Cronograma de estudos para concurso: como montar o seu?

Confira como começar a estudar com mais eficiência montando um bom cronograma de estudos para concurso!

Avatar


16/09/2021 | 16:47 Atualizado há 31 dias

Ser aprovado em concursos públicos não é uma tarefa fácil: essa é uma verdade que todo concurseiro já sabe.  Porém, apesar de todas as dificuldades no caminho, também existe uma série de ferramentas capazes de facilitar e encurtar essa jornada. O cronograma de estudos para concursos sem dúvida é uma delas, já que a organização está ao lado da dedicação e resiliência na lista de qualidades presentes em concurseiros bem sucedidos.

Além disso, para muitas pessoas, a conquista de um cargo público é o objetivo foco, um sonho. E para atingir qualquer objetivo de maneira certeira, eficiente e rápida são necessárias cursos de ação, estratégias. Daí entra o seu cronograma de estudos para concurso!

Navegue pelo índice abaixo do passo a passo para a formulação de um bom cronograma de estudos para concurso:

  1. Objetivos e recursos
  2. Verticalização e hierarquização do conteúdo
  3. Formato de estudos
  4. Cronograma de estudos para concurso com questões
  5. Videoaula

Cronograma de estudos para concurso: passo a passo

Se você está começando sua trajetória no mundo dos concursos públicos agora, é normal se sentir perdido! Por isso, não se preocupe! Vamos te ajudar com um passo-a-passo de como criar a melhor rotina de estudos para você.

Mantenha em mente que muitos de nossos passos foram propostos e elaborados pelo professor Guilherme Bitar, aqui do Gran! Você pode conferir o conteúdo também em vídeo ao final desse artigo!

1° passo para montar um bom cronograma de estudos para concurso: objetivos e recursos

Um cronograma de estudos não existe sem objetivos, já que é uma ferramenta estruturada justamente para garantir o cumprimentos destes. Por isso, o primeiro passo para montar um bom cronograma de estudos para concursos é definir:

a) Área e cargo

Foi-se o tempo em que era possível estudar de maneira genérica e colher bons resultados em concursos públicos. Com o mundo de certames cada vez mais exigente e competitivo, as bancas avaliadoras aumentaram bastante o seu nível de cobrança e complexidade, focando  na especialização de conhecimentos de cada cargo.

Na prática, isso quer dizer:

  • Maior peso e cobrança para conhecimentos específicos;
  • Maior frequência e volume na aplicação de provas discursivas;
  • Menos cobrança da literalidade da lei e conceitos e maior aplicação destes à realidade do cargo ao qual o certame se destina.

Dessa forma, é muito importante que você defina a área e o cargo para o qual pretende prestar concurso público e foque o seu cronograma de estudo para concurso naquele objetivo.

Neste momento, os fatores que podem ajudar na sua decisão para a área são:

  • Sua afinidade e/ou graduação;
  • A viabilidade da oportunidade (se existe concurso aberto ou previsto);
  • O local onde você mora ou gostaria de morar;
  • Faixa de remuneração;
  • Seus objetivos pessoais e profissionais.

Separe um momento para responder todas essas perguntas com sinceridade e você perceberá que sua busca já ficará um pouco mais específica. Depois de definir a área, é hora de definir o cargo! Fatores que podem te ajudar são:

  • Identificação com as atividades realizadas;
  • Carga-horária, dia-a-dia do profissional;
  • Perspectivas de crescimento;
  • Benefícios;

Você deve ter percebido que as respostas para boa parte dessas perguntas é intuitiva. Contudo, para outras é necessário que você pesquise um pouco mais sobre o mundo dos concursos: quais são os concursos previstos e abertos? Quais são os concursos na sua região e área de interesse? Quais são os pormenores de cada cargo? Todas essas informações podem ser encontradas aqui no Blog Gran Cursos, por exemplo!

Confira abaixo alguns links que podem te ajudar a responder as questões propostas e ajudar na criação de um macro objetivo para o seu cronograma de estudos para concurso:

b) Objetivo macro e primeiras metas

Depois de responder aos questionamentos do item anterior, você provavelmente terá o seu objetivo macro, que é o principal motivo para os seus estudos, definido. Quer um exemplo? Tornar-se um Auditor de Controle Externo do Tribunal de Contas da União é um objetivo macro. A partir dele você pode selecionar os concursos públicos que atinjam (ou se aproximem mais) das suas expectativas.

Por questão de perspectiva, muitas pessoas preferem estudar para concursos com edital já publicado. Contudo, isso nem sempre pode ser a melhor abordagem, principalmente se você é novo no mundo dos concursos. O tempo desde a publicação do edital até a realização do concurso costuma ser apenas de alguns meses, criando uma perspectiva apertada de cronograma especialmente para quem vai iniciar tudo do zero. Não é impossível, nunca é impossível! Porém, é mais difícil!

Por isso, não exclua um concurso da sua lista especialmente se ele estiver previsto ou autorizado, mas ainda sem edital. Afinal, são esses certames públicos que te possibilitam uma janela de tempo mais ampla para a preparação.

Para que seu objetivo macro se torne possível , ainda é preciso estabelecer metas menores que podem ser: terminar o conteúdo de Língua Portuguesa em 2 meses ou concluir um número de horas específico de estudo a cada semana. Basta pensar na conquista do seu objetivo como empilhar blocos: começa pequeno, mas eventualmente chega ao topo. Quando falamos nas metas menores, finalmente estamos falando da estrutura do cronograma de estudo para concursos, que exploraremos com mais profundidade nos próximos passos.

c) Tempo, dinheiro e disposição

Suas metas menores precisam estar pautadas nos recursos reais que você tem a sua disposição. E quando falamos nisso, estamos falando de tempo (horas ativas de estudo e oportunidades coringa), dinheiro (para investir em conteúdos de qualidade) e disposição (para não deixar a bola cair e permanecer focado no seu cronograma!).

No quesito tempo, coloque na ponta do lápis quantas horas de estudo ativo (que é aquele estudo onde você não só lê ou escuta, como responde questões, faz resumos, mapas mentais. Enfim, assimila e aplica o conhecimento) e oportunidades coringa (ocasiões em que o estudo não será sua atividade primária, mas você poderá dedicar alguma parcela da sua atenção a ele. Ouvir a uma videoaula enquanto está no ônibus, por exemplo) você tem a sua disposição durante a semana.

Veja o exemplo abaixo de uma quantificação aproximada de horas de estudo durante a semana:

Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Domingo
Horas de estudo ativo 2 3 3 2 6 2
Horas/ Oportunidades Coringa 0 0 2 0 3 3

A pessoa imaginária do exemplo, assim, poderia dispor de 18 horas de estudo por semana, de acordo com seus planos. As oportunidades coringa ainda corresponderiam a 8 horas adicionais, se puderem ser concretizadas. Veja que colocamos em destaque a palavra “aproximada”.

É muito importante que você tenha em mente que o cumprimento integral do seu cronograma de estudos para concurso nem sempre será possível. Imprevistos acontecem e é preciso saber viver com eles sem deixar que sejam capazes de desmotivá-lo a continuar a caminhada! Daí entra a sua disposição! Não sofra pelo que não foi feito, mantenha seu foco no que pode ser feito desse ponto em diante!

Por fim, mas não menos importante, avalie também quanto dinheiro você tem para investir em materiais. A preparação para concursos públicos se torna bem mais fácil quando o candidato pode acessar materiais em formatos diversos (PDFS, videoaulas, audioaulas, mapas mentais, esquemas),  principalmente considerando que o processo de aprendizado é muito beneficiado pelo dinamismo e variação de estímulos sensoriais.

Assim, caso você possa adquirir um curso preparatório para o seu certame de escolha, uma assinatura para um site de resolução de questões de concurso comentada ou mesmo direcionamento de qualidade faça isso! Este é o cenário ideal para que seu caminho até a aprovação seja ainda mais rápido!

No Gran Cursos Online você confere uma série de planos com valores distintos, bem como milhares de materiais e cursos gratuitos para te ajudar a garantir a aprovação em concursos públicos seja qual for o seu orçamento!

Acesse o Gran Cursos Online e escolha seus materiais! 

2° passo para montar um bom cronograma de estudos para concurso: verticalize e hierarquize o conteúdo

Com o seu número de horas por dia estabelecido para investir nos estudos, é hora de selecionar as matérias. Essa é, sem dúvida, uma das partes que mais confunde os concurseiros devido aos extensos conteúdos programáticos previstos em editais de certames públicos. Separamos e selecionamos algumas dicas para te ajudar com isso. Confira!

Pelo edital

O primeiro passo para enfrentar a montanha de conhecimentos é anotá-los em um documento a parte (ou no próprio edital impresso, como você preferir) e classificar cada linha de assunto cobrado nas categorias A, B e C. Sendo assim:

  • A: Conhecimentos que você domina e precisaria apenas de uma revisão;
  • B: Conhecimentos intermediários, que ainda precisam de mais estudo, mas que você possui uma noção.
  • C:Assuntos que você nunca viu ou estudou.

Agora você já tem um mapa de forças e pontos fracos, que influenciará no seu cronograma de estudos. Obviamente, as disciplinas que você nunca viu poderão ocupar um espaço maior especialmente nas primeiras semanas, mas isso poderá se alterar com o tempo e de acordo com os próximos fatores a serem considerados.

Alguns editais informam o quantitativo de questões para cada assunto. Se esse for o caso, você já pode ter uma ideia dos assuntos mais cobrados diretamente pelo documento. Quando isso não acontece, contudo, a análise pode ser feita a partir de provas e editais passados.

Por provas passadas

Procurar por provas passadas do concurso público que você pretende prestar irá te ajudar não apenas na construção do cronograma de estudos para concurso, como também na sua rotina de preparação direta. Afinal, por meio delas você poderá:

  • Obter o quantitativo de questões para cada matéria e assim descobrir os assuntos mais cobrados;
  • Conhecer o estilo da banca;
  • Se acostumar com o modelo da prova;
  • Evitar cair em pegadinhas.

A recomendação é buscar provas dos últimos três anos. Dessa forma, existe mais possibilidade que os conteúdos estejam devidamente atualizados. Quando isso seja possível, busque as provas mais recentes e procure por outras provas da banca organizadora responsável pelo certame.

No Gran Cursos Questões, você pode obter um quantitativo de questões automaticamente, utilizando a ferramenta “Assuntos Mais Frequentes”. Basta que você informe o órgão e o cargo e o sistema traduzirá automaticamente as informações.

Veja o exemplo abaixo para o concurso MP AP Promotor:

Cronograma de estudos para concurso: como montar o seu?

Cronograma de estudos para concurso: MP AP Promotor

Você não paga nada para acessar a ferramenta! Basta fazer o cadastro gratuito na plataforma. Além de consultar assuntos frequentes, você também tem acesso a provas passadas e um acervo com milhares de questões de concurso comentadas por professores!

Faça seu cadastro gratuito no Gran Cursos Questões 

Para te ajudar a classificar e hierarquizar o seu conteúdo para o cronograma de estudos para concurso, você ainda poderá se pautar por:

  • Peso de acordo com o edital;
  • Importância apontada pelos professores;
  • Quantidade de conteúdo;
  • Dificuldade percebida.

3° passo para montar um bom cronograma de estudos para concurso: defina o formato dos seus estudos

O aprendizado é muito particular para cada pessoa e acontece a partir da obtenção de hábitos graduais e do processo de autoconhecimento. Por isso, saiba que não existe certo e errado na hora de instituir sua rotina de estudo. O que existe, na verdade, são formatos para te guiar a encontrar melhores resultados.

Dentre estes podemos citar alguns modelos de estruturar seus estudos, que são:

  • Grade horária: muito similar àquela encontrada nas escolas. Baseia-se na divisão de horários por semana e atribuição de uma matéria diferente para cada período.
  • Ciclo de Estudos: baseia-se em um ciclo estratégico de estudos, que pode se repetir para algumas matérias e variar de acordo com a necessidade. Se a Língua Portuguesa é muito cobrada, por exemplo, ela pode estar sempre presente na sua rotina de estudos até que o conteúdo se esgote.
  • Misto: uma junção dos dois e a preferida de muitos concurseiros.

No que diz respeito ao número de horas estudadas, não existe um consenso oficial sobre a melhor estratégia. Contudo, sempre que possível, busque diversificar as matérias estudadas por dia. Lembre-se que o estudo para concursos na maioria dos casos se beneficia mais pela diversidade do que pela profundidade.

3° passo para montar um bom cronograma de estudos para concurso: respeite o seu cronograma!

Busque sempre honrar e respeitar os compromissos estabelecidos pelo cronograma de estudo! Caso você tenha dificuldades em mantê-lo, estabeleça novas metas! Não espere um rendimento 100% perfeito em todas as semanas! Mantenha em mente que existem diferentes circunstâncias internas e externas que também podem influenciar nos seus resultados. O importante é se manter dedicado e não desistir dos estudos! Mesmo que você só consiga estudar uma hora por dia, use essa hora da melhor maneira possível e não deixe de se dedicar! Os frutos dessa dedicação eventualmente virão.

Se for necessário remanejar o seu cronograma, faça isso, mas tente sempre estudar com um sistema de organização  para te ajudar e orientar. Caminhar sem direção na hora dos estudos é uma furada e quase sempre irá resultar em  perda de tempo e aborrecimentos!

4° passo para montar um bom cronograma de estudos para concurso:  cronograma de estudo para concursos com questões

A resolução de questões de concurso (especialmente aquelas que possuem gabarito comentado), é essencial para otimizar suas rotinas de estudo, colocando conhecimentos teóricos na prática e concretizando-os na sua memória de longo prazo. Por meio dessa técnica de estudo, você também se torna capaz de conhecer melhor o perfil da banca avaliadora e se acostumar com o modelo de prova.

Com a assinatura ilimitada do Gran Cursos Online ou  tornando-se um usuário  premium no Gran Cursos Questões, você pode ter acesso à ferramenta Plano de Estudos, capaz de criar rotinas de estudo baseada na resolução de questões mais relevantes para as matérias do certame que você pretende prestar! As questões são dividas por matéria e você pode acompanhar o seu progresso conforme resolve itens. Assim, fica mais fácil identificar pontos fortes e fracos para ajudar a hierarquizar os conteúdos para o concurso.

Saiba mais sobre o Plano de Estudos do Gran Cursos Questões 

5° passo para montar um bom cronograma de estudos para concurso: monte o seu com o professor Guilherme Bitar!

Ao longo do artigo apresentamos uma série de dicas para ajudar a te guiar em direção ao cronograma de estudos para concurso perfeito para você! Várias dessas dicas foram retiradas do vídeo a seguir, uma aula exclusiva de como organizar e montar cronogramas de estudos com professor Guilherme Bitar aqui do Gran! Confira:


Quer ficar por dentro dos concursos públicos abertos e previstos pelo Brasil? Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2021 e CONCURSOS 2022

Receba gratuitamente no seu celular as novidades do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

TELEGRAM

 

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
114

0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *