Networking ou network: o que é, importância e como fazer?

Entenda a diferença entre network e networking e como esses termos podem ajudar na sua carreira!

Avatar


20 de fevereiro7 min. de leitura

Ter uma boa rede de relacionamentos profissionais, o chamado networking, é uma excelente forma de conseguir boas oportunidades para sua carreira. 

Por isso, vale a pena ler o texto a seguir para entender melhor o que é e como fazer seu networking. Então, vamos lá, se preferir, navegue pelo índice abaixo:

Tem dúvidas sobre como começar uma faculdade? Baixe gratuitamente o nosso Guia da Graduação!

Enfrentar novos desafios por vezes vem acompanhado de muitas dúvidas, e é por isso que a equipe da Gran Faculdade preparou um material completo e gratuito que vai te ajudar a compreender melhor como funciona uma Graduação.

No e-book que criamos para você, respondemos perguntas como:

  • O que é Graduação?
  • Quais os tipos de Graduação?
  • Como escolher meu curso de Graduação?
  • Como começar uma Graduação?

Além de te dar estas respostas, também te explicamos de forma simplificada outras questões relacionadas ao universo acadêmico. Não deixe de conferir!

Para receber o material gratuitamente, basta preencher o formulário abaixo:

Network ou networking?

Traduzindo do inglês, a palavra Network pode ser traduzida literalmente como uma rede de trabalho e é mais utilizada para falar sobre conexões de redes e sistemas. 

Apesar da semelhança entre network e networking, no inglês, o sufixo -ing (adicionado ao fim da palavra) indica uma ação. 

Assim, o termo Networking pode ser entendido como a ação de estabelecer conexões de trabalho. Nesse caso, a palavra está relacionada aos relacionamentos profissionais e a estabelecer contatos entre pessoas no mercado de trabalho. 

O que é networking e quando surgiu?

Como vimos, o termo Networking vem do inglês e é utilizado para denominar uma rede de contatos (net) trabalhando (working).

Apesar do conceito ter surgido pela primeira vez nos anos 90, a ação de networking já acontecia bem antes disso. 

Com o networking, é possível conseguir, por meio da interação com seus contatos, indicação para um novo emprego, ter seu trabalho/perfil profissional recomendado, conquistar novos clientes e até ser considerado para promoções no seu cargo atual. 

A grande diferença entre a rede de contatos que existia antes e o Networking atual diz respeito aos meios e facilidades que dispomos para realizá-lo. 

Enquanto em tempos passados o networking precisava ser limitado a reuniões presenciais e cartões de visita, hoje é potencializado também pela utilização de meios de comunicação eletrônicos e pelas redes sociais, especialmente as profissionais.

Para que o Networking seja bem realizado, é preciso estabelecer conexões de maneira cordial e respeitosa. 

Também é preciso compreender que as relações da sua carteira de contatos podem variar em grau de proximidade e nem todas as pessoas dessa rede irão contribuir da mesma maneira para sua carreira profissional.

Ainda assim, todas as relações estabelecidas são benéficas e possibilitam a criação de uma via de mão dupla. Ou seja, você é ajudado(a) e pode ajudar os seus contatos. 

Dessa forma, todos são capazes de crescer e prosperar profissionalmente.

Para que serve o networking?

O networking permite que você tenha uma rede de contatos profissionais que podem te ajudar a ter:

  • Mais conexões com potenciais parcerias e oportunidades de desenvolvimento de carreira: clientes, serviços, cursos, palestras, etc.;
  • Acesso a mais oportunidades de emprego, especialmente com indicações que podem destacar você no processo seletivo;
  • Ampliar o repertório de conhecimento multidisciplinar;
  • Descobrir inovações e tendências de mercado;
  • Mais pessoas com uma visão positiva sobre você, especialmente no ponto de vista profissional. 

Qual a importância do networking?

A importância do networking está principalmente nas diversas possibilidades que uma boa gestão da rede de contatos profissionais pode trazer para sua carreira. 

O Networking beneficia todos os tipos de profissionais envolvidos no mercado de trabalho, sejam eles trabalhadores formais ou informais, empreendedores, consultores, funcionários públicos, gestores, etc. 

Afinal, pode possibilitar:

  • Maior velocidade na sua colocação ou recolocação profissional: sua rede de contatos conhece você e o seu trabalho. Assim, pode recomendá-lo para novas oportunidades profissionais;
  • Aumento da carteira de clientes: a recomendação direta do seu trabalho é uma das principais táticas para aumentar sua carteira de clientes. Afinal, a indicação ainda é um elemento muito forte na tomada de decisão para a maioria das pessoas. A influência é ainda maior quando se trata de alguém que já confiamos;
  • Aprendizado: existe muito valor em compartilhar experiências com profissionais mais experientes que você. Você pode descobrir novas maneiras de executar tarefas, atualizar seus conhecimentos e até mesmo obter dicas exclusivas sobre como atingir melhores resultados;
  • Recrutamento de profissionais capacitados/parcerias: quando se está inserido no meio de networking da sua área, fica mais fácil identificar possíveis parceiros e colaboradores para a sua empresa ou para a realização de projetos. Dessa forma, você tem mais chances de colher resultados positivos no processo;
  • Promoções: a capacidade de se relacionar de maneira cordial e positiva no meio profissional é, sem dúvida, uma característica essencial para grandes líderes. Ao demonstrar esse elemento, você pode ser considerado(a) para assumir projetos maiores. Ademais, também é mais simples confiar em uma pessoa quando se conhece de maneira mais próxima o trabalho dela.

Ou seja, você cria um espaço para troca de experiências, conhecimentos, oportunidades e desenvolvimento com pessoas dentro do mercado de trabalho. Com isso, pode abrir portas para seu crescimento profissional e pessoal. 

Como fazer networking?

Algumas habilidades interpessoais que vale a pena desenvolver para um bom networking são: comunicação, negociação, gestão de conflitos, proatividade e escuta ativa.

Mas agora que você já sabe o que é networking e a sua importância, que tal colocar em prática e começar o seu? Confira dicas práticas para isso a seguir:

Compareça a eventos corporativos da sua área

Aproveite sempre as oportunidades de entrar em contato com as pessoas que trabalham com você ou na mesma área que você. 

Com a implantação cada vez maior do modelo de trabalho remoto e home office, muitos desses eventos já estão sendo realizados de maneira digital.

Busque eventos profissionais, workshops, cursos ou outras atividades que reúnam pessoas de diversos contextos diferentes em que você tem interesse. Essas oportunidades costumam ser divulgadas em plataformas de eventos ou redes sociais de cunho profissional, como é o caso do LinkedIn, por exemplo.

Faça networking na sua empresa! 

Um ponto importante quando falamos de Networking dentro da própria empresa é não restringir sua rede de contatos ao seu setor, ampliando-a sempre que possível. 

Seja sempre cordial e respeitoso(a), não importando o nível hierárquico de cada função. Afinal, todas as pessoas que trabalham com você (direta ou indiretamente) fazem parte da sua rede de relacionamento profissional. 

Crie conteúdo

Outra maneira de se manter em contato indireto com a sua rede de contatos é por meio da produção de conteúdo: artigos, textos, vídeos ou outras possibilidades relacionadas ao seu trabalho.

Ao acessar o que você compartilhou, sua rede de contatos fica mais próxima de você e ainda pode receber uma “amostra grátis” dos seus conhecimentos e competências. 

Esses conteúdos ainda podem ajudar outras pessoas a resolver problemas que estejam enfrentando. Dessa forma, você se torna, de pouco a pouco, uma referência.

Como resultado, as chances de você ser recomendado ou mesmo convidado(a) a ocupar uma nova posição profissional podem acontecer!

Faça cursos!

Cursos são espaços de aprendizagem com pessoas com objetivos próximos aos seus, por isso, são excelentes para desenvolver seu networking. Afinal, se vocês vão se encontrar no mercado de trabalho, nada melhor do que ter boas relações com essas pessoas. 

Além da interação com outros alunos, você também tem a oportunidade de conversar com professores especialistas, mestres e doutores. Dessa forma, muito além dos conteúdos tradicionais e previstos na grade horária, você também ganhará muito com o compartilhamento de experiências.

Algumas opções de cursos para fazer:

  • Livres: os cursos livres são opções para entender determinados assuntos de forma mais curta, rápida e prática. Ter pessoas desses cursos na sua rede pode te ajudar a estudar em conjunto, debater temas específicos, desenvolver projetos e parcerias, etc.;
  • Idiomas: praticar a conversação é uma das melhores formas de reter o aprendizado, além disso, cursos de idiomas são feitos por pessoas de áreas diversificadas, o que pode também trazer novas oportunidades profissionais;
  • Habilidades, técnicas e ferramentas: assim você desenvolve competências ao mesmo tempo que conhece pessoas em desenvolvimento também. Com isso, ao precisar de alguém com qualidade na área você pode lembrar de um(a) colega ou um(a) colega pode lembrar de você;
  • Graduação e pós-graduação: cursos de nível superior são excelentes espaços para o networking, principalmente pela duração mais longa e o convívio com pessoas e profissionais da sua área profissional de maior interesse. Então, aproveite!

Interaja com seus contatos

De nada vale fazer conexões se você não dedicar algum tempo para desenvolvê-las. É preciso ter uma boa gestão e manutenção do networking sempre que possível. 

É claro que ninguém tem tempo para falar com todas as pessoas que conhece todos os dias, mas comunicar-se com essas pessoas sempre que possível é importante. 

Quer um exemplo? Viu um conteúdo legal que pode interessá-la? Compartilhe! É aniversário dessa pessoa? Mande lembranças! Ações pequenas podem significar muito para a construção de relações duradouras pelo Networking. 

Mantenha sempre em mente também que o objetivo dessa prática não é apenas o seu benefício próprio, mas também o benefício de outras pessoas. Ou seja: ganhos mútuos. 

Por isso, também não vale entrar em contato só quando você precisa de um favor, ok? Isso pode causar uma série de atritos e mal entendidos, o que pode mais atrapalhar do que ajudar sua carreira. 

Como usar as redes sociais para fazer networking?

Antigamente, para manter contato com outras pessoas era preciso encontrá-las pessoalmente. Com o passar do tempo veio a possibilidade de telefonar (e os telefones não eram tão acessíveis quanto são hoje em dia), depois de e-mails e depois começaram as redes sociais.

Com elas, é possível se conectar a pessoas conhecidas ou desconhecidas no mundo inteiro. 

Hoje, é possível usar as redes sociais para seu networking de diferentes formas, por exemplo:

  • Mantendo o contato com pessoas que você já conhece;
  • Participando de grupos e espaços por temas de interesse, que te conectam com novas pessoas;
  • Compartilhando conteúdos para que outras pessoas te encontrem;
  • Acompanhando profissionais de referência;
  • Adquirindo novos conhecimentos e trocando experiências.

Networking durante a faculdade é útil?

Sim, começar seu networking ainda na faculdade é extremamente útil, afinal, seus colegas estarão no mesmo mercado de trabalho que você em um futuro próximo.

Além disso, vale a pena aproveitar os conhecimentos de professores e demais profissionais da área para além da sala de aula. 

Busque conhecer essas pessoas do seu convívio, identificar as áreas de interesse e atuação delas. Mantenha ao menos um meio de contato com as pessoas, seja redes sociais, telefone, e-mail.

Assim, quando receber uma oportunidade ou estiver procurando algo, você terá opções de contatos para oferecer ou recorrer. 

Durante a faculdade, fazer networking pode te ajudar a conquistar estágios ou vagas de emprego, além de trazer aprendizados e crescimento pessoal e profissional para sua jornada. Portanto, aproveite esse momento!

Ainda não está na faculdade e quer começar sua graduação? Conheça a Gran Faculdade!

  • Entrada imediata para você não precisar aguardar o início de um novo semestre letivo para começar a conquistar seu diploma – você se matricula e pode começar o curso no mesmo dia;
  • Faculdade EAD com curso 100% digital que possibilita conciliar a rotina do dia a dia com os estudos;
  • Plataforma simples e intuitiva, assim, você estuda de onde estiver, em qualquer dispositivo;
  • Professores renomados, didáticos e que preparam os alunos para a prática profissional;
  • Mensalidades que cabem no seu bolso para que você possa realizar seus sonhos, com valores fixos ao longo de todo o curso, sem pegadinhas ou letras miúdas;
  • Acessibilidade e ferramentas de inclusão, afinal, aqui, todo mundo pode! E muito mais.

Melhore seu networking com a pós-graduação da Gran Faculdade!

Na Gran Faculdade, você encontra especializações ministradas por especialistas, mestres e doutores! 

Muitos dos profissionais envolvidos também ocupam cargos de destaque na iniciativa pública, permitindo um rico compartilhamento de informações também para quem deseja ser aprovado em concursos públicos!

Apesar de serem ministrados no modelo EAD, os cursos de especialização da Gran também apresentam aulas síncronas periódicas: isto é, ao vivo, permitindo assim que os alunos e professores interajam de maneira ainda mais direta do que os fóruns.

Além de desenvolver seu Networking, conquistar uma pós-graduação da Gran Faculdade também possibilita:

  • A obtenção de diferencial no currículo para o mercado privado de trabalho;
  • Salários comparativamente mais altos;
  • Maior empregabilidade na iniciativa privada;
  • Retribuição por Titulação e/ou Adicional de Qualificação para cargos públicos, resultando em aumentos permanentes na remuneração do servidor público;
  • Solicitação de licença capacitação (também para servidores públicos);
  • Maior probabilidade de ser promovido;
  • A obtenção do título de especialista em determinada área de atuação;
  • Pontuar em Provas de Títulos, aumentando suas chances de nomeação;
  • Trabalhar de maneira especializada;
  • Atualizar seus conhecimentos;
  • Concluir seu curso em período recorde (6 a 18 meses);
  • Conciliação mais simples com outras atividades do dia a dia;
  • Realização de estágio remunerado em órgãos públicos ou empresas do âmbito privado;
  • Estudar simultaneamente para a conquista do título e para os principais concursos públicos da área.

Atualmente, a Gran Faculdade conta com 34 cursos de graduação e mais de 90 cursos de pós-graduação nas áreas:

  • Jurídicas;
  • Policiais e de segurança pública;
  • Educação;
  • Saúde;
  • Finanças;
  • Gestão;
  • Tecnologia;
  • Engenharia.

Conheça os cursos da Gran Cursos Pós-Graduação!


Quer ficar por dentro da Faculdade EAD mais inovadora do Brasil? Então, clique nos links abaixo:

Se preferir, receba gratuitamente no seu celular as principais notícias sobre a Gran Faculdade, clique no link abaixo e inscreva-se no canal:

TELEGRAM

Avatar


20 de fevereiro7 min. de leitura