Coaching para Concursos

PRF – Qual estado escolher?

Fala, operacional!

Blz?

Pronto para integrar o quadro da Papa Romeu Fox (PRF)?

O Edital foi publicado. Alguns vibraram com a notícia. Outros queriam um pouco mais de tempo para estudar. A realidade é que esta é a hora! Nessa reta final, todos os seus dias devem ser dedicados ao concurso. Uma preparação firme e sólida certamente o levará até a aprovação. Mas, nesse momento, vários candidatos estão se questionando: eu devo concorrer em qual estado? Bom, partindo desse questionamento que tenho recebido de diversos alunos é que eu decidi escrever este artigo para vocês.

No último concurso, foram ofertadas 1.000 (mil) vagas e 109.769 se inscreveram, o que resultou em 109,77 candidatos por vaga. Teve a redação corrigida quem obteve 69 pontos líquidos. Para as provas marcadas para o dia 03 de fevereiro, eu acredito que a nota seja mais alta. Diferente do último certame, no qual o candidato concorria em uma única lista, agora o candidato terá de optar, no momento da inscrição, pelo estado no qual pretende concorrer a uma das vagas.

Há quem leve em consideração a quantidade de vagas ofertadas. Alguns candidatos preferem optar por concorrer nos estados com o maior número de vagas, acreditando que, dessa forma, terão maiores chances de serem aprovados. Outros preferem o fator localização. Isso mesmo! A proximidade de familiares e amigos pesa muito nesse momento. Também já vi candidato fazendo a sua escolha baseado na vontade de morar em determinado estado, pois está enxergando, no concurso da PRF, uma oportunidade de novos ares para viver.

É importante você saber que as fases do certame ocorrerão no local que você está escolhendo. Ou seja, você terá que fazer algumas viagens nesse período. Pondere valores de passagens, duração da viagem, hospedagem, alimentação e outros gastos que certamente surgirão.

Sugiro que você também reflita sobre o seu estado emocional. Sendo aprovado, você está apto para fazer as malas e viver naquele lugar que você está escolhendo? Se a resposta for positiva, vá e vença! Se não for, pondere escolher outro local. Antes que eu me esqueça, há possibilidade de remoção, entretanto, alguns anos de serviço naquele local são certos. Apenas para ilustrar essa situação, eu conversei com dois amigos da PRF. Ambos foram lotados em estados do Norte no início da carreira. Ambos residiam no Distrito Federal. Um demorou quase 5 (cinco) anos para retornar ao DF e outro mudou completamente os seus planos. A ideia inicial era retornar, mas ele acabou gostando da cidade e decidiu morar lá.

Se você perguntasse a minha opinião sobre o local que terá menos inscritos, eu arriscaria dizer que será algum estado do Norte. Por ser uma região mais afastada, pouco urbanizada, com passagens mais caras, essa seria a minha aposta.

Apresentadas tantas possibilidades, eu posso afirmar que não existe uma resposta exata. A escolha é muito pessoal e de caráter individual. Só você pode dizer qual a sua real necessidade. Aquilo que vale para um pode não valer para o outro.

Antes de terminar, eu gostaria de falar sobre a principal escolha: você quer ser Policial Rodoviário Federal? Antes de se preocupar com o estado em que você irá concorrer a uma das vagas, responda a essa pergunta. Digo isso porque, para ser policial, é preciso mais que apenas ser servidor público, é necessário ter vocação!

Um grande abraço e bons estudos!

VÁ E VENÇA!

Marco Soares – Especialista em Direito Público e Docência do Ensino Superior. Bacharel em Direito pela Universidade Católica de Brasília. Aprovado em diversos concursos, possui ampla experiência como docente, principalmente na preparação de candidatos a cargos públicos. Já foi membro da Ordem dos Advogados do Brasil e advogado-colaborador da Defensoria Pública do Distrito Federal. Autor do livro “LEI ORGÂNICA DO DF PARA CONCURSOS”.


Estudando para concursos públicos? Prepare-se com quem tem tradição de aprovação e anos de experiência em concursos públicos. Cursos online com início imediato, visualizações ilimitadas e parcelamento em até 12x sem juros!

Para o Topo