Concurso TRT 24 vigente até agosto de 2022! Confira

Concurso do TRT 24 ofertou uma vaga imediata, além da formação de cadastro de reserva

Avatar


19 de Julho 4 min. de leitura

O Concurso TRT 24, com edital publicado em 2017, teve sua validade prorrogada até agosto de 2022 de acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União (confira aqui).

O certame, organizado pela FCC, ofertou uma vaga imediata para o cargo de Oficial de Justiça, além da formação de cadastro de reserva para esta e outras onze especialidades para ingresso no Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região.

Navegue pelo índice abaixo e saiba mais sobre o concurso TRT 24:

Concurso TRT 24: cargos vagos

Os últimos dados foram atualizados pelo portal da transparência do órgão em agosto de 2020, conforme regras do Conselho Nacional de Justiça a todos os tribunais do país.

Confira abaixo o quantitativo de cargos vagos entre Analistas e Técnicos:

  • Analista: 20 cargos vagos
  • Técnico: 41 cargos vagos

Concurso TRT 24: remuneração e benefícios

É bom salientar que todos os tribunais trabalhistas possuem a mesma remuneração, independentemente da sua região ou localização. O último reajuste foi realizado em janeiro de 2019, com valores iniciais de R$ 4.428,30 e de R$ 7.265,59 para nível superior.

Além disso, existem outras gratificações a depender do cargo exercido, além de auxílio-alimentação e assistência pré-escolar.

  • Atividade de Segurança (GAS): R$ 1.107,07.
  • Oficiais de Justiça (GAE): R$ 1.813,10.
  • Auxílio-alimentação: R$ 910,08
  • Assistência pré-escolar: R$ 719,62
  • Assistência médica e odontológica: R$ 215,00
  • Auxílio-transporte
  • Exames periódicos
  • Adicional de Qualificação

Concurso TRT 24: carreira

O último edital ofertou vagas para a Analista Judiciário e Técnico Judiciário.

Confira abaixo os cargos ofertados e os requisitos de escolaridade exigidos para cara uma das atividades:

  • Analista Judiciário – Área Administrativa: Nível superior em qualquer escolaridade
  • Analista Judiciário – Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal: Nível Superior em Direito
  • Analista Judiciário – Área Judiciária: Nível superior em Direito.
  • Analista Judiciário – Especialidade Contabilidade: Nível superior em Contabilidade
  • Analista Judiciário – Especialidade Biblioteconomia: Nível superior em Biblioteconomia
  • Analista Judiciário – Especialidade Engenharia: Nível superior em Engenharia Civil, Mecânica ou Elétrica
  • Analista Judiciário – Especialidade Medicina: Nível superior em Medicina
  • Analista Judiciário – Especialidade Tecnologia da Informação: Nível superior em Informática ou em qualquer outro curso, desde que acrescido uma Pós-Graduação em Informática.
  • Técnico Judiciário – Área Administrativa: Nível médio ou técnico equivalente
  • Técnico Judiciário – Especialidade Enfermagem: Nível médio acrescido de curso técnico de enfermagem com, no mínimo, 120 horas/aula e Registro no CRE
  • Técnico Judiciário – Especialidade Tecnologia da Informação: Nível médio acrescido de curso de programação com, no mínimo, 120 horas/aula, ou curso técnico na área de informática.
  • Técnico Judiciário – Especialidade Tecnologia da Informação: Nível médio e carteira de habilitação D ou E.

Confira abaixo outros requisitos comuns a todos os cargos:

  • Ser brasileiro nato ou naturalizado, ou português em condição de igualdade de direitos com os brasileiros, na forma do artigo 12, § 1º, da Constituição Federal;
  • Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos;
  • Estar em dia com as obrigações eleitorais;
  • Estar em dia com os deveres do Serviço Militar, para os candidatos do sexo masculino;
  • Encontrar-se no pleno gozo dos direitos políticos;
  • Não estar incompatibilizado para nova investidura em cargo público federal, nos termos dispostos no artigo 137 da Lei Federal nº 8.112/90;
  • Possuir os documentos comprobatórios da escolaridade;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do Cargo/ Área/ Especialidade, conforme artigo 14, parágrafo único, da Lei Federal nº 8.112/90.

Concurso TRT 24: etapas de provas

No Concurso de 2017, foram somente duas etapas, a saber:

  • Prova Objetiva (Eliminatório e classificatório);
  • Prova Discursiva (Eliminatório e Classificatório) – Exceto para os cargos de nível médio;
  • Prova de Capacidade Física (Eliminatório e Classificatório) – Somente para Técnico Judiciário – Especialidade Segurança.

Concurso TRT 24: provas objetivas

Em ambos os casos, as provas objetivas, estudos de caso ou discursivas foram organizadas pela Fundação Carlos Chagas, com um total de 60 questões em cada uma das disciplinas, sendo:

  • 20 questões de conhecimentos gerais – Peso 1
  • 40 questões de conhecimentos específicos – Peso 3

As provas para os cargos de nível médio aconteceram no período da manhã, com três horas de duração, no dia 26 de março de 2017. No mesmo dia, à tarde, foram aplicadas as provas de nível superior, com quatro horas de duração.

Já a prova prática de capacidade física para o cargo de Técnico Judiciário – Especialidade Segurança, aconteceram em Campo Grande no dia 30 de julho de 2017.

Concurso TRT 24: prova discursiva e estudo de caso

As provas escritas foram aplicadas somente para cargos de nível superior. Para os cargos de Analistas Judiciário – Áreas Administrativa, Oficial de Justiça e Judiciária, foram provas discursivas, valendo 100 pontos.

Já para os demais cargos de nível superior, para as especialidades de Contabilidade, Biblioteconomia, Engenharia, Medicina e Tecnologia da Informação, os candidatos foram avaliados em um Estudo de Caso, também com pontuação máxima de 100 pontos.

Todos os candidatos com deficiência habilitados no Concurso TRT 24 tiveram suas provas corrigidas.

Tiveram suas provas corrigidas o seguinte quantitativo de candidatos:

  • Analista Judiciário – Área Administrativa – 48 provas (geral) e 12 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – Oficial de Justiça – 192 provas (geral) e 48 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – Área Judiciária – 288 provas (geral) e 72 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – Contabilidade – 48 provas (geral) 12 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – Biblioteconomia – 48 provas (geral) 12 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – Engenharia – 48 provas (geral) 12 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – Medicina – 48 provas (geral) 12 provas (cota negros)
  • Analista Judiciário – TI – 98 provas (geral) 24 provas (cota negros)

Concurso TRT 24: prova de capacidade física

A prova de capacidade física foi apenas para o cargo de Técnico Judiciário – Especialidade Segurança. Foram habilitados um total de 48 candidatos da ampla concorrência e 12 candidatos que se inscreveram na cota de negros, além de todos os candidatos com deficiência aprovados na prova objetiva.

Confira abaixo os testes físicos cobrados:

  • Teste Abdominal

trt 24

  • Teste de Flexo-Extensão de Braço

  • Teste de Sentar e Alcançar, com Banco

  • Teste de Corrida

Tradição de nomeação do concurso TRT 24

O último concurso TRT MS aconteceu em 2010 e expirou em 17 de junho de 2015. Foram oferecidas 31 vagas mais, formação de cadastro de reserva no cargo de Analista Judiciário (áreas Administrativa, Apoio Especializado e Área Judiciária) e 16 vagas imediatas mais, formação de cadastro de reserva no cargo de Técnico Judiciário (áreas Administrativa e Apoio Especializado). O número de servidores convocados para tomar posse foi MUITO maior, como pode ser visto a seguir:

  • Analista Judiciário – Área Judiciária – 87 convocados
  • Analista Judiciário – Área Administrativa – 5 convocados
  • Analista Judiciário – Execução de Mandados – 36 convocados
  • Analista Judiciário – Tecnologia da Informação – 11 convocados
  • Técnico Judiciário – Área Administrativa – 123 convocados
  • Técnico Judiciário – Tecnologia da Informação – 3 convocados

Confira a análise detalhada do edital TRT 24: 

Histórico do concurso TRT 24

O trajeto inicial para o concurso TRT 24 tomou forma com a comissão responsável pelo processo de elaboração e acompanhamento do concurso instituída ainda em setembro de 2016. A portaria interna foi assinada por Nery Sá e Silva de Azambuja.

O Tribunal Pleno se reuniu no dia 2 de dezembro para aprovar os termos do edital e definir sua largada. Este Tribunal é composto por todos os integrantes de segunda instância do Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região e é responsável pela criação e extinção de cargos dentro do TRT MS, assim como, pela deliberação sobre a realização de concursos para juízes substitutos, para o quadro de pessoal e, finalmente, é o órgão responsável pela aprovação final dos concursados.

 

 

Resumo do concurso TRT 24

concurso TRT 24 Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região
Situação do concurso válido
Banca organizadora Fundação Carlos Chagas – FCC
Cargos Analista e Técnico Judiciário
Escolaridade Níveis médio e superior
Carreiras Administrativa, judiciária e outras
Lotação Mato Grosso do Sul
Número de vagas 61 cargos vagos
Remuneração Iniciais de R$ 4.428,30 e de R$ 7.265,59
Inscrições A definir
Taxa de inscrição A definir
Data da prova objetiva A definir
Link do edital Clique AQUI para fazer o download do edital TRT 24

 


Quer ficar por dentro dos concursos públicos abertos e previstos pelo Brasil? Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2021

Receba gratuitamente no seu celular as novidades do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

TELEGRAM

Quer conquistar a sua aprovação em concursos públicos?

Prepare-se com quem mais entende do assunto!

Comece a estudar no Gran Cursos

Depoimentos relacionados

Qual é o seu grande objetivo de vida? Para Raul Marcelo da Silva o foco estava em ingressar na carreira…

Natural da cidade de Poço Verde/ SE, Aialla Suelem Andrade de Souza escolheu a carreira pública não só pela estabilidade…

Dedicando-se ao estudos por cerca de 3 anos, José Roberto Ferreira conquistou não apenas a aprovação no Concurso BRB para…

Ygor Bruno Silva é de Caruaru, cidade localizada no estado de Pernambuco, e foi aprovado, em 2º lugar, na Residência…

A estabilidade que a carreira pública proporciona foi o grande atrativo que Weberti Silva teve para começar a estudar para…

A estabilidade profissional e financeira foi o que levou Pedro J. a buscar com tanto afinco a carreira pública e…

O sonho de ser policial desde criança, fez com que Maria C. firmasse um compromisso de estudos diariamente desde 2018…

Em busca de estabilidade e para dar um futuro melhor para esposa e filha, Regis B. estudou bastante para ser…

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online

1


Tudo que sabemos sobre:

Válido


Comentários (1)

Avatar Suelem Menezes 12 de Dezembro de 2016

Como faço pra adquirir esse curso de forma parcelada em meu cartão? De preferência em 10 vezes rsrs…
Um amigo me indicou o blog de vocês como o melhor para quem vai iniciar do zero como eu.

 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *