Concursos da área fiscal: o que estudar? Saiba mais!

Você sonha em garantir um cargo na carreira fiscal? Então, este artigo é para você! Descubra como se preparar com mais eficiência e garantir a aprovação!

Avatar


09/08/2021 | 15:38 Atualizado há 7 dias

Por causa das  elevadas remunerações, benefícios, estabilidade e relevância dos cargos, a carreira fiscal é uma das desejadas pelos concurseiros. As oportunidades de atuação no setor público, com ingresso por  meio de concursos da área fiscal são muitas, compreendendo vagas municipais, estaduais e federais para analistas, inspetores, auditores e agentes fiscais.

Mas você sabe como se preparar para os concursos da área fiscal? Acompanhe o artigo para descobrir como iniciar (ou otimizar) os seus estudos e garantir seu lugar numa das melhores áreas da iniciativa pública!

Destaques:

 

Concursos da área fiscal: quais são os requisitos?

O ingresso nas carreiras fiscais públicas ocorre apenas mediante aprovação e classificação em todas as etapas de concurso público. O Concurso Receita Federal é uma das maiores referências nesta área. Por isso, podemos tomar as suas principais etapas como exemplo:

  • Provas objetivas e discursivas;
  • Investigação Social ou Sindicância da Vida Pregressa.

Apesar de não ter sido contemplada na última seleção da Receita Federal, a Prova de Títulos torna-se para vez mais comuns para filtrar os candidatos. Por isso, deve ser considerada na sua preparação sempre que possível.

Quando o assunto é formação, a maior parte dos concursos da área fiscal exige comprovação do ensino superior, sem especificação de área. Também por isso é uma área muito querida pelos concurseiros.

Concursos da área fiscal: matérias básicas

Ao estudar para um segmento específico de cargos públicos, é muito comum se deparar com uma listagem de conhecimentos comuns à maioria das seleções. Isso acontece com ainda mais expressividade nos concursos da área fiscal, girando em torno de 6 matérias básicas indispensáveis, de acordo com o professor Alexandre Meirelles aqui do Gran. Confira:

Matérias básicas para os concursos da área fiscal 

  1. Direito Tributário
  2. Direito Constitucional
  3. Direito Administrativo
  4. Língua Portuguesa
  5. Contabilidade Geral
  6. Matemática e/ou Raciocínio Lógico

Estima-se que o tempo de construção dessa base essencial de conhecimentos seja de pelo menos um ano. Por isso, é importante ver a carreira fiscal como um investimento a longo prazo, especialmente considerando o nível das provas, o grau de competitividade e a extensão dos conteúdos programáticos, que podem chegar até 26 disciplinas!

Mas não se preocupe! Depois de concluir a base para carreiras fiscais, você será capaz de fazer adequações e aplicar-se para a maioria dos concursos da área fiscal com muito mais facilidade.

Veja aqui o curso preparatório de matérias básicas para a Carreira Fiscal do Gran! 

Concursos da área fiscal: como estudar?

Um dos pontos chave para garantir um bom desempenho em concursos da área fiscal está na organização e bom uso do tempo. Afinal, ele será seu maior aliado para conseguir aprender, assimilar e reter todos conhecimentos necessários para garantir uma aprovação. Levando isso em consideração, veja as principais dicas abaixo de como estudar para concursos da área fiscal:

Não espere o edital

O estudo pré-edital possui muito mais vantagens do que desvantagens. Afinal, a partir dessa prática, você garante mais tempo para garantir o seu diferencial em relação a outros candidatos: no final das contas, o destaque estará naqueles que tiveram mais tempo para se preparar e assim construíram bases mais sólidas.

Ademais, ao iniciar seus estudos no período pré-edital, você também pode começar os estudos de forma gradual, minimizando o choque de ter de estudar logo de cara 6 a 8 horas por dia. Lembre-se que o estudo é uma hábito que se beneficia muito mais da constância do que da intensidade.

Como se orientar na fase de estudos pré-edital para a carreira fiscal?

Por meio dos editais anteriores e das provas realizadas. Devido à eventuais mudanças de regulamento e banca, costuma-se priorizar as provas realizadas nos últimos 5 anos. Caso seu órgão de escolha não realize um certame a mais tempo que isso, como é o caso do Concurso Receita Federal, busque os materiais mais recentes possíveis.

Além disso, adquirir um curso preparatório também poderá a ajudar neste departamento, já que esses programas serão capazes de orientar a sua preparação com ainda mais acerto, baseado em análises de perfil da banca, cargo e outros recursos.

Saiba TUDO sobre o Concurso Receita Federal 

Tenha um programa de estudos

A conquista de qualquer objetivo se beneficia (e muito!) de um plano. No caso dos estudos para concursos da área fiscal, o raciocínio é o mesmo, especialmente considerando a importância de uma boa administração de tempo para contemplar as matérias previstas em edital.

Uma das técnicas de estudo mais modernas e muito empregada pelos concurseiros é o Ciclo de Estudos. Como o próprio nome sugere, o princípio está em organizar suas rotinas de estudos em pequenas metades para cada disciplina. Ao contrário do esquema de grade horária, o ciclo de estudos é mais flexível e permite que o aluno adéque-o mais facilmente às suas outras atividades.

Veja abaixo um exemplo de ciclo de estudos de matérias básicas para concursos da área fiscal:

ciclo-de-estudos-concursos-da-area-fiscal

 

O raciocínio é simples: basta escolher um ponto para iniciar seu ciclos de estudos e seguir daí. A ideia não é rodar (concluir e começar o círculo) em apenas um dia (até porque em alguns casos, isso é até impossível). Na verdade, a intenção é fornecer um guia objetivo para guiar toda a sua preparação. Ao “concluir” o ciclo diversas vezes, você se aprofunda no conteúdo, sofisticando e aprimorando seu desempenho.

Meu ciclo de estudos permanece o mesmo do início ao fim?

Depende. Contudo, é importante não enxergar o ciclo de estudos como imutável. Essa ferramenta pode e deve ser adequada para garantir o melhor desempenho individual de cada aluno. Quer um exemplo? Se o ciclo dita que você precisa dedicar 2 horas para português e 1 hora para Direito Constitucional, mas você já domina Língua Portuguesa, nada impede que menos tempo seja reservado à essa disciplina.

Mas aí vai a dica de ouro: mesmo que você seja um expert em determinado campo, ainda é preciso estudar, mesmo que em menor quantidade. Afinal, os concursos públicos farão cobranças pontuais e você precisa adequar seus conhecimentos a elas. Nada pior do que perder itens em uma matéria que você achava que dominava por falta de prática no modelo de cobrança, não é mesmo?

Quer saber mais sobre o ciclo de estudos para concursos da área fiscal? Confira abaixo a aula exclusiva com o professor Alexandre Meirelles:

Resolva questões, simulados e provas passadas

Fazendo um gancho com o que mencionamos no item anterior, estudar por questões é essencial para garantir que todos os seus esforços no âmbito teórico estejam surtindo efeito. Afinal, apenas por meio dessa técnica, os conhecimentos são colocados em prática e o desempenho das estratégias de estudo podem ser mensurados.

Estudar por questões também pode ser um excelente hábito de fixação e revisão de conhecimentos, empregados no seu cotidiano de estudos.  Os simulados ainda ajudam a controlar o tempo gasto em cada item , o nervosismo do dia da prova e fornecem um espelho muito aproximado do seu desempenho geral.

As provas passadas, por sua vez, ajudam não só a compreender os padrões de cobrança da banca examinadora, como também a frequência e forma de abordagem de conteúdos!

No Gran Cursos Questões, você encontra todos esses três recursos de forma fácil e gratuita. Faça seu cadastro e desfrute do estudo de questões comentadas por professores e especialistas hoje mesmo!

Faça seu cadastro no Gran Cursos Questões 

Aposte nas revisões!

Já mencionamos anteriormente que a lista de conteúdos para a carreira fiscal é extensa. Exatamente por isso, o recurso da revisão torna-se ainda mais importante. Para garantir uma assimilação maior de conteúdos, crie o costume de fazer revisões.

Isso pode ser feito de maneira mais efetiva por meio de:

  • Leitura de resumos, flashcards, mapas mentais e o/ou esquemas;
  • Resolução de questões comentadas da matéria.

Os resumos, flashcards e mapas mentais podem ser produzidos por você durante a sua rotina de estudos. Assim, você colhe os benefícios desses materiais de maneira dupla. Quando à constância de revisões, vai depender da sua rotina de preparação: alguma pessoas reservam um dia na semana apenas para revisar, outras fazem grandes retomadas de 15 em 15 dias! O que vale é encontrar a rotina que funcione melhor para o seu caso.

Saiba mais sobre como fazer revisões e concursos públicos

Considere uma pós-graduação lato-sensu

Os concursos da área fiscal são conhecidos por seu altíssimo nível de concorrência. Assim, cada ponto vale. Por isso, caso você opte por uma seleção que possua Prova de Títulos, garantir um diploma de  pós-graduação pode ser auxiliar na sua conquista.

Os benefícios são ainda maiores caso você opte por uma pós diretamente relacionada ao certame ou cargo que você deseja ocupar no futuro. Quer uma exemplo? A pós preparatória 2 em 1 com foco em Auditoria Fiscal da Gran Pós-Graduação te prepara para os principais certames da área e ainda te ajudando a garantir o título de especialista. O curso dura no máximo 18 meses, é 100% online e os certificados são reconhecidos pelo MEC, sendo válidos em todo o território brasileiro.

Saiba mais sobre a pós em Auditoria Fiscal do Gran Pós preparatório

 

Concursos da área fiscal: confira dicas em vídeo!

Ainda ficou com alguma dúvida sobre a preparação para a carreira fiscal? Então confira o vídeo-guia abaixo com o professor Alexandre Meirelles!

Quer ficar por dentro dos concursos públicos abertos e previstos pelo Brasil? Clique nos links abaixo:

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2021

Receba gratuitamente no seu celular as novidades do mundo dos concursos!
Clique no link abaixo e inscreva-se gratuitamente:

TELEGRAM

Avatar

Equipe do Gran Cursos Online
2

0


Tudo que sabemos sobre:

concursos área fiscal


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *