TRE/MG: Consuplan vai organizar concurso! Edital iminente!

Willian Chimiti


16/10/2014 | 07:58 Atualizado há 2043 dias

TRE/MG: Consuplan vai organizar concurso! Edital iminente!
A Consulplan foi escolhida para organizar o concurso para técnico judiciário do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). A escolha da empresa ocorreu na última terca-feira, dia 14 de outubro, através de pregão eletrônico. 
 
Os interessados deverão itensificar os estudos, uma vez que, após escolha da organizadora, estará mais próximo da divulgação do documento contendo as regras do concurso. Inicialmente, serão oferecidas 19 vagas, sendo 16 destinadas à função de técnico judiciário na área Administrativa, uma de técnico em Contabilidade, duas de técnico em Edificações e cadastro reserva para apoio especializado na área de Programação de Sistemas. Há grandes chances de candidatos serem chamados além do número de estipulado, como aconteceu em 2008.
 
De acordo com a sub-secretária do órgão, Patrícia Montenegro, com a entrada de novos servidores, possibilitará o funcionamento mais adequado, principalmente nos cartórios eleitorais do interior, que apresentam déficit maior de pessoal. O prazo de validade do concurso será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período, permitindo a chamada de mais aprovados do banco de concursados. Além disso, é uma ótima oportunidade para aqueles que buscam estabilidade e crescimento, uma vez que o cargo possui planode carreira em que o servidor passa por 13 níveis e a remuneração pode chegar a R$7 mil.
 
De acordo com as regras da seleção, os candidatos serão submetidos a provas objetivas de conhecimentos básicos e específicos. Para a área administrativa serão 20 questões de conhecimentos gerais (Lingua Portuguesa, noções de Informática, Normas dos Servidores Públicos e Regimento Interno), 40 de conhecimentos específicos (Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Eleitoral e Regimento Interno). As duas questões discursivas serão de Direito Constitucional ou Administrativo, e Direito Eleitoral. Para as demais áreas serão 40 questões de conhecimentos gerais, 20 de conhecimentos específicos (cada área) e duas discursivas. Os técnicos judiciários da área administrativa terão como atribuições executar atividades de nível intermediário relacionadas com as funções de administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, controle interno, bem como as de desenvolvimento organizacional e suporte técnico e administrativo ás unidades organizacionais.
 
Últimas seleções – Em 2008, foram oferecidas 100 vagas nas áreas de Contabilidade, Programação de Sistemas, Administrativa e Enfermagem no concurso. A seleção atraiu 80 mil candidatos, e teve validade de dois anos, sendo prorrogada por mais dois, onde mais aprovados foram chamados até o final de 2013. Na última seleção, em 2012, a Consulplan foi a organizadora e seguiu seu padrão, com alternativas curtas e objetivas, cobrando todo o conteúdo do edital. Uma das disciplinas abordadas nesta seleção, exceto para a área Administrativa, foi Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais. A matéria nada mais é do que a disciplina de Regime Jurídico dos Servidores Públicos.

Gostou desta oportunidade? Prepare-se com a única escola preparatória que conta com 25 anos de tradição e mais de 550.000 aprovados em concursos públicos.

Cursos Online – Início Imediato

Confira o ‘Traduzindo o Edital’ com o Professor Granjeiro

Willian Chimiti

Equipe do Gran Cursos Online
0

3

Comentários (3)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *