – Suporte Técnico-Administrativo
Área 2 – Segurança Institucional

Requisitos: independentemente da área, é necessário certificado, devidamente registrado, de conclusão de nível médio completo, fornecido por instituição de ensino reconhecida oficialmente pelo órgão competente.

Atribuições: ao cargo de Técnico do Banco Central do Brasil correspondem as atribuições previstas no artigo 5º da Lei nº 9.650, de 1998, a seguir especificadas: I – desenvolvimento de atividades técnicas e administrativas complementares às atribuições dos Analistas e Procuradores do Banco Central do Brasil. II – apoio técnico-administrativo aos Analistas e Procuradores do Banco Central do Brasil no que se refere ao desenvolvimento de suas atividades, e outras.

  • Procurador do Banco Central do Brasil

Requisitos: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior de bacharelado em Direito, fornecido por instituição de ensino superior credenciada pelo Ministério da Educação (MEC), inscrição na OAB e comprovação de, no mínimo, dois anos de prática forense.

Atribuições: ao cargo de Procurador do Banco Central do Brasil correspondem as atribuições previstas na legislação pertinente, em especial aquelas de que trata o art. 4º da Lei nº 9.650, de 27 de maio de 1998, quais sejam: I – a representação judicial e extrajudicial do Banco Central do Brasil; II – as atividades de consultoria e assessoramento jurídicos ao Banco Central do Brasil; III – a apuração da liquidez e certeza dos créditos, de qualquer natureza, inerentes às suas atividades, inscrevendo-os em dívida ativa, para fins de cobrança amigável ou judicial; e IV – a assistência aos administradores do Banco Central do Brasil no controle interno da legalidade dos atos a serem por eles praticados ou já efetivados.

Concurso Bacen: o que é?

O Banco Central do Brasil (BACEN) foi criado pela Lei 4.595, de 31 de dezembro de 1964. A unidade sede fica em Brasília, capital do País, o BACEN ainda tem representações nas capitais dos Estados do Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Ceará e Pará. O ingresso é por meio de concursos públicos.

São atribuições do Bacen:

  • Emitir papel-moeda e moeda metálica;
  • Executar os serviços do meio circulante;
  • Receber recolhimentos compulsórios e voluntários das instituições financeiras e bancárias;
  • Realizar operações de redesconto e empréstimo às instituições financeiras;
  • Regular a execução dos serviços de compensação de cheques e outros papéis;
  • Efetuar operações de compra e venda de títulos públicos federais; – exercer o controle de crédito;
  • Exercer a fiscalização das instituições financeiras; – autorizar o funcionamento das instituições financeiras;
  • Estabelecer as condições para o exercício de quaisquer cargos de direção nas instituições financeiras;
  • Vigiar a interferência de outras empresas nos mercados financeiros e de capitais; e
  • Controlar o fluxo de capitais estrangeiros no país.

Últimos concurso Bacen

O último concurso Bacen, publicado em 2013, foi dividido na primeira e segunda etapa. Sendo a primeira destinada para as provas objetivas e discursivas, a avaliação discursiva foi aplicada apenas para candidatos ao cargo de analista.

Já a segunda etapa foi aplicada para todos os cargos e consistiu na aplicação do programa de capacitação, essa fase foi eliminatória e classificatória.

Analista

Etapa Prova/tipo Área de conhecimento Número de
itens
Caráter
Primeira Etapa (P1) Objetiva Conhecimentos Básicos 50 Eliminatório
e Classificatório
(P2) Objetiva Conhecimentos Específicos 70
(P3) Discursiva 50
Avaliação de títulos Classificatório
Segunda Etapa Programa de
Capacitação
Eliminatório e
Classificatório

Etapa Prova/tipo Área de conhecimento Número de
itens
Caráter
Primeira Etapa (P1) Objetiva Conhecimentos Básicos 60 Eliminatório
(P2) Objetiva Conhecimentos Específicos 60
(P3) Discursiva
Segunda Etapa Programa de
Capacitação
Eliminatório
e Classificatório
Segunda Etapa Programa de
Capacitação
Eliminatório e
Classificatório

Prova objetiva

As provas objetivas para o cargo de Analista teve a duração de 3 horas e 30 minutos. Já as provas objetivas e as provas discursivas para o cargo de Técnico teve a duração de 4 horas e 30 minutos.

Prova discursiva

As provas discursivas do concurso BACEN para o cargo de Analista teve a duração de 4 horas e foi aplicada no período vespertino. Conforme mencionado acima, a etapa discursiva para o cargo de Técnico foi aplicada no mesmo período da prova objetiva.

Programa de capacitação

Conforme o último concurso Bacen, o programa de capacitação teve a carga horária de 120h em tempo integral. Ao longo do programa de capacitação, os candidatos receberam auxílio financeiro e foram avaliados ao fim do programa por meio de prova.

Concorrência

Sempre muito disputados, o concurso BACEN para os cargos de técnico, analista e procurador  atraem muitos candidatos. Veja abaixo a relação de inscritos nos dois últimos concursos:

Concurso BACEN 2013 (Cespe/UnB): oferecendo 500 vagas de técnico e analista, concurso do Banco Central registrou o total de 89.052 inscritos. A concorrência geral foi de 178 candidatos por vaga. Para o cargo de técnico, a disputa foi mais acirrada, pois houve 478 pessoas disputando cada uma das 100 vagas (total de 47.800). Para o cargo de analista, que ofereceu 400 vagas, a concorrência geral foi de 103 pessoas por vaga (total de 41.200).

Para o cargo de técnico, a concorrência do concurso Bacen de 2013 foi maior na área 1 (suporte técnico-administrativo): 524 pessoas para 78 vagas. Na área 2 (segurança institucional), que ofereceu 22 vagas, a concorrência foi de 311 pessoas por vaga. Para o cargo de analista, a área 1 (análise e desenvolvimento de sistemas) foi a mais disputada, com 221 pessoas concorrendo a 15 vagas. A área 4 (contabilidade e finanças) foi a que registrou menor concorrência, com 63 candidatos para 117 vagas.

Já para procurador, foram ofertadas 15 vagas e houve a participação de 5.349 inscritos (356,60 candidatos por vaga).

Concurso BACEN 2009 (Fundação Cesgranrio): a concorrência foi alta e maior que a do concurso de 2013. Foram 244.401 candidatos inscritos. Do total, 54.747 concorreram ao cargo de analista e 189.654 disputara uma das vagas de técnico. O concurso ofereceu 500 vagas, sendo 350 para o cargo de analista e 150 para técnico. Veja abaixo a relação completa de inscritos no concurso de 2009.

Taxa de candidatos por vaga do concurso Bacen de 2009.

Taxa de candidatos por vaga do concurso Bacen de 2009.

2009 – Procurador (Cespe/UnB):

Taxa de candidatos por vaga do concurso Bacen para procurador de 2009.

Taxa de candidatos por vaga do concurso Bacen para procurador de 2009.

Histórico de nomeações do concurso BACEN

O concurso sempre nomeia um grande quantitativo de candidatos aprovados. Trazemos mais uma vez como base os dois últimos editais (2012 e 2007).

2013: Oferecendo 500 vagas em edital, foram convocados mais de 621 candidatos, sendo a maioria para o posto de analista, seguido do posto de técnico. Já para procurador todas as 15 vagas do edital foram preenchidas, além de adicionais.

2009: Oferecendo também 500 vagas em edital, foram mais de 630 nomeações para técnicos, analistas e procuradores. Os três concursos já nomearam todos os aprovados em relação às vagas oferecidas nos editais – 350 para analista, 150 de técnico e 20 de procurador, além de mais 83 para analista, 37 para técnico e 10 para procurador, todas adicionais.

Concurso BACEN: material gratuito

Análise do pré-edital

Candidatos que querem se preparar com antecedência podem assistir a análise do pré-edital com os especialistas do Gran Cursos Online, não perca!

Resumo do Concurso BACEN

Concurso BACEN Banco Central do Brasil 
Banca organizadora A definir
Cargos Técnico; Analista; Procurador
Escolaridade Níveis médio e superior
Carreiras Bancária
Lotação Nacional
Número de vagas 245 solicitadas
Remuneração iniciais de R$ 7.283,31até R$ 21.014,49
Situação novo pedido encaminhado ao ME
Clique aqui para ver o último edital do BACEN

Quer conquistar a sua aprovação no concurso BACEN?

Prepare-se com quem mais entende do assunto!

COMECE A ESTUDAR NO GRAN

Notícias Recomendadas

Concursos Abertos: lista ATUALIZADA! Até R$3...

Thais Souza 23 de Junho

Concursos 2021: mais de 54 mil oportunidades!...

Fellype Sales Há 20 horas

Concursos Bancários 2021
Concursos Bancários 2021: saiba detalhes dos...

Jaqueliny Botelho 22 de Junho

Depoimentos relacionados

Isabela Vitti
1º lugar - Auditor do TCDF

Isabela Vitti Vieira Borges nasceu e reside em Brasília/DF, cidade onde viu se concretizar o grande sonho de ser aprovada…

Eduardo Ghellere
5º lugar - Escrivão da Polícia Federal

Eduardo Ghellere Olivo estudou por oito meses e meio para o concurso PF. Seus estudos começaram após vender a participação…

Gilson José
Escrivão da Polícia Civil do Rio Grande do Sul

Em busca de estabilidade e de melhores salários para dar uma melhor condição de vida para a família, Gilson José…

Emili Rietta
Polícia Rodoviária Federal

O desejo de fazer a diferença, inspirou a nossa aluna Emili Barro Rietta a fazer concursos públicos. Além desse desejo…

Eduardo de Sousa Menezes
Papiloscopista da Polícia Federal

Eduardo Sousa de Menezes foi aprovado na primeira etapa do Concurso PF para o cargo de papiloscopista e agora está…

Pedro Higor Faustino
Agente da Polícia Federal

Pedro Higor Faustino é natural de Juazeiro/BA, mas reside desde pequeno em Brasília/DF, onde mais tarde começaria a sonhar com…

Gabriel Evangelista
Escrivão da Polícia Federal

Nosso aluno Gabriel, aprovado no concurso PF, disse não ter acreditado quando viu seu nome na lista de aprovados, a…

Daniele Laís
5º lugar - IBGE

Daniele Laís saiu de seu emprego no SENAC DF aproveitando um momento de mudança no seu cargo, hoje extinto, e…

Avatar

Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online
0

18


Comentários (18)

Avatar AUGUSTO BITTENCOURT 12 de Julho de 2017

Bom Dia!.Este Concurso e p este ano ou 2018?

 Responder

Avatar joao paulo 5 de Junho de 2017

edital verticalizado tecnico area 2.

 Responder

Avatar Ricardo Miranda 6 de Setembro de 2016

Essa lei é resultado do projeto de reestruturação das carreiras do Bacen que passaria os cargos de técnico – nível médio – para nível superior? Ou aquele projeito de lei ainda está tramitando no Congresso?

 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *