Concurso TRT 20: inscrições abertas para nível médio e superior. Inicial de até R$ 14 mil!

TRT 20

Candidatos que se preparam para o concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região (Concurso TRT 20 2016), atenção!

Estão abertas as inscrições no certame que visa o preenchimento de 6 vagas imediatas, além da formação de cadastro de reserva, que será utilizado durante o prazo de validade da seleção, que é de dois anos, podendo dobrar.

As inscrições deverão ser efetuadas no site da Fundação Carlos Chagas até o dia 26 de outubro, mediante pagamento de taxa no valor de R$ 110 (nível superior) ou R$ 90 (médio). O pagamento da importância referente à inscrição deverá ser feita por meio de Guia de Recolhimento da União – GRU – SIMPLES, até a data limite para o termino das inscrições.

As oportunidades de nível médio são para as funções de Técnico Judiciário, nas áreas administrativa, de enfermagem e de tecnologia da informação. Já para os graduados, as oportunidades serão para analista, nas áreas administrativa, judiciária, oficial de justiça avaliador federal, contabilidade, estatística, comunicação social, enfermagem, engenharia civil, fisioterapia, odontologia e medicina (do trabalho).

Os próximos concursados que ingressarem no judiciário federal trabalhista de Sergipe contarão com aumento salarial. Com isso, um técnico, que hoje tem inicial de R$ 5.365,92, receberá  R$ 7.591,37 após o fim das parcelas do reajuste. Já o analista passará de R$ 8.803,97 a R$ 12.455,30. Para o ano quem vem os valores estarão em R$ 6.160,75 para técnicos e R$ 10.108 para analistas. O PL prevê reajustes tanto no salário-base quanto na gratificação de atividade judiciária (GAJ). Já o topo das carreiras chegará, em 2019, a R$ 11.398 e R$ 18.701. 

Somado aos vencimentos, temos, ainda, o auxílio-alimentação, que hoje é R$ 884, auxílio-saúde, atualmente de R$ 300, e auxílio-natalidade, de R$ 700. Também pela lei que reestrutura os vencimentos, técnicos judiciários com curso superior receberão 5% como adicional de qualificação. Atualmente, a Lei 11.416/06, que trata das carreiras dos servidores do Poder Judiciário da União, garante esse adicional só para servidores com mestrado, doutorado ou especialização.  Com a  Gratificação de Atividade Externa – GAE, no valor de R$ 1.670,43, o  Analista Judiciário, Área Judiciária, Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal ingressa no TRT 20 com inicial de R$ 14 mil.

Para os que optarem pelo cargo de analista, haverá aplicação de prova objetiva com 60 questões, sendo 20 de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos. Além de redação para os da área administrativa; Duas questões discursivas com estudo de caso na especialidade oficial de justiça e demais especialidades de analista. 

Aqueles que optarem pela função de técnico, serão avaliados por meio de provas objetivas, que terão 20 questões de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos. Além de redação na área administrativa; prova discursiva com dois estudos de caso na área de enfermagem e na área de tecnologia da informação. Os conhecimentos gerais para função de técnico, na área administrativa, será composto por questões de língua portuguesa, noções de informática e raciocínio lógico. O exame será aplicado em  Aracaju/SE, no dia 04 de dezembro de 2016, sendo pela manhã para todas as áreas de técnico e à tarde para as de analista.

Apesar no baixo número de vagas imediatas, sabemos que tribunais, sejam do trabalho, de justiça ou eleitoras sempre nomeiam muitos candidatos. No caso do TRT 20, não será diferente. Enquanto perdurar a validade do concurso, centenas de candidatos devem ser nomeados. Prova disso está no quadro de discursivas ou estudos de casos que serão corrigidos.

No caso do Analista Judiciário – Areá Judiciária, 300 candidatos terão seus exames avaliados pela comissão do certame. Já na área administrativa, 200, e de oficial de justiça avaliador federal, mais 100. As demais funções especializadas de analista terão os 20 melhores classificados na objetiva para correção das questões discursiva. trt-20-tabela 

Agora o grande destaque fica por conta da função de Técnico Judiciário – Área Administrativa, em que 500 candidatos terão a prova discursiva corrigida e estarão classificados na seleção. A função de Técnico – Especialidade TI contará com 100 classificados. Por fim, até 30 técnicos em enfermagem poderão ser contratados ao longo da validade do certame.

O concurso de 2011 foi aberto para preencher 3 vagas imediatas e formar cadastro de reserva nos cargos de Analista e Técnico Judiciário. Mesmo com a abertura inicial de somente 3 vagas, foram 37 nomeados para o cargo de Analista Judiciário e outros 83 nomeados na carreira de Técnico Judiciário, o que reforça a já conhecida tese de que concursos em Tribunais nomeiam muitos aprovados. 


Detalhes:

  • Concurso: Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região (TRT da 20ª Região)
  • Banca organizadora: Fundação Carlos Chagas (FCC)
  • Cargos: Analista; Técnico
  • Escolaridade: Níveis médio e superior
  • Número de vagas: 6 + CR
  • Remuneração: Até R$ 14 mil  (Oficial de Justiça); R$ 7 mil Técnico e R$ 12 mil analista demais áreas
  • Inscrições: Entre 26 de setembro e 26 de outubro de 2o16
  • Taxas: R$ 90 ou R$ 110
  • Provas: 4 de dezembro de 2016 

edital

Gostou desta oportunidade? Prepare-se com quem tem tradição de aprovação e mais de 25 anos de experiência em concursos públicos. Cursos online  com início imediato, visualizações ilimitadas e parcelamento em até 12x sem juros

matricule-se 3

assinatura-ilimitada-

20-dias-garantia

tribunais grupo

Depoimentos de alunos aprovados AQUI. Casos de sucesso:

 CHEGUEI-LÁ2 (5)    CHEGUEI-LÁ2 (4)    CHEGUEI-LÁ2    CHEGUEI-LÁ    CHEGUEI-LÁ-Natálial
Anna Rodrigues
Anna Rodrigues
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online

Principais de Sergipe

Principais de TRT 20

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para o Topo