Segunda graduação: entenda como fazer e se vale a pena!

Se você já é formado em uma faculdade, mas quer se especializar um pouco mais ou mudar de área, a segunda graduação pode ser uma opção, mas será que vale a pena? Como fazer? Quanto tempo dura? Descubra neste artigo!

Avatar


29 de novembro8 min. de leitura

Uma segunda graduação às vezes pode ser uma opção quando, em determinado momento da vida, muitas pessoas se questionem se fizeram as melhores escolhas profissionais ou como aperfeiçoar o desenvolvimento da sua carreira. 

Mas será que vale a pena fazer outra faculdade? Quanto tempo vai durar fazer um novo curso? Acompanhe o artigo para descobrir ou navegue pelo índice:

O que é segunda graduação?

A segunda graduação é qualquer curso de graduação que você faça depois de já ter se formado em outro. Por exemplo, se você já é formado em Administração e depois decide fazer uma faculdade de Ciências Contábeis, ela será sua segunda graduação.

O que significa segunda graduação?

Como o próprio nome sugere, uma segunda graduação é um segundo curso de nível superior bacharelado, tecnólogo ou licenciatura que você cursar.

É possível ter duas graduações?

Sim, é possível ter duas graduações ou mais. O Ministério da Educação (MEC) não limita o número de cursos de graduação que uma pessoa pode fazer. Mas lembre-se de que fazer uma faculdade exige dedicação e tempo.

Como funciona a segunda graduação?

Basicamente, não existe muita diferença na hora de cursar, exceto com relação a maturidade que você vai ter, bem como a sua intenção com o curso e, dependendo da área que escolher, e a compensação de disciplinas. Isso pode fazer com que você tenha um aproveitamento melhor do seu segundo curso.

O que precisa para fazer a segunda graduação?

Para fazer uma segunda graduação basta que o aluno já seja graduado em outro curso de nível superior, tanto tecnólogo, como licenciatura ou bacharelado.

Qual a diferença entre segunda graduação e segunda licenciatura?

Em geral não existe diferença entre segunda graduação e segunda licenciatura. Uma vez que você já tem curso superior e decide fazer uma segunda faculdade, pode optar por ela ser tecnológica, licenciatura ou bacharelado.

Quanto tempo leva para fazer uma segunda graduação?

Se você conseguir o aproveitamento de disciplinas, pode ser que a sua segunda graduação dure um pouco menos do que o comum. Afinal, como você já terá cursado algumas matérias, não precisará fazê-las novamente, logo, vai diminuir o tempo do curso.

É diferente de uma pessoa que está fazendo a primeira graduação e deve cursar todo o currículo. O tempo vai depender de como e se o seu currículo da primeira graduação será aproveitado ou não.

Como saber se a segunda graduação é reconhecida pelo MEC?

Quando uma Instituição de Ensino possui o selo do MEC, ela geralmente aborda o fato em seus canais de comunicação, já que isso é uma grande conquista! Contudo, você também é capaz de checar essas credenciais por meio do endereço eletrônico https://emec.mec.gov.br/.

Confira a página da Gran Faculdade no site do MEC!

Por que fazer uma segunda graduação?

Existem diversos motivos que podem levar uma pessoa a fazer uma segunda graduação, mas os principais são:

Estudos preparatórios

Algumas pessoas optam por começar uma segunda graduação como uma forma de se preparar para provas e exames. É muito comum no Brasil para os estudantes que desejam fazer concurso público e não sabem por onde começar a estudar.

Além disso, muitas pessoas que sonham com determinadas carreiras, resolvem fazer uma segunda graduação como forma de realizar esse sonho. Ou seja, uma pessoa que é formada em nutrição, mas sonha em ser delegado, vai precisar fazer uma segunda faculdade de Direito.

Dessa forma, uma segunda graduação aparece como uma forma de nortear os estudos e ajudar o estudante a se preparar para provas dependendo da área.

Desenvolvimento pessoal

Algumas pessoas também decidem fazer uma segunda graduação buscando desenvolvimento pessoal. Fazer uma graduação é uma forma de te ajudar a desenvolver e trabalhar habilidades pessoais como organização, planejamento e o hábito de estudar.

Aperfeiçoamento e/ou atualização profissional

Outro motivo para fazer uma segunda graduação é o aperfeiçoamento profissional. Hoje em dia o mercado de trabalho está cada vez mais mais diverso e interdisciplinar, ou seja, conversando com diferentes áreas.

Dessa forma, tem se tornado comum que algumas pessoas busquem fazer uma segunda graduação. Tudo como forma de se atualizar e adquirir novas habilidades para o desenvolvimento profissional e alavancar a carreira.

Aumentar as áreas de atuação

Muita gente também tem buscado ampliar o seu campo de atuação. Dessa forma, fazer uma segunda graduação pode te ajudar a adquirir os conhecimentos e habilidades para isso. Seja como uma forma de fazer uma renda extra, como também para complementação profissional, como vimos.

Ampliar visão de mundo e de mercado

Por fim, um outro motivo comum para fazer uma segunda graduação é ampliar e diversificar a visão de mundo. Quando atuamos há muito tempo em uma mesma área, podemos acabar nos acostumando a ver alguns fenômenos da mesma forma. Por isso, uma segunda graduação pode te ajudar a sair da zona de conforto e ver as coisas de forma diferente e até te ajudar a ter ideias mais criativas.

Qual a vantagem de fazer uma segunda graduação?

Agora que você entendeu e avaliou os motivos para fazer uma segunda graduação é preciso levar em conta algumas coisas:

  • Avalie as opções de curso e modalidades;
  • Pesquise os melhores preços;
  • Analise sua disponibilidade de tempo…

Dessa forma, é preciso pensar também o seu momento de vida:

Recomeçar

O primeiro momento é aquele bastante pessoal, em que você está muito desiludido do seu atual momento e deseja mudar completamente de área. Nesse caso, fazer uma segunda graduação pode te ajudar a recomeçar, dessa vez com mais maturidade e dedicação.

Mudança de carreira

Para quem está mudando de carreira, uma segunda graduação também pode ser boa. Diferente de quem deseja recomeçar do zero, aqui a pessoa pode até estar bem profissionalmente, mas deseja mudar de área e começar a ver seu campo de atuação com outros olhares.

Evolução profissional

Quando você sentir que não tem mais pra onde ir na sua carreira, fazer uma segunda graduação pode te ajudar. Dessa forma, você adquire novas habilidades técnicas e também trabalha suas habilidades interpessoais. Conhecimento e inovação sempre são positivos para qualquer pessoa.

Realização pessoal

Muitas pessoas sonhavam com uma faculdade quando jovens, mas por algum motivo nunca conseguiram fazer. Nesse caso, se você tiver disponibilidade, pode ser um bom momento para realizar esse sonho e dedicar um tempo a você.

Segunda graduação precisa de vestibular?

Isso também depende da instituição. Algumas têm processos seletivos específicos para quem deseja fazer uma segunda graduação. Todavia, você pode optar por fazer o vestibular ou usar sua nota do Enem.

Fies para segunda graduação

Você pode usar o Fies para segunda graduação, desde que cumpra com os requisitos do programa:

Para participar do Fies, é preciso ter feito uma edição do Enem (a partir de 2010), tendo obtido média acima de 450 pontos nas provas e nota maior que zero na redação. Além disso:

  • É preciso possuir renda familiar bruta per capita (por pessoa) entre 1 e 3 salários mínimos;
  • Não ter pendências do Fies de processos seletivos anteriores: tanto financeiras, quanto de documentação;
  • Não possuir financiamento ativo pelo Fies;
  • Não estar cursando ensino superior em instituições públicas.

Posso fazer segunda graduação pelo Prouni?

Sim, você pode fazer segunda graduação pelo Prouni desde que se enquadre nas regras do programa. O candidato precisa ter participado de uma das duas edições do Enem mais recentes, cumprir com requisitos de renda familiar bruta e a forma que cursou o ensino médio. 

Saiba todos os detalhes sobre o Prouni

Como aproveitar disciplinas na segunda graduação?

O aproveitamento de disciplinas para uma segunda graduação depende de alguns fatores, mas principalmente das regras da instituição e se há alguma relação entre as matrizes curriculares entre os cursos.

  • Regras da instituição: Algumas faculdades têm regras específicas sobre como aproveitar disciplinas para a segunda graduação.
  • Área de conhecimento: É preciso avaliar se sua primeira e segunda graduação se relacionam de alguma forma. Ou seja, leva-se em conta o seu histórico cursado, a matriz curricular do novo curso e se há matérias similares.

É preciso fazer TCC na segunda graduação?

Depende do curso e da instituição. Alguns cursos, hoje em dia, não tem mais o TCC como obrigatoriedade. Cabe ressaltar que o TCC da primeira graduação não pode ser aproveitado na segunda. Ou seja, se você escolher um curso e faculdade em que o TCC seja obrigatório, vai precisar fazer outro trabalho.

Quem pode fazer segunda graduação?

Pode fazer uma segunda graduação qualquer pessoa que já seja graduada em um curso de ensino superior bacharelado, licenciatura ou tecnólogo.

Quem tem tecnólogo pode fazer segunda graduação?

Sim. O curso tecnólogo é considerado um tipo de graduação, logo, a pessoa formada nesse tipo de curso está apta para fazer ou concorrer a processos seletivos de segunda graduação. Lembre-se que curso tecnólogo é diferente de um curso técnico.

Segunda graduação: onde fazer?

É preciso atenção na hora de escolher a melhor faculdade para fazer sua segunda graduação. Aqui vão algumas dicas:

Avalie o formato do curso

O primeiro ponto é avaliar o formato do curso:

  • É bacharelado, licenciatura ou tecnólogo?
  • Farei um curso EAD ou presencial?

Conheça as ferramentas da faculdade

Avalie também as ferramentas disponíveis pela instituição para otimizar os seus estudos. Aqui na Gran Faculdade, por exemplo, você conta com uma biblioteca 100% digital, materiais em PDF e transcrição das videoaulas. Além disso, você também tem um gerenciador de estudos e uma série de aplicativos para te ajudar nos estudos.

Pesquise a reputação da instituição

Não se esqueça de pesquisar sobre a reputação da instituição. Avalie se ela é reconhecida pelo MEC e qual a nota atribuída pelo órgão à faculdade.

Além disso, é preciso verificar também o que dizem os alunos em sites como Reclame Aqui ou no Google. Por fim, avalie também projetos, prêmios e outros reconhecimentos que a faculdade possa estar envolvida.

A Gran Faculdade, por exemplo:

  • Reconhecido pela Amazon como um dos projetos mais relevantes do mundo na área de Tecnologia e Educação;
  • O Gran venceu o Prêmio Reclame Aqui por cinco anos seguidos na categoria “Educação – pré-vestibulares e concursos”
  • Foi eleito pelo Project Management Institute (PMI), um dos 50 Projetos Mais Influentes do mundo;

Consulte preços e valores

Não se esqueça de pesquisar também o valor das mensalidades para a sua segunda graduação. É comum que muitas faculdades tenham políticas de bolsas e/ou descontos para novos alunos.

Consulte o corpo docente

Por fim, pesquise também sobre o corpo docente da instituição. É preciso garantir que os professores da sua segunda graduação sejam profissionais qualificados e reconhecidos profissionalmente e também no meio acadêmico. Tudo para ter certeza que você terá um ensino de qualidade.

Como conseguir bolsa para segunda graduação?

Para começar uma segunda graduação, é preciso resolver algumas coisas:

Avalie os seus objetivos

O primeiro ponto é avaliar a sua primeira graduação e o seu momento de vida. Ter em mente o que está te levando a fazer uma segunda graduação é importante para você não perder o foco durante o curso e fazê-lo da melhor forma.

Escolha o curso da sua segunda graduação

O próximo ponto é escolher a segunda graduação que você deseja fazer:

  • São cursos da mesma área?
  • Quais são as obrigatoriedades do novo curso?
  • Como é a logística (materiais, turno, presencial, ead…)?

Você pode optar, por exemplo, por fazer uma:

Segunda graduação licenciatura

Caso você tenha interesse na carreira docente, pode optar por fazer uma segunda graduação licenciatura. Confira algumas opções da Gran Faculdade:

Estude as opções de faculdade

Não se esqueça de avaliar bem as instituições de ensino. É preciso fazer um curso de qualidade e em uma faculdade reconhecida pelo MEC. Só assim o seu diploma terá validade e você poderá ser reconhecido profissionalmente.

Reúna os documentos

Por fim, reúna os documentos para matrícula, principalmente um documento de identificação e os seus diploma e histórico do ensino médio e da primeira graduação. Esses são os papéis básicos para inscrição em uma segunda graduação, mas fique atento a todos na hora da matrícula.

Fazer segunda graduação ou pós?

As duas alternativas podem trazer benefícios para sua trajetória profissional: tudo vai depender dos seus objetivos e como você se sente a respeito da sua área de atuação. Veja:

Qual a diferença entre segunda licenciatura e pós-graduação?

Em geral, se você já passou pela primeira graduação, não existem muitos segredos em relação à segunda graduação. 

O processo será o mesmo, diferenciando-se em pontos específicos como o aproveitamento de disciplinas, duração do curso, o seu amadurecimento para os estudos e objetivos profissionais. É ideal para quem busca atuar em uma área muito diferente da atual ou apenas por algum interesse pessoal.

Já a pós-graduação tem como objetivo especializar o estudante em uma área específica. Se você é formado em Direito, por exemplo, uma pós em Direito Público garante maior autoridade e preparo para atuar nessa área.

Os cursos dessa espécie não apenas oferecem aperfeiçoamento acadêmico e profissional, como também uma nova titulação.

Confira todos os cursos da Gran Faculdade!

Vem pra Gran Faculdade!

O Gran começou lá em 2012 e, desde então, vem mudando a vida de diversas pessoas. Nesses 10 anos de existência, construímos uma renomada reputação enquanto instituição de ensino:

  • Reconhecido pela Amazon como um dos projetos mais relevantes do mundo na área de Tecnologia e Educação;
  • O Gran venceu o Prêmio Reclame Aqui por seis anos seguidos na categoria “Educação – pré-vestibulares e concursos”
  • Foi eleito pelo Project Management Institute (PMI), um dos 50 Projetos Mais Influentes do mundo;
  • Somos o site de educação mais acessado do Brasil;
  • Somos avaliados com a nota máxima pelo MEC
  • Aqui o semestre começa quando quiser: entrada imediata e contínua!
  • Melhores preços do mercado;
  • Mais de 500 mil alunos pagantes e mais de 1000 funcionários;
  • Temos um dos RHs mais inspiradores do Brasil segundo a Gupy;
  • Diversas ferramentas de estudo: PDFs, audiobooks, mapas mentais, videoaulas, questões, gerenciador de estudos e muito mais!
  • Professores experientes e capacitados;
  • Acesso imediato e 100% online.

Quero ser aluno da Gran Faculdade!


Quer ficar por dentro da Faculdade EAD mais inovadora do Brasil? Então, clique nos links abaixo:

Se preferir, receba gratuitamente no seu celular as principais notícias sobre a Gran Faculdade, clique no link abaixo e inscreva-se no canal:

TELEGRAM

Avatar


29 de novembro8 min. de leitura