Concurso TRT 8ª Região 2016 para nível médio e superior altera requisitos e incluí conteúdo!

Concurso TRT 8ª Região 2016

Tribunal Regional do Trabalho da 8° Região (TRT 8ª Região 2016)

Com oferta para nível médio e superior, o Tribunal Regional do Trabalho da 8° Região (Concurso TRT 8ª Região 2016) divulgou duas retificações de seu edital de abertura. As mudanças foram anunciadas via Diário Oficial da União e referem-se ao requisito dos cargos 1 a 11, que passam a exigir diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior, além de modificar o conteúdo programático da disciplina Noções de Gestão Pública. Onde se lê: Resolução nº 70/2009, leia-se: Resolução nº 198/2014, e suas alterações.

As inscrições estão abertas e os interessados poderão se inscrever a partir das 10h do dia 8 de janeiro de 2016 às 23h59 do dia 27 de janeiro de 2016. Para tanto, deverão acessar o site do organizador, o Cebraspe (Cespe/UnB), e preencher o formulário. Para efetivar a inscrição, o candidato deverá efetuar a quitação da taxa, de R$ 120 (analista) e R$ 90 (técnico), por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança), podendo ser pago em qualquer banco, bem como nas casas lotéricas e nos Correios. O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado até o dia 16 de fevereiro de 2016.  São oferecidas 28 vagas imediatas, além da formação de cadastro de reserva, que deverá ser utilizado durante o prazo de validade do certame, que é de 2 anos, podendo dobrar. Há reserva de vagas para negros e pessoas com deficiência. 

Um fator que reforça a ideia de nomeações além da vagas é o histórico dos últimos concursos. Na última seleção, realizada em 2013  e também organizado Cespe/UnB, houveram mais de 500  nomeações, sendo a maioria para o cargo de Técnico Judiciário –  Área: Administrativa (275), seguido dos postos de Analista Judiciária – Áreas: Judiciária (136), Administrativa (24) e Oficial de Justiça Avaliador Federal (46) (veja aqui ). No de 2010 também não foi diferente, foram mais de 268 nomeações para as diversas áreas.

Outro fator que demostra que o provimento além das vagas imediatas se dará  é visto no quadro de correção das provas discursivas. Segundo consta no edital (acesse abaixo), 3.550 candidatos terão seus exames corrigidos, sendo a maioria para o posto de Técnico Judiciário –  Área: Administrativa (1.000), seguido dos postos de Analista Judiciária – Áreas: Judiciária, Administrativa e Oficial de Justiça Avaliador Federal, com 1.000, 400 e 300, respectivamente.

A oferta contempla os cargos de Analista Judiciário – Áreas: Judiciária; Oficial de Justiça Avaliador Federal e Administrativa, que requerem graduação em direito e nível  superior em qualquer área, respectivamente, apoio especializado em  Contabilidade, Arquitetura, Enfermagem, Engenharia Civil, Engenharia Elétrica,  Medicina do Trabalho,  Odontologia, Psicologia, Serviço Social e Tecnologia da Informação, que exigem formação na respectiva área,  além de oportunidades para os cargos de Técnico Judiciário – Área: Administrativa, de nível médio, e Técnico em apoio especializado em Tecnologia da Informação. A lotação da maioria dos aprovados será nas Zonas Eleitorais do interior do Estado. A carga para todos os postos é de até 40h semanais e as remunerações iniciais são de R$ 6.224,79 para técnicos e R$ 9.662,84 para analistas, exceto oficial de justiça, que o inicial é de R$ 11.274,75. O regime de contratação será o estatutário, o que garante a sonhada estabilidade.

Provas – A novidade para este concurso está nas provas objetivas, que não seguirão o padrão Cespe (julgamento de certo ou errado), sendo composta por 60 questões de múltipla escolha, com cinco opções (A, B ,C ,D, E) para todos. Haverá ainda aplicação de prova de estudo de caso para todos os postos de analista e de texto dissertativo para técnico. Os exames serão aplicados no dia 13 de março de 2016 nas cidades de Belém/PA, Macapá/AP, Marabá/PA e Santarém/PA, contendo 4h de duração e aplicação em turnos distintos, sendo pela manhã para nível superior e à tarde para nível médio.

Detalhes:

  • bullet1.gif (844 bytes)Concurso: Tribunal Regional do Trabalho da 8° Região (Concurso TRT 8ª Região 2016)
  • bullet1.gif (844 bytes)Organizador: Cespe/UnB
  • bullet1.gif (844 bytes)Cargo: Analista;  Técnico 
  • bullet1.gif (844 bytes)Escolaridade: Nível superior
  • bullet1.gif (844 bytes)Estados: Amapá e Pará
  • bullet1.gif (844 bytes)Número de vagas: 28 + CR
  • bullet1.gif (844 bytes)Remuneração: Até R$ 11 mil
  • bullet1.gif (844 bytes)Inscrições: Entre 8 de janeiro de 2016 e 27 de janeiro de 2016
  • bullet1.gif (844 bytes)Taxa: R$ 120 ou R$ 90
  • bullet1.gif (844 bytes)Prova objetiva/discursiva: 13 de março de 2016

edital
Gostou desta oportunidade? Prepare-se com quem tem tradição de aprovação e mais de 25 anos de experiência em concursos públicos.
Cursos online com início imediato, visualizações ilimitadas e parcelamento em até 12x sem juros

matricule-se 3

Apostila preparatória para o concurso do TRT da 8ª Região por apenas R$ 24,90!

TRT8-APOSTILKA
tribunais grupo

Depoimentos de alunos aprovados AQUI. Casos de sucesso:

 CHEGUEI-LÁ2 (5)    CHEGUEI-LÁ2 (4)    CHEGUEI-LÁ2    CHEGUEI-LÁ    CHEGUEI-LÁ-Natálial
Willian Chimiti
Willian Chimiti
Equipe de Comunicação do Gran Cursos Online

Principais de Amapá

Principais de Pará

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para o Topo